Concurso CODER MT: Aplicação das provas ficará para 2021. Confira!

icone calendario 23 dez 2020

Companhia de Desenvolvimento de Rondonópolis, no Mato Grosso, decidiu adiar as provas do concurso. Confira a nova data!

Provas adiadas concurso CODER MT

No início as provas estavam previstas para o dia 20 de dezembro, porém devido a pandemia de Covid-19 as provas do concurso Coder MT foram remarcadas.

A informação foi publicada no sábado, 12, por meio do site da banca, o Instituto de Avaliação Nacional – IAN.

Conforme o comunicado, a nova data ficou para o ano que vem. Agora, os concorrentes serão avaliados no dia 21 de fevereiro de 2021.

Entretanto, a organização também ressalta que a data poderá ser alterada, dependendo de como ficará o cenário de saúde.  

A organizadora informou também que um novo cronograma com as demais atividades ainda será publicado. 

Apesar do calendário atualizado ainda não estar definido, continue acompanhando esta matéria e fique ligado nos principais detalhes sobre o certame !

Concurso Coder MT oferta mais de 390 vagas

Publicado em outubro, o edital de abertura do certame Coder MT oferta 397 vagas. Desse total, a maior parte é direcionada a profissionais com o nível fundamental incompleto (alfabetizados).

Veja a seguir a distribuição das oportunidades:

O nível fundamental incompleto oferta 353 chances distribuídas entre cargos como vigia, soldador, servente de obras, pedreiro, operador de usina, cozinheiro. 

Há oportunidades ainda para operadores de pá, de Motoniveladora, de Compactador de Solos e outras máquinas; motoristas (categorias B e D), mecânico, lubrificador, encanador, eletricista, cozinheiro, carpinteiro.

Além de borracheiro, auxiliar geral de conservação, auxiliar de topógrafo (greidista), armador de estruturas e apontador de produção. Todos esses exigindo o fundamental incompleto e com salários de R$ 1.373,60 a R$ 3.894,11.

No nível médio são 36 vagas, sendo 30 para auxiliar de escritório geral, três de laboratorista de solo e três de topógrafo. As remunerações iniciais são de R$ 2.757,21, R$ 2.336,22 e R$ 4.317,02, respectivamente. 

Ainda existem mais de três vagas de nível técnico, para quem tem curso profissionalizante na área de Segurança do Trabalho. Neste caso o ganho inicial é de R$ 3.894,11.

Já as outras cinco vagas são de nível superior: duas de auditor (controlador interno), uma de contador, uma de engenheiro de Segurança do Trabalho e uma de médico do Trabalho. As remunerações vão de R$ 3.561,88 a R$ 5.270,81.

Vale ressaltar que as inscrições foram encerradas no dia 16 de novembro, e a relação definitiva de inscritos pode ser conferida por meio do site do IAN .

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais