Concurso Marinha (CPAEAM) 2017

Boa notícia aos candidatos interessados em carreira na Marinha do Brasil! Publicado o edital de abertura do Concurso Público de Admissão às Escolas de Aprendizes-Marinheiros (CPAEAM), que tem como objetivo o preenchimento de 1.240 vagas. Deste total, 248 vagas serão destinadas aos candidatos negros. >> Apostila Marinha - Aprendizes Mar...

Status do concurso: Encerrado

Materiais disponíveis

Última Notícia

Últimas horas de inscrições para mais de 1.200 vagas da Marinha

Marinha encerra hoje as inscrições para mais de 1200 vagas de aprendiz de marinheiro. Veja aqui mais informações e inscreva-se

Continuar Lendo

Histórico de Notícias

01/02/2017

Começam hoje inscrições de mais de 1.200 vagas para Marinha do Brasil!

Marinha do Brasil inicia hoje as inscrições para mais de 1.200 vagas de Marinheiros. Veja aqui mais informações de como participar do concurso

Continuar lendo
31/01/2017

O que cai na prova: Marinha (CPAEAM) 2017

Abertas as inscrições do Concurso Público de Admissão às Escolas de Aprendizes-Marinheiros (CPAEAM). São 1.240 vagas, para ensino médio ou equivalente.

Continuar lendo
24/01/2017

Saiu edital pra Marinha: concurso CPAEAM tem 1.240 vagas

Concurso CPAEAM abre mais de 1.200 vagas para Aprendizes-Marinheiros. Veja aqui mais informações de carreira, salários e inscrições

Continuar lendo

Concurso Marinha 2017Boa notícia aos candidatos interessados em carreira na Marinha do Brasil! Publicado o edital de abertura do Concurso Público de Admissão às Escolas de Aprendizes-Marinheiros (CPAEAM), que tem como objetivo o preenchimento de 1.240 vagas. Deste total, 248 vagas serão destinadas aos candidatos negros.

>> Apostila Marinha – Aprendizes Marinheiros com DESCONTO no pagamento à vista no boleto!

Requisitos

Os requisitos para se candidatar a uma das vagas são:

  • Sexo masculino, solteiro ou que não tenha união estável;
  • Ter 18 anos completos e menos de 22 anos de idade no primeiro dia do mês de janeiro 2018;
  • Ter concluído, com aproveitamento, o ensino médio ou equivalente até a data prevista no calendário de eventos para a verificação de documentos.

 

Inscrições

As inscrições terão início no dia 01 de fevereiro e se encerram no dia 6 de março de 2017. Os interessados devem acessar o site da organização, ensino.mar.mil.br, a Diretoria de Ensino da Marinha (DEnsM).

No ato da inscrição, será permitido ao candidato manifestar preferência por cursar em uma das Escolas de Aprendizes-Marinheiros (EAM). Entretanto, a Marinha reserva-se o direito de designar o candidato para qualquer outra das escolas, atendendo, se possível, à classificação do candidato.

O valor da taxa de inscrição é de R$ 30,00.

Provas

A avaliação será dividida entre as etapas: prova escrita objetiva, inspeção de saúde, teste de aptidão física, avaliação psicológica, verificação de dados biográficos e verificação de documentos.

As questões da prova objetiva, cuja a data ainda não foi definida, serão compostas pelas seguintes disciplinas:

  • Matemática (15 questões);
  • Português (15 questões);
  • Ciências, Física e Química (20 questões).

 

Curso de Formação de Marinheiros

Os aprovados serão conduzidos as Escolas de Aprendizes-Marinheiros (EAM), sob regime de internato. O curso terá duração de um ano letivo, realizado em 48 semanas, no qual serão ministradas disciplinas do ensino básico e do ensino militar-naval.

Durante o curso, além de alimentação, uniforme, assistência médico-odontológica, psicológica, social e religiosa, o aprendiz-marinheiro receberá uma bolsa-auxílio de aproximadamente R$ 1.000,00. O início do curso é previsto para o dia 22 de fevereiro de 2018.

Conclusão do curso

Após a conclusão do curso, o grumete prestará juramento à bandeira, e assumirá compromisso de tempo de serviço por um período de 2 anos, contados a partir do dia imediato ao do término do Curso de Formação de Marinheiros.

Só então será nomeado Marinheiro Especializado e incorporado ao Corpo de Praças da Armada (CPA), permanecendo três anos nessa graduação. No terceiro ano, o militar fará o curso de especialização com duração de um ano e, se concluir o curso com aproveitamento, será nomeado Cabo, recebendo diploma de formação técnica dentro da área escolhida, reconhecida pelo MEC, com remuneração de cerca de R$ 2.500,00.

Acompanhe nossas

redes sociais