Concurso Senado Federal: Alcolumbre suspende formação da comissão organizadora!

Redator da Nova Concursos

icone calendario 26 ago 2020

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre, suspendeu a comissão organizadora do concurso Senado Federal, que irá ofertar 40 vagas em níveis médio e superior.

Suspensão da comissão do concurso Senado Federal

A comissão organizadora responsável pelos trâmites do novo concurso Senado Federal com 40 vagas foi suspensa pelo presidente da Casa, Davi Alcolumbre. A revogação foi divulgada no Diário Oficial da União.

De acordo com Alcolumbre, a decisão ocorrer em um momento de incertezas relativas às questões decorrentes da pandemia da Covid-19 no Brasil. Bem como a possibilidade de que seja necessária a alocação prioritária de recursos para adoção de medidas de prevenção e combate à pandemia.

Quer Receber Todas as Novidades do Senado?

Receba em seu e-mail todas as movimentações do Concurso do Senado

Entretanto, ainda não há informações de que o próximo concurso Senado Federal esteja cancelado. O órgão já estava com os preparativos adiantados, como por exemplo, a contratação da banca organizadora.

Vale ressaltar, que recentemente foi divulgado o Projeto Básico do concurso Senado Federal, com diversos detalhes em relação ao edital do certame .

O documento reitera que a escolha da banca organizadora, que contava com as finalistas Cebraspe, Idecan e FGV, seria realizada via dispensa de licitação.

A tendência é que os trâmites do concurso sejam retomados assim que a pandemia estiver sob controle no país.

O novo concurso Senado Federal foi autorizado no mês de outubro de 2019. O aval concedido é para ofertar 40 vagas em cargos dos níveis médio e superior.

Provas do concurso Senado Federal 2020

Foi confirmado no projeto básico do concurso Senado Federal, que as provas objetivas serão realizadas em todas as 26 capitais dos estados e no Distrito Federal.

De acordo com o projeto básico, as provas objetivas e as provas discursivas serão aplicadas dois meses após a divulgação do edital de abertura.

Conforme informações do projeto básico, os candidatos serão avaliados pelas seguintes etapas:

  • Policial Legislativo: prova objetiva, prova discursiva, exame de sanidade física e mental, teste de aptidão física, exame psicotécnico, sindicância de vida pregressa e investigação social, prova de títulos;
  • Analista Legislativo: prova objetiva, prova discursiva, prova prática (para especialidade de Registro e Redação Parlamentar), prova de títulos;
  • Advogado: prova objetiva, prova discursiva, prova oral e prova de títulos.

Ocorrerá ainda perícia médica e procedimento de heteroidentificação para candidatos inscritos com deficiência e concorrentes autodeclarados negros, respectivamente.

De acordo com informações, o Cebraspe (antigo Cespe/UnB), é a banca organizadora mais cotada para execução do certame .

A banca organizadora contratada será responsável por receber as inscrições do concurso Senado Federal e aplicar as etapas, como provas objetivas.

Saiba mais sobre o Concurso Senado Federal: Autorizadas 40 vagas para médio e superior!

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais