6 motivos que atrapalham os estudos

6 motivos que atrapalham os estudos

icone calendario 29 jan 2021

desisto-de-estudar Porque muitos candidatos iniciam a preparação para concursos públicos e desistem antes da aprovação? Veja 6 motivos com a Nova Concursos!

São vários os fatores que atrapalham o estudo, como cansaço, pressão familiar, dificuldades financeiras, medo do fracasso, entre outros. Confira como manter o foco nos estudos até conquistar a tão sonhada vaga no serviço público.

Veja alguns fatores que podem atrapalhar os estudos, contribuindo para o insucesso:

Ingenuidade quando se inicia o projeto

A aprovação nem sempre vem com a primeira oportunidade. Ou melhor: raramente vem. Concurso público é um projeto de médio ou longo prazo. Quem não se prepara para isso é derrubado na primeira frustração.

Cansaço extremo

Correr uma maratona é algo absolutamente extenuante. Assim é a preparação para as provas. No início, parece simples e possível. A pessoa está empolgada com o projeto e se sente cheia de energia.

Com o passar dos meses, a empolgação começa a perder força na mesma medida em que o corpo e a mente reclamam do cansaço. Mas assim como na corrida, é possível romper a barreira em que parece impossível continuar. E nesse momento é importante lembrar que já foi trilhada a maior parte do caminho. O que significa que a chegada está próxima.

Pressão de familiares

Quem começa a estudar para concurso costuma enfrentar duas situações com a família e amigos: ou eles estão muito motivados e torcendo pelo candidato, ou não acreditam muito e pensam que, em breve, a pessoa vai desistir.

Nos dois casos, as pessoas não envolvidas com o projeto acreditam que tudo será resolvido em pouco tempo, no máximo um ano. Quando isso não acontece, podem fazer acusações e cobranças. O candidato corre o risco de ouvir de pessoas próximas que já deveria ter sido aprovado – o que causa uma profunda sensação de incompetência – ou que seria melhor desistir.

Normalmente, quem tem vínculo afetivo com o candidato se ressente da falta de disponibilidade dele e dos momentos de convivência e anseia pela solução disso, que só viria com a aprovação ou mesmo com a desistência.

Cabe ao candidato aceitar que é muito difícil para quem está de fora entender a dinâmica do projeto. Nós sabemos que a aprovação demora alguns meses ou anos, e que isso não significa que ela não será alcançada.

Falta de dinheiro

Campeã de justificativa – e, infelizmente, a mais difícil de superar – é a questão financeira. Chega uma hora em que o dinheiro acaba e o candidato começa a responsabilizar as despesas com os estudos pela situação. Afinal, são investimentos com cursos, livros, transporte, inscrições em concursos.

Tudo isso é agravado no caso dos candidatos que não estão trabalhando e optaram por dedicar-se exclusivamente à preparação. Mas é possível encontrar alternativas para continuar estudando.

 De todo modo, é preciso buscar em vez de lamentar. Saber pedir e aceitar ajuda. E lembrar que a falta de dinheiro já estava lá antes. O projeto concurso público começa justamente para a conquista de um trabalho seguro e bem remunerado.

Vergonha por reprovações

No decorrer da nossa vida escolar, somos acostumados a encarar reprovações como fracassos. O mesmo acontece quando vamos a uma entrevista de emprego. No entanto, projetos grandiosos implicam uma longa caminhada e algumas correções de rumo.

Os tropeços na vida de quem está em busca de algo, alguém que deixou o seu espaço de acomodação e se lançou no desconhecido para conquistar uma vida melhor, são apenas ajustes necessários para o sucesso da empreitada.

Insegurança

De forma geral, o que observo é que o candidato só desiste quando duvida que seja capaz. Aí todos os motivos anteriores ganham força e tornam-se a justificativa perfeita.

Infelizmente, é difícil lembrar nesse momento que os anos passarão e a vida continuará do mesmo jeito. Quem tem certeza (ou quase) de que a vitória está ali adiante segue em frente, haja o que houver.

Cabeça erguida e bons estudos!

Gostou? Então vá se preparando para o Concurso do IBGE 2014! Confira nossas apostilas e saia já na frente! O Salário para este concurso vai de R$ 2.813,10 a R$ 4.210,49, mais R$ 373 de auxílio-alimentação e R$ 167,70 de assistência à saúde para jornada de trabalho de 40 horas semanais.

banner_nova_468_60_arrumado

Para ficar por dentro das últimas novidades, acesse o facebook da Nova Concursos  e compre apostilas direto com a Editora Nova ! Não deixe de seguir nosso Google Plus  e confira nosso Canal no Youtube !

Gostou? Não deixe de votar abaixo!

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais