Compartilhar:

Concurso SME São Carlos: Edital oferta vagas com ganhos de até R$ 2,8 mil!

Saiu o edital do novo concurso SME São Carlos – Secretaria Municipal de Educação de São Carlos, no estado de São Paulo! São 10 vagas imediatas para cargos de níveis médio e superior de escolaridade, com salários de até R$ 2,8 mil. Como fazer a inscrição no concurso SME São Carlos? As inscrições estarão disponíveis do dia 19 de novembro ...

Status do concurso: Aberto

Materiais disponíveis

Edital disponível

Cadastre-se e Receba GRÁTIS!

Aulas com Técnicas para Organizar e Otimizar sua preparação!

Número de vagas 10
Salário De R$ 1.660,00 até R$ 2.854,00
Data de inscrição 19/11/2019 a 01/12/2019
Escolaridade Nível Médio, Nível Superior
Estado São Paulo
Organizadora CKM Serviços
Valor da inscrição R$ 23,25
Data da prova 15/12/2019
Edital Arquivos

Saiu o edital do novo concurso SME São Carlos – Secretaria Municipal de Educação de São Carlos, no estado de São Paulo! São 10 vagas imediatas para cargos de níveis médio e superior de escolaridade, com salários de até R$ 2,8 mil.

Como fazer a inscrição no concurso SME São Carlos?

As inscrições estarão disponíveis do dia 19 de novembro até o dia 1º de dezembro de 2019. Os interessados deverão se inscrever por meio do site da banca organizadora, a CKM Serviços. O valor da taxa de inscrição é único: R$ 23,25.

O prazo de vencimento do boleto é o dia 2 de dezembro de 2019.

Quem pode fazer o concurso SME São Carlos?

As oportunidades são as seguintes:

Nível Médio:

  • Agente Educacional (1);
  • Auxiliar Administrativo Escolar (1);
  • Instrutor Surdo (1);
  • Intérprete Educacional de Libras (1)

Professor:

  • Professor I (1);
  • Professor II (1);
  • Professor III – área Educação Especial (1);
  • Professor III – área Educação Física (1);
  • Professor III – área Matemática (1);
  • Professor IV (1).

Os salários variam de R$ 1.660,00 a R$ 2.854,00, em jornada de trabalho de 24 a 40 horas semanais.

Quais são os requisitos para investidura no cargo do concurso SME São Carlos?

  • Ser aprovado neste Concurso Público;
  • Ser brasileiro ou gozar das prerrogativas do Decreto Federal70.436/72;
  • Ter idade mínima de 18 (dezoito) anos completos;
  • Estar em dia com as obrigações;
    • Eleitorais;
    • Militares (para os candidatos do sexo masculino);
  • Estar em pleno gozo dos direitos civis epolíticos;
  • Possuir habilitação legal para o exercício do emprego;
  • Ter condições de saúde física e mental compatíveis com o exercício do emprego ou função, de acordo com prévia inspeção médica oficial, na forma da Lei;
  • Não estar incompatibilizado para o serviço público em razão de penalidade sofrida;
  • Não registrar antecedentes criminais, no âmbito Estadual e Federal, nos locais em que teve domicílio, nos últimos 5 (cinco) anos;
  • Atender as condições, escolaridade e requisitos prescritos para o emprego.

Como será a prova do concurso Prefeitura de São Carlos – SP?

Os candidatos serão avaliados por meio de provas objetivas, previstas para o dia 15 de dezembro de 2019, na cidade de São Carlos (SP).

Haverá ainda prova prática para os cargos de Instrutor Surdo e Intérprete Educacional de Libras e prova de títulos para os cargos de Professor I, Professor II, Professor III – área Educação Especial, Professor III – área Educação Física, Professor III – área Matemática, Professor IV.

A estrutura das provas será a seguinte:

  • Agente Educacional, Auxiliar Administrativo Escolar, Instrutor Surdo, Intérprete Educacional de Libras: Língua Portuguesa (10 questões com peso 1,50), Raciocínio Lógico e Conhecimentos Gerais (10 questões com peso 1,50), Legislação Educacional (10 questões com peso 3,00), Conhecimentos Específicos (10 questões com peso 4,00);
  • Professor I, Professor II, Professor III e Professor IV: Língua Portuguesa (10 questões com peso 1,50), Raciocínio Lógico e Conhecimentos Gerais (10 questões com peso 1,50), Legislação Educacional (10 questões com peso 2,00), Conhecimentos Básicos da Educação (10 questões com peso 2,00) e Conhecimentos Específicos (10 questões com peso 3,00).

Confira o conteúdo programático:

Nível Médio

  • Língua Portuguesa:
    • Equivalência e transformação de estruturas: Flexão de substantivos, adjetivos e pronomes (gênero, número, grau e pessoa). Processos de coordenação e subordinação. Colocação pronominal.
    • Estudo, compreensão e interpretação de Texto: A significação das palavras no texto, conceito, encontros vocálicos, Dígrafos, Ortoépia, Divisão Silábica, Prosódia-Acentuação; Conteúdo do texto: Relações semântico-discursivas entre ideias no texto e os recursos linguísticos usados em função dessas relações; Escrita do texto; Modalizações no texto e os recursos linguísticos usados em função dessas modalizações; Textos: publicitários, jornalísticos, instrucionais, narrativos, poéticos, epistolares, história em quadrinhos; Linguagem verbal e não verbal.
    • Fenômenos semânticos: sinonímia, homonímia, antonímia, paronímia, hiponímia, hiperonímia, ambiguidade.
    • Figuras de linguagem: (comparação, metáfora, eufemismo, prosopopeia, onomatopeia, antítese, paradoxo, hipérbole, perífrase, silepse, hipérbato, metonímia, ironia, sinestesia, aliteração); Figuras e Vícios de Linguagem.
    • Acentuação.
    • Morfologia (Flexão e Emprego): Substantivo; Adjetivo; Pronome; Artigo; Preposição; Numeral; Advérbio; Interjeição; Verbo-flexão.
    • Substantivo: classificação, flexão, emprego;
    • Adjetivo: classificação, flexão, emprego;
    • Pronome: classificação, emprego, colocação dos pronomes pessoais oblíquos átonos, formas de tratamento;
    • Verbo: conjugação, flexão, propriedades, classificação, emprego, correlação dos modos e tempos verbais, vozes;
    • Advérbio: classificação e emprego;
    • Níveis de linguagem: Linguagem denotativa e linguagem conotativa.Ortografia: Crase/Pontuação
    • Ortografia: Dificuldades ortográficas; Emprego do “s, z, g, j, ss, ç, x, ch”;
    • Língua portuguesa aplicada à redação de documentos.
    • Regra padrão de concordância nominal e verbal.
    • Sintaxe: Elementos estruturais das palavras; Formação das palavras; Frase-oração-período; Sujeito: classificação; Predicado: verbal, nominal e verbo-nominal; Complementos verbais, objeto direto, objeto indireto; Adjuntos adnominais e adverbiais; Agente da passiva; Vocativo e aposto; Período composto por coordenação; Período composto por subordinação; Colocação pronominal, pronomes átonos; Figuras de sintaxe; Termos de Oração/ Período Composto/Conceito e classificação das orações.
  • Raciocínio Lógico
    • Entendimento de estrutura lógica de situações-problema, bem como aplicar conteúdos matemáticos na vida prática.
    • Determinantes;
    • Exponencial: propriedades, função e equação;
    • Função de 1º grau: raiz, coeficiente angular, equação e gráfico;
    • Função de 2º grau: raízes, concavidade, discriminante, equação, vértice e gráfico;
    • Função: definição; classificação quanto injetora, sobrejetora e bijetora; composta; e inversa;
    • Geometria espacial: prisma, pirâmide, cilindro, cone e esfera;
    • Geometria plana: Teorema de Pitágoras; área e propriedades das figuras planas: quadriláteros, triângulo e circunferência;
    • Logaritmos: propriedades, função e equação;
    • Matemática Financeira: porcentagem; juros simples e compostos; montante; e equivalência de taxas e de capitais;
    • Matrizes;
    • Potenciação e radiciação;
    • Probabilidade e análise combinatória;
    • Sequência e Progressões aritméticas e geométrica;
    • Sistema de equações lineares;
    • Sistema métrico: medidas de tempo, comprimento, superfície e volume;
    • Trigonometria: seno, cosseno e tangente; teorema fundamental da Trigonometria; equações, transformações e identidades trigonométricas.
  • Conhecimentos Gerais
    • Domínio de tópicos relevantes da política, economia, sociedade, educação, tecnologia, energia, relações internacionais, saúde, ecologia desenvolvimento sustentável, segurança, artes e literatura e/ou suas vinculações histórico geográficas em nível nacional e internacional. (Fatos marcantes que formaram a história do local, do Brasil e do Mundo). Microsoft Windows Pacote Office 2010 e internet.
  • Legislação Educacional

Professor

  • Língua Portuguesa:
    • Equivalência e transformação de estruturas: Flexão de substantivos, adjetivos e pronomes (gênero, número, grau e pessoa). Processos de coordenação e subordinação. Colocação pronominal.
    • Estudo, compreensão e interpretação de Texto: A significação das palavras no texto, conceito, encontros vocálicos, Dígrafos, Ortoépia, Divisão Silábica, Prosódia-Acentuação; Conteúdo do texto: Relações semântico-discursivas entre ideias no texto e os recursos linguísticos usados em função dessas relações; Escrita do texto; Modalizações no texto e os recursos linguísticos usados em função dessas modalizações; Textos: publicitários, jornalísticos, instrucionais, narrativos, poéticos, epistolares, história em quadrinhos; Linguagem verbal e não verbal.
    • Fenômenos semânticos: sinonímia, homonímia, antonímia, paronímia, hiponímia, hiperonímia, ambiguidade.
    • Figuras de linguagem: (comparação, metáfora, eufemismo, prosopopeia, onomatopeia, antítese, paradoxo, hipérbole, perífrase, silepse, hipérbato, metonímia, ironia, sinestesia, aliteração); Figuras e Vícios de Linguagem.
    • Acentuação.
    • Morfologia (Flexão e Emprego): Substantivo; Adjetivo; Pronome; Artigo; Preposição; Numeral; Advérbio; Interjeição; Verbo-flexão.
    • Substantivo: classificação, flexão, emprego;
    • Adjetivo: classificação, flexão, emprego;
    • Pronome: classificação, emprego, colocação dos pronomes pessoais oblíquos átonos, formas de tratamento;
    • Verbo: conjugação, flexão, propriedades, classificação, emprego, correlação dos modos e tempos verbais, vozes;
    • Advérbio: classificação e emprego;
    • Níveis de linguagem: Linguagem denotativa e linguagem conotativa.
    • Ortografia: Crase/Pontuação
    • Ortografia: Dificuldades ortográficas; Emprego do “s, z, g, j, ss, ç, x, ch”;
    • Língua portuguesa aplicada à redação de documentos.
    • Regra padrão de concordância nominal e verbal.
    • Sintaxe: Elementos estruturais das palavras; Formação das palavras; Frase-oração-período; Sujeito: classificação; Predicado: verbal, nominal e verbo-nominal; Complementos verbais, objeto direto, objeto indireto; Adjuntos adnominais e adverbiais; Agente da passiva; Vocativo e aposto; Período composto por coordenação; Período composto por subordinação; Colocação pronominal, pronomes átonos; Figuras de sintaxe; Termos de Oração/ Período Composto/Conceito e classificação das orações.
  • Raciocínio Lógico:
    • Entendimento de estrutura lógica de situações-problema, bem como aplicar conteúdos matemáticos na vida prática.
    • Determinantes;
    • Exponencial: propriedades, função e equação;
    • Função de 1º grau: raiz, coeficiente angular, equação e gráfico;
    • Função de 2º grau: raízes, concavidade, discriminante, equação, vértice e gráfico;
    • Função: definição; classificação quanto injetora, sobrejetora e bijetora; composta; e inversa;
    • Geometria espacial: prisma, pirâmide, cilindro, cone e esfera;
    • Geometria plana: Teorema de Pitágoras; área e propriedades das figuras planas: quadriláteros, triângulo e circunferência;
    • Logaritmos: propriedades, função e equação;
    • Matemática Financeira: porcentagem; juros simples e compostos; montante; e equivalência de taxas e de capitais;
    • Matrizes;
    • Potenciação e radiciação;
    • Probabilidade e análise combinatória;
    • Sequência e Progressões aritméticas e geométrica;
    • Sistema de equações lineares;
    • Sistema métrico: medidas de tempo, comprimento, superfície e volume;
    • Trigonometria: seno, cosseno e tangente; teorema fundamental da Trigonometria; equações, transformações e identidades trigonométricas.
  • Conhecimentos Gerais
    • Domínio de tópicos relevantes da política, economia, sociedade, educação, tecnologia, energia, relações internacionais, saúde, ecologia desenvolvimento sustentável, segurança, artes e literatura e/ou suas vinculações histórico geográficas em nível nacional e internacional. (Fatos marcantes que formaram a história do local, do Brasil e do Mundo).
  • Legislação Educacional
  • Conhecimentos Básicos da Educação

Conhecimentos Específicos

  • Agente Educacional: A educação enquanto direito de todos. Educação e Inclusão. As concepções de Educação e suas repercussões na Organização do Trabalho Escolar. Relação professor – aluno – conhecimento. Competência e compromisso do educador. O trabalho com o conhecimento escolar. A função social da escola. A relação escola/sociedade. O planejamento e o Projeto Político-Pedagógico da Escola. Desenvolvimento da aprendizagem. Noções de higiene e procedimentos de segurança na realização dos trabalhos. Lei nº 9.394/96 – Lei de Diretrizes e Bases. Lei nº 8.069/90 – Estatuto da Criança e do Adolescente. O Agente Educacional e Organização do Trabalho Escolar. Reflexões Pedagógicas para educação Infantil do Município de São Carlos.
  • Auxiliar Administrativo Escolar: A escrituração escolar: conceitos, objetivos, requisitos indispensáveis, tipos de livros de escrituração. A vida escolar dos alunos: principais eventos, documentação regular, caracterização e preenchimentos de instrumentos de registro, excepcionalidade. Arquivo da escola: importância, objetivos, características, tipos de arquivo e sua utilidade; organização e duração dos arquivos; atendimento aos clientes da Escola: os principais clientes da Escola: o público cidadão. Comunicações oficiais e escolares.
  • Instrutor Surdo: Histórico da Libras. Identidade, cultura e comunidade surda. Estrutura gramatical da Libras – parâmetros formacionais. Aquisição da Libras pela criança surda. História da educação de surdos. Ensino de Libras como primeira e segunda língua. Gesser, A. LIBRAS? : Que língua é essa? : crenças e preconceitos em torno da língua de sinais e da realidade surda. São Paulo: Parábola Editorial, 2009. GESSER, A. O ouvinte e a surdez: sobre ensinar e aprender LIBRAS. São Paulo: Parábola Editorial, 2012. LACERDA, C.B.F. e SANTOS, L. F. Tenho Um Aluno Surdo, E Agora? Introdução à Libras e a Educação de Surdos. Capítulos: 1, 2,3, 4 e 10. São Carlos: EDUFSCar, 2013.LODI, A. C. B. ; LACERDA, C. B. F. Uma escola duas línguas: letramento em língua portuguesa e língua de sinais nas etapas (de) iniciais de escolarização. Capítulos: 1,2,3. Porto Alegre: Mediação, 2009. LACERDA, C.B.F.; SANTOS, L. F.; MARTINS, V.R.O. Escola e diferença: caminhos para a educação bilíngue de surdos. Parte 3, p. 127 a 148. São Carlos: EDUFSCar, 2016.
  • Intérprete Educacional de Libras: História da educação de surdos no Brasil. Educação bilíngue para surdos. Estudos da tradução Língua de Sinais/Português. Atuação do TILSP no espaço educacional. Aspectos linguísticos e culturais da Língua Brasileira de Sinais. Formação, especificidades e competências dos(a) Tradutores(a)s e Intérpretes. Conceitos e diferentes modalidades de Tradução e Interpretação. Introdução à estrutura linguística da Libras. Identidade, cultura e comunidade surda. Lei nº 12.319, de 1º de setembro de 2010. Regulamenta a profissão de Tradutor e Intérprete da Língua Brasileira de Sinais – LIBRAS. Disponível em: Acesso em: 14 nov.2019. LACERDA, C. B. F. de. Intérprete de Libras: em atuação na educação infantil e no ensino fundamental. Porto Alegre: Medicação/FAPESP,2009. LACERDA, C.B.F. e SANTOS, L. F. Tenho Um Aluno Surdo, E Agora? Introdução à Libras e a Educação de Surdos. Capitulos: 1,2,3,4 e 12. São Carlos: EDUFSCar, 2013. LACERDA, C.B.F.; SANTOS, L. F.; MARTINS, V.R.O. Escola e diferença: caminhos para a educação bilíngue de surdos. Parte 3, p. 149 a 168. São Carlos: EDUFSCar, 2016. PERLIN, G. A cultura surda e os intérpretes de língua de sinais. ETD, Vol.7, Nº 2, 2006.
  • Professor I: Base Nacional Comum Curricular. Concepções de Educação e Escola. Função social da escola e compromisso social do educador. Ética no trabalho docente. Tendências educacionais na sala de aula: correntes teóricas e alternativas metodológicas. A construção do conhecimento: papel do educador, do educando e da sociedade. Visão interdisciplinar e transversal do conhecimento. Projeto político-pedagógico: fundamentos para a orientação, planejamento e implementação de ações voltadas ao desenvolvimento humano pleno, tomando como foco o processo ensino-aprendizagem. Currículo em ação: planejamento, seleção e organização dos conteúdos. Avaliação. Organização da escola centrada no processo de desenvolvimento do educando. Educação inclusiva. Educação Étnico racial. Gestão participativa na escola. Concepção de Criança, Infância e Educação Infantil. Concepções de Cuidado e Educação na Educação infantil. Concepções de desenvolvimento infantil. Concepção de ensino e aprendizagem. Currículo, planejamento e avaliação na educação infantil. Currículo e projeto político pedagógico. O espaço físico, as linguagens, o lúdico e o brincar na educação infantil. Concepções de alfabetização e letramento. Legislação da educação infantil. Gestão democrática e Participação da comunidade. A Cultura escrita na Educação Infantil. Reflexões Pedagógicas para educação Infantil do Município de São Carlos.
  • Professor II: Base Nacional Comum Curricular. A educação enquanto direito de todos. Educação e Inclusão. As concepções de Educação e suas repercussões na Organização do Trabalho Escolar. Avaliação na aprendizagem. Relação professor – aluno – conhecimento. Competência e compromisso do educador. O trabalho com o conhecimento escolar. Concepções de currículo. A função social da escola. A relação escola/sociedade. O pedagogo na escola básica. O professor e o Projeto Político-Pedagógico da Escola. A sala de aula e a prática pedagógica: currículo escolar, planejamento e avaliação, interação professor/aluno, recursos didáticos. Desenvolvimento da aprendizagem. Concepções de aprendizagem: tendências pedagógicas na prática escolar. O processo de ensino e de aprendizagem nas teorias pedagógicas: tradicional, tecnicista, progressista, construtivista e sociointeracionista. O pensamento de Jean Piaget, Liev Semionovich Vygotsky, Emília Ferrero, Ana Teberosky, Telma Weisz, Esther Grossi, Henri Wallon, Paulo Freire e Fanny Abramovich. Cotidiano escolar.
  • Professor III – Área Educação Especial: Base Nacional Comum Curricular. A educação enquanto direito de todos. Educação e Inclusão. As concepções de Educação e suas repercussões na Organização do Trabalho Escolar. Tipos de Necessidades Educacionais Especiais (NEE). Avaliação em Educação Especial. A formação de Professores. Deficiências, suas características e estratégias de intervenção. A inclusão da pessoa com deficiência. O papel da família. A pessoa com deficiência na sociedade. Gestão democrática e Participação da comunidade.
  • Professor III – Área Educação Física: Base Nacional Comum Curricular. Jogos Cooperativos – uma pedagogia para o esporte: origem, evolução, primeiros movimentos, história no mundo e no Brasil, conceito, características, visão e princípios sócio educativos da cooperação. Pedagogia do esporte, o pedagogo do esporte, consciência da cooperação no esporte, ensinagem cooperativa do esporte, categorias dos jogos cooperativos. A Educação Física no projeto político pedagógico: contexto do componente curricular, a Educação Física enquanto linguagem, o processo ensino aprendizagem na Educação Física. O esporte na escola. A sociabilização do jogo e do desporto, aprendizagem social no ensino dos desportos nas escolas, jogo ou esporte, metodologia do ensino dos jogos esportivos. Princípios da atividade física: individualidade biológica, da sobrecarga crescente, da especificidade, continuidade, reversibilidade. Habilidades motoras e desenvolvimento. Atividade e aptidão física. Saúde e qualidade de vida. O desenvolvimento dos conteúdos.
  • Professor III – Área Educação Matemática: Base Nacional Comum Curricular. Didática da Matemática: a prática da sala de aula; resolução de problemas do cotidiano; integração entre números, Geometria e medidas. Aritmética: noções de lógica; os campos numéricos (naturais, inteiros, racionais, irracionais, reais); operações básicas, contagem e princípio multiplicativos. Espaço e Forma: Geometria plana e espacial. Tratamento de Dados: fundamentos de Estatística; análise e interpretação de informações expressas em gráficos e tabela. Matemática e os temas transversais: o ensino da matemática dentro do atual panorama sociocultural e econômico e sua aplicação através dos temas transversais. Matemática Financeira; Fundamentos da Matemática; o uso da Matemática no cotidiano.
  • Professor IV: Base Nacional Comum Curricular. A educação enquanto direito de todos. Educação e Inclusão. As concepções de Educação e suas repercussões na Organização do Trabalho Escolar. Avaliação na aprendizagem. Relação professor – aluno – conhecimento. Competência e compromisso do educador. O trabalho com o conhecimento escolar. Concepções de currículo. A função social da escola. A relação escola/sociedade. O pedagogo na escola básica. O professor e o Projeto Político-Pedagógico da Escola. A sala de aula e a prática pedagógica: currículo escolar, planejamento e avaliação, interação professor/aluno, recursos didáticos. Desenvolvimento da aprendizagem. Concepções de aprendizagem: tendências pedagógicas na prática escolar. Currículo e projeto político-pedagógico. Planejamento e Avaliação. Fundamentos técnicopedagógicos das diferentes áreas do conhecimento: concepção de alfabetização, leitura e escrita na educação de jovens e adultos; a matemática na educação de jovens e adultos. Orientações metodológicas específicas das diferentes áreas do conhecimento: visão interdisciplinar e transversal do conhecimento. Gestão democrática e Participação da comunidade. O pensamento de Paulo Freire na Educação de Jovens e Adultos. O processo de ensino e de aprendizagem dentro do contexto/realidade da Educação de Jovens e Adultos.
Acompanhe nossas

redes sociais