Concurso PM TO: Comissão organizadora está formada!

Redator da Nova Concursos

icone calendario 17 ago 2020

O concurso PM TO (Polícia Militar do Tocantins ) destinado para o cargo de Soldado, já tem comissão organizadora formada.

Comissão organizadora do concurso PM TO

Foi divulgado no Diário Oficial pelo Polícia Militar do Estado do Tocantins, um documento que visa designar a Comissão Organizadora do concurso PM TO para o cargo de Soldado.

A equipe será formada para elaborar o projeto básico do próximo edital. De acordo com o documento, a comissão organizadora será composta pelos seguintes membros:

Após a formação da comissão organizadora, o próximo passo será a definição da banca organizadora que será responsável pela execução do certame.

Foi destacado pelo governador, os resultados que foram alcançados com o esforço discal, além das medidas adotadas desde o início de sua gestão para equalizar as contas públicas. Ele ponderou ainda sobre o fortalecimento da Polícia Militar e que dará o seu empenho para a realização do próximo certame.

“Nossa polícia agora uma polícia muito mais forte, cada vez mais firme e decidida. Agradeço à Polícia Militar pela confiança, dedicação e por tudo que têm feito. Vamos a cada dia melhorar mais, para dar as condições necessárias aos policiais militares, civis, aos bombeiros e todos que fazem parte da segurança que cuida do nosso Estado. O Governo sempre procura melhorar, dar condições, estruturação e, se Deus quiser, vamos fazer esse concurso que vai trazer mais mil policiais militares. Ainda é pouco, mas é o início de uma mudança muito grande”, informou o governador.

Vacância de policiais na corporação

Embora tenha a confirmação da Polícia Militar e o Governo do Estado do Tocantins, que o próximo concurso irá ofertar 1.000 vagas, ao que indica esse quantitativo ainda não será suficiente para sanar o déficit da corporação.

Alguns dias após o pronunciamento da PM, o deputado estadual Prof. Júnior Geo (Pros) solicitou agilidade no processo. Ele comentou na tribuna da Assembleia do Tocantins, sobre o quadro de pessoal da Polícia Militar e suas necessidades.

De acordo com o deputado, o déficit da corporação vai continuar, pois o número supera 4.000 policiais. Dessa maneira, abre a possibilidade para que seja formado um cadastro de reserva e sejam convocados além do previsto inicialmente em edital.

“Temos a indicação de um concurso para mil vagas, quando, na verdade, a necessidade supera 4 mil. Temos um concurso para mil vagas, quando nós temos mais de 50 municípios do estado sem um policial sequer. O aumento do efetivo da Polícia Militar é uma necessidade imediata para que a sociedade possa ser prestigiada com segurança pública”, relatou o deputado estadual.

Saiba mais sobre o Concurso PM TO: Edital irá ofertar 1.000 vagas para Soldado!

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais