Área Fiscal, Tribunais, Policial, Prefeituras – Por onde devo começar?

icone calendario 27 dez 2017

Final de dezembro é uma época em que geralmente as pessoas fazem planos de mudança de vida para o próximo ano e entre os principais aspectos estão os hábitos e principalmente a mudança de emprego!

O que nos traz aos concursos públicos, cujos atrativos são boa remuneração aliada à estabilidade financeira.

Se você é um concurseiro de primeira viagem e ser aprovado em um concurso público faz parte dos seus planos para 2018, saiba tudo sobre as diferentes áreas de atuação dos servidores públicos.

Por exemplo, em 2018 estão previstos certames para Área Fiscal, Tribunais, Policial, Prefeituras e muito mais.

Conheça detalhes sobre as remunerações, vantagens e lotação, desta forma será mais fácil identificar por onde começar sua jornada no mundo dos concursos públicos!

Concurso Federal

Como o próprio nome já diz, nos concursos federais, as leis que regem os servidores estão diretamente ligadas ao governo federal.

Só para esclarecer, todos os concursos são oferecidos pelo governo, mas cada um possui uma governança distinta.

Vantagens

Uma das vantagens em ser aprovado em um concurso federal é a facilidade de ser transferido para diferentes estados da federação. Lembrando que isso só será possível após ter cumprido todas as condições previstas em lei. Isso é possível porque vários órgãos federais possuem sede em diversas cidades do país, como por exemplo, o INSS.

Mais uma vantagem está ligada a preparação para a prova, uma vez que os concursos federais geralmente são organizados pelas mesmas bancas organizadoras, o que significa que o candidato poderá aproveitar conteúdos em boa parte dos certames.

Por fim, vamos falar dos salários. As remunerações dos cargos federais possuem tradição de serem os mais altos. Porém, é preciso ressaltar que esse fato nem sempre acontece, já que depende muito do cargo, do tempo de serviço e do órgão.

Importante ficar claro que, no Brasil, as políticas públicas federais são implantadas pelas secretarias especiais, ministérios, conselhos, autarquias e agências reguladoras. Também se encontram empresas públicas e outras instituições, como tribunais e bancos, subordinadas a entidades governamentais.

Preparação

Os concursos federais, devido a todas essas vantagens, são os mais concorridos, além de possuírem as provas mais complexas. Portanto se você for prestar para um cargo federal a melhor tática é intensificar os estudos!

Confira agora alguns exemplos de órgãos que se encaixam no âmbito dos concursos federais:

Receita Federal

A Secretaria da Receita Federal do Brasil (RFB) tem o objetivo de administrar os tributos federais e controlar as importações e exportações de produtos. Tem como finalidade, também, combater a pirataria, fraudes fiscais, o tráfico de entorpecentes e de animais e o contrabando.

A Receita Federal é um organismo que possui ferramentas de controle que verificam dados dos contribuintes com informações que não deixam margem para desvios. Um dos maiores incentivos para os concurseiros escolherem esse concurso é a remuneração, principalmente para as vagas de Auditor-Fiscal e de Analista Tributário.

Superior Tribunal de Justiça (STJ)

Esse é um dos máximos organismos de um dos três poderes — Legislativo, Executivo e Judiciário — que regem a República do Brasil. O objetivo do STJ é cuidar dos julgamentos de última instância.

O STJ entra em campo sempre que há divergências nas interpretações de jurisprudência e nas aplicações das leis federais. É um concurso que oferece diversas vagas, como as de analista e técnico judiciário, pediatria, pedagogia, tecnologia da informação, entre outras.

Supremo Tribunal Federal (STF)

Na linha legislativa também tem o STF, que é a instância de mais importância do Poder Judiciário. A função dessa instituição é garantir que a Constituição Federal seja cumprida. Dessa maneira, todos os casos que dizem respeito a lesão ou ameaça ao documento, criado em 1988, são do poder do STF.

Esse também é um concurso que é bastante procurado devido à remuneração convidativa. O STF oferece cargos relevantes, como técnico judiciário e analista.

Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES)

O BNDES é uma instituição federal que tem como finalidade financiar os investimentos em qualquer setor da economia, seja no âmbito regional, social ou ambiental. É um dos maiores bancos em sua modalidade e dá suporte a empreendedores e pessoas físicas.

Entre as demandas que o BNDES atende estão a expansão e criação de novos negócios e a modernização de instalações. O concurso dessa instituição disponibiliza vagas para nível superior (Administração, Arquivologia, Psicologia, Engenharia, Direito, Economia, entre outros) e nível médio (técnico administrativo).

Concurso Estadual

Se nos concursos federais é possível ao servidor pedir transferência para outros estados, o mesmo não acontece no caso dos concursos estaduais.

Portanto a dica é: Ao escolher sua vaga preste atenção à área de atuação e os possíveis locais de lotação. Nos cargos estaduais, não há muito controle em relação ao local onde haverá vaga, então dependendo do cargo ou da organização, será preciso mudar de cidade.

Vantagens

Existem diversos cargos estaduais e muitos deles são tão atraentes quanto os cargos federais. Um bom exemplo é o cargo de Defensor Público Estadual que, além de ter concursos anualmente em diferentes estados, ainda oferece um ótimo salário. Outro bastante desejado é o de Juiz Estadual, também anual e com alta remuneração.

Além disso, há vagas para cargos menos concorridos e mais simples. Portanto, se a opção for por cargos estaduais, é possível prestar concursos para diferentes níveis de escolaridade.

Preparação

Neste caso, é importante destacar que esse é um tipo de concurso mais concorrido do que o municipal. Desse modo, quem deseja prestar um concurso estadual, deverá saber que uma preparação maior será exigida, já que a prova também tende a ser mais complexa.

Veja alguns exemplos de concursos estaduais:

Polícia Civil

Esse é um concurso que abre vagas para nível médio, com cargos como agente policial e agente de telecomunicações e, para nível superior, com cargos ofertados para delegado, investigador e escrivão, por exemplo.

É possível visualizar todas as provas anteriores de cada cargo para se preparar melhor. Vale lembrar que os inscritos para os cargos de escrivão e de investigador são geralmente avaliados por meio de provas discursivas, objetivas, prova de aptidão física (PAF), prova de aptidão psicológica (PAP), prova de títulos e investigação social. Os peritos, por exemplo, passaram por provas discursivas, objetivas, investigação social, PAF e avaliação de títulos.

Conselho Regional de Farmácia

Para o concurso do Conselho Regional de Farmácia do Estado de São Paulo, por exemplo, os cargos são de níveis médio, técnico e superior. O CRF-SP se compromete com o direito de proceder às contratações levando em consideração as necessidades do serviço.

O prazo de validade do concurso normalmente é de 18 meses, contados da data da homologação, podendo ser prorrogado por igual período. Todos os candidatos são avaliados por meio de provas discursivas e objetivas. Apenas aqueles que se candidatarem para os cargos de motorista e de agente de manutenção fazem apenas a prova objetiva.

Tribunal de Justiça (TJ)

O Tribunal de Justiça (TJ) está presente em todos os estados do Brasil. É uma instituição que está conformada por grupos de juízes, conhecidos como desembargadores.

A função desses tribunais é julgar os recursos das ações das comarcas em que os juízes atuam. Enquanto nas comarcas todo processo é julgado por apenas um juiz, no TJ os grupos são reunidos e a decisão é feita por voto.

O concurso abre vagas para assistente social e psicólogo judiciário, entre outros níveis de escolaridade. A prova geralmente é dividida em duas etapas: objetiva e de títulos, sendo que a prova objetiva aborda três disciplinas: língua portuguesa, conhecimentos gerais e conhecimentos específicos.

Concurso Municipal

A principal diferença entre o concurso municipal com relação ao estadual e federal, está ligada ao local de lotação, pois o concurso é promovido dentro da cidade. Dessa forma, acaba sendo uma excelente opção para quem deseja ficar próximo da família ou prefere uma vida mais tranquila no interior.

Vantagens

Uma grande vantagem dos concursos municipais é a baixa concorrência em relação aos demais. Isso ocorre porque muitos candidatos acreditam que os cargos desses concursos são menos atraentes do que os cargos de concursos estaduais ou federais.

Porém, vale ressaltar que existem cargos municipais que chegam a ter altos salários e funções interessantes.

Também é importante frisar que nos concursos municipais, assim como nos federais e estaduais, os cargos preveem a estabilidade do funcionário público.

Preparação

Além da concorrência menor nesse tipo de concurso, a prova tende a ser menos complexa que as demais.

O que significa que se você nunca prestou um concurso público, uma boa experiência é começar por um concurso municipal.

Os concursos municipais podem ser uma ponte para outros concursos, pois a remuneração pelas prefeituras pode proporcionar melhores condições para investir em preparações maiores para outros certames.

As opções de cargos para os concursos municipais são diversas. Alguns exemplos são:

Professor municipal, de agente de transporte público, de agente de saúde, de guarda municipal, de médico, entre muitos outros cargos que são necessários dentro de um município. Toda e qualquer função pública exercida pelo município exige o envolvimento de um cargo.

Agora basta escolher sua vaga e dar início a sua preparação hoje hoje mesmo!

Bons estudos!

Nova Concursos  tem ajudado há mais de 8 anos quem quer vencer a batalha do concurso público. Se você quer aumentar as suas chances de passar, conheça os nossos materiais, acessando o nosso site!

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais