Concursos PRF e Polícia Federal: Disciplinas em comum ajudam a conciliar os estudos!

Redator da Nova Concursos

icone calendario 20 ago 2020

Os concursos Polícia Rodoviária Federal e Polícia Federal devem sair juntos, e os candidatos podem se preparar para ambas as seleções. Confira!

Quer Receber Todas as Novidades da PRF?

Receba em seu e-mail todas as movimentações do Concurso da PRF

Estudo dos concursos PRF e Polícia Federal

A Polícia Rodoviária Federal e a Polícia Federal estão a todo vapor com os trâmites de seus próximos concursos públicos . Mais uma vez as duas corporações devem ter seus editais publicados em épocas similares, assim como ocorreu no ano de 2018.

De acordo com informações, existem tópicos em comum nos dois editais, o que facilita a preparação dos candidatos interessados nos certames .

Podemos pontuar a área de Direito, em sua totalidade. Os tópicos são bem recorrentes nos dois editais, por se tratar de concursos da área da Segurança Pública. Além disso outro destaque é a disciplina de Língua Portuguesa, que é comum em grande parte dos editais.

“Em Língua Portuguesa geralmente na prova da banca Cebraspe os pontos e a forma de cobrar os conteúdos são bem similares, tanto para PF como para a PRF”.

Em relação a disciplina de Informática, a prova do concurso Polícia Federal é muito mais aprofundada e requer que o candidato tenha um tempo maior de preparação, bem como horas líquidas maiores de estudo, uma vez que costuma representar 36 questões da avaliação.

A parte de exatas, é outro ponto no qual os participantes precisam saber diferenciar, mais especificamente a disciplina de Matemática do concurso Polícia Rodoviária Federal, já que na Polícia Federal a cobrança é mais voltada para o Raciocínio Lógico-Matemático.

“Enquanto em uma é cobrada mais tabela-verdade, lógica sentencial, estrutura lógica, leis de morgan, na outra a presença prevalece da Matemática Básica, que inclusive é um ponto que os candidatos sentem muita dificuldade devido a negligência durante a formação escolar”.

Confira as disciplinas cobradas nos concursos Polícia Rodoviária Federal e Polícia Federal

Os certames da Polícia Rodoviária Federal e Polícia Federal , foram realizados no ano de 2018, ambos tendo como banca organizadora o Cebraspe, e cobrou as seguintes disciplinas nas provas:

Concurso PRF

  • Língua Portuguesa;
  • Raciocínio Lógico-Matemático;
  • Informática;
  • Noções de Física;
  • Ética no Serviço Público;
  • Geopolítica Brasileira;
  • Legislação de Trânsito;
  • Noções de Direito Administrativo;
  • Noções de Direito Constitucional;
  • Noções de Direito Penal e de Processual Penal;
  • Legislação Especial;
  • Direitos Humanos e Cidadania.

Concurso Polícia Federal (PF)

  • Língua Portuguesa;
  • Noções de Direito Administrativo;
  • Noções de Direito Constitucional;
  • Noções de Direito Penal e de Direito Processual Penal;
  • Legislação Especial;
  • Estatística;
  • Raciocínio Lógico;
  • Informática;
  • Contabilidade Geral.

Solicitações dos concursos PRF e Polícia Federal somam mais de 5 mil vagas

Caso sejam autorizados de forma oficial pelo governo, os concursos da Polícia Rodoviária Federal e Polícia Federal irão preencher mais de 5.000 vagas efetivas para a Segurança Pública.

No pedido de concurso PRF, são 2.772 vagas para as áreas Policial e de Apoio. Entretanto, a corporação só se movimenta para adiantar os preparativos para as 2.634 vagas solicitadas para o cargo de Policial Rodoviário Federal, de nível superior, que conta com comissão organizadora formada.

Nova-PF

“A PRF tem hoje aproximadamente 10.600 policiais e temos a previsão na lei de termos 13.098 policiais. E o que foi apresentado ao presidente da República e ao Ministro da Justiça é que até o final do governo a gente tivesse a capacidade de composição do efetivo da PRF provendo todos os 13.098 cargos”.

Ainda foi comentado pelo diretor, que para cumprir todo o cronograma da seleção serão necessários cerca de 500 dias, contados a partir da autorização.

“Para cumprir todo o cronograma do concurso, e para a gente aqui da PRF o cronograma começa a contar do dia da autorização pelo Governo Federal até o dia da formação da primeira turma, precisamos entre 450 e 500 dias, a depender da época do ano em que se autorize”.

Veja os cargos solicitados no concurso PRF:

Nível Médio

  • Agente Administrativo: 138 vagas.

Nível Superior

  • Policial Rodoviário Federal: 2.634 vagas.

Já o concurso Polícia Federal, o pedido enviado ao Ministério da Economia foi para 1.508 vagas. No entanto, o preside da República, Jair Bolsonaro, e o ministro da Justiça e da Segurança Pública, Rolando Alexandre, confirmaram mais 1.000 vagas, totalizando 2.508 vagas, sendo 2.000 vagas para a área Policial. Confira:

Área Policial

  • Delegado: 300 vagas;
  • Agente: 1.016 vagas;
  • Escrivão: 600 vagas;
  • Papiloscopista: 84 vagas.

Área Administrativa

  • Administrador: 21 vagas;
  • Arquivista: 08 vagas;
  • Assistente Social: 10 vagas;
  • Bibliotecário: 01 vaga;
  • Contador: 09 vagas;
  • Economista: 03 vagas;
  • Enfermeiro: 03 vagas;
  • Engenheiro: 01 vaga;
  • Estatístico: 04 vagas;
  • Farmacêutico: 01 vaga;
  • Médico: 65 vagas;
  • Nutricionista: 01 vaga;
  • Odontólogo: 11 vagas;
  • Psicólogo: 05 vagas;
  • Técnico em Assuntos Educacionais: 13 vagas;
  • Técnico em Comunicação Social: 03 vagas;
  • Agente Administrativo: 349 vagas.

“Tivemos conversas com o Ministério da Justiça e Segurança Pública para tentar realizar concursos a cada dois anos. Teríamos concursos menores, mas permitindo uma oxigenação continua no efetivo da PF”, informou o ministro Rolando Alexandre.

Saiba mais sobre o Concurso Polícia Federal 2020: Edital irá ofertar mais de 2 mil vagas nas áreas Policial e Administrativa!

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais