Concurso Brigada Militar RS (Oficial): Edital com 250 vagas no dia 29 de janeiro!

icone calendario 23 jan 2018

Atenção concurseiros do sul! Vem aí o edital do novo concurso público da Polícia Militar do Rio Grande do Sul (Brigada RS)!

Serão 250 vagas ao todo, sendo 200 para Capitão da Brigada (polícia ostensiva) e 50 para Capitão Bombeiro. A exigência para concorrer ao concurso público é nível superior com formação em direito. Os salários são de até R$ 10 mil!

Previsão do edital

O edital do novo concurso Brigada Militar RS estava previsto para ser divulgado no dia 22 de janeiro de 2018. Contudo da data de publicação teve que ser alterada em razão de um pedido da organizadora, a Fundação La Salle.

“Nós estivemos em reuniões com a organizadora, e eles pediram mais um prazo para divulgar o edital para que pudessem adaptar algumas questões”, afirmou o diretor administrativo da Brigada, coronel José Henrique Botelho.

Ainda segundo o diretor administrativo o edital será publicado no dia 29 de janeiro de 2018 e a data prevista para o início das inscrições é o dia 01 de fevereiro.

As inscrições para o concurso ficarão disponíveis por 30 dias e no momento, os responsáveis pelo certame estão realizando reuniões para alinhar os ajustes finais do calendário da seleção. Portanto é hora de intensificar os estudos para garantir uma vaga!

Vagas e salários

O concurso oferecerá 250 vagas, sendo 200 para Capitão da Brigada e 50 para Capitão Bombeiro. Para concorrer a uma das vagas, o candidato deverá ter nível superior em direito.

O salário inicial chega a R$ 10.730,06. Para concorrer a uma das vagas, além da escolaridade, o candidato deverá ter no máximo 29 anos, ser bacharel em direito, ter CNH de categoria B e altura mínima de 1,60m para mulheres e 1,65m para homens.

Como será a Prova?

A avaliação dos candidatos será composta de provas objetiva, discursiva e de títulos, exame de capacitação física, exame psicológico, testagem coletiva, entrevista em grupo, entrevista individual e prova oral.

As provas objetivas do certame devem contar com questões de Língua Portuguesa, Direito Administrativo, Direito Civil, Direito Constitucional, Direito da Criança e do Adolescente, Legislação Aplicada a Função, Direito Internacional e Direitos Humanos, Direito Penal, Direito Processual Penal, Direito Penal Militar e Direito Processual Penal Militar.

Os aprovados irão ingressar como Aluno Oficial e deverão exercer atividade estudantil, em regime de dedicação integral, e demais atividades internas e externas atreladas à sua formação, durante o período de duração do CSPM, conforme o Regimento Interno da APM (RIAPM) e outras normas da Brigada Militar.

Depois de formado, o aluno passará para a função de Capitão QOEM, que tem as seguintes atribuições: Exercer a polícia ostensiva e a preservação da ordem pública, através do planejamento, controle, supervisão, fiscalização, apoio e execução de ações e operações policiais; Exercer a polícia ostensiva e a preservação da ordem pública, através do planejamento, controle, supervisão, fiscalização, apoio e execução dos mandamentos da Lei Federal nº 9.099, de 26 de setembro de 1995; Exercer a gestão de recursos humanos, logísticos, financeiros e operacionais; Ordenar despesa pública; Exercer a gestão e execução das atividades docentes de ensino, instrução e treinamento nos cursos de formação, habilitação, especialização e de qualificação anual; Exercer a polícia judiciária Militar através da presidência de inquéritos policiais Militares e de autos de prisão em flagrante delito de crime Militar; Exercer a apuração de infrações administrativas através da presidência de inquéritos técnicos, de sindicâncias e de procedimentos administrativos disciplinares; Exercer a presidência de conselhos de justificação e de disciplina; Exercer a magistratura Militar na forma da legislação vigente; Realizar a expedição, fiscalização e homologação de documentos públicos de sua competência; Adotar as providências legais e administrativas quando da constatação de atos ilícitos ou de indícios de sua ocorrência.

Concurso Brigada Militar (PM RS)

Lembrando que as inscrições para o concurso da Polícia Militar do Rio Grande do Sul (Brigada RS) foram encerradas no dia 20 de novembro de 2017!

O certame ofereceu 4.100 vagas para o cargo de Praça de Polícia Ostensiva – Soldado de 1ª Classe – QPM-1, com exigência de nível médio e salário de R$ 3,7 mil!

As provas objetivas foram aplicadas no dia 17 de dezembro de 2017 nas cidades de Porto Alegre, Canoas, Gravataí, Cachoeirinha, Novo Hamburgo e São Leopoldo.

Juntamente com o concurso Brigada Militar (PM RS), foi divulgado também o concurso Bombeiro RS com oferta de 450 vagas para Bombeiro. As provas foram aplicadas no mesmo dia para os dois concursos.

Nova Concursos  tem ajudado há mais de 8 anos quem quer vencer a batalha do concurso público. Se você quer aumentar as suas chances de passar, conheça os nossos materiais, acessando o nosso site!

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais