Pesquisar no blog

Concurso TRT PB – 13ª região: Comissão formada para novo edital!

Atenção, concurseiros! O edital do concurso TRT PB – 13ª região (Tribunal Regional do Trabalho da Paraíba) pode ser publicado ainda este ano, visto que foram registradas importantes movimentações para o documento. Ademais, uma comissão organizadora já foi formada para dar início aos preparativos.

Além disso, vale destacar que o que se espera é que sejam ofertadas oportunidades para os cargos de Técnico e Analista Judiciários, em diversas especialidades. Sendo assim, se você se interessa pela seleção, confira todos os detalhes a seguir!

 

Concurso TRT PB – 13ª região: situação atual

Portanto, é essencial que os concurseiros saibam que poderá ser realizado em breve um concurso TRT PB – 13ª região, visto que o CSTJ (Conselho Superior da Justiça do Trabalho) deu o aval que permite que todos os órgãos do país realizem uma nova seleção.

Além disso, vale recordar que o TRT PB foi um dos Tribunais a solicitar ao CSTJ um aporte financeiro para que o concurso público seja realizado, de forma que o desembargador Emmanoel Pereira, presidente do CSTJ e do TST (Tribunal Superior do Trabalho), autorizou a ajuda de R$ 5 milhões.

Nesse sentido, é importante destacar que um novo passo rumo a publicação desse edital foi dado na última quinta-feira, 16 de junho, quando importantes movimentações com relação à seleção foram realizadas e publicadas por meio do Diário de Justiça Eletrônico do Trabalho da 13ª região.

Sendo assim, entre as movimentações está a autorização para a criação de uma comissão organizadora que esteja à frente de todos os procedimentos referentes ao concurso público.

Ademais, o grupo também será responsável pelo processo de escolha e contratação de uma banca organizadora que deverá receber as inscrições dos candidatos e viabilizar e aplicar as etapas avaliativas da seleção, como as provas objetivas.

Além disso, vale recordar que o edital poderá ser publicado somente após a contratação da empresa escolhida e a finalização dos trâmites, como a elaboração de um cronograma entre as partes.

Estude para o concurso dos seus sonhos com a Assinatura Completa da Nova. Tenha acesso a Cursos, Plataforma de Questões, Eventos Exclusivos para Assinantes e Muito Mais!

Comissão organizadora

Dessa forma, após a autorização para a criação de uma comissão organizadora, o grupo foi rapidamente formado e divulgado no dia 17 de junho por meio do Diário Eletrônico da Justiça Trabalhista.

Ademais, vale recordar que a designação dos membros da comissão organizadora ocorreu sob responsabilidade do presidente do Tribunal. Sendo assim, os o nome dos membros são:

  • Samuelson Wagner de Araújo Silva – presidente;
  • Lúcio Flávio Nunes da Silva; e
  • Karla Fonseca Maranhão.

 

Nesse sentido, o grupo já pode iniciar os preparativos acerca da nova seleção. Dessa forma, em breve uma banca organizadora poderá ser escolhida e os trâmites poderão ser avançados.

Movimentações do concurso TRT PB – 13ª região

É igualmente essencial mencionar que outra das movimentações acerca do próximo concurso TRT PB – 13ª região tem relação com a nomenclatura do cargo de Técnico Judiciário – Apoio Especializado em Enfermagem.

Nesse sentido, a carreira passe a ser nomeada como Técnico Judiciário – Apoio Especializado em Enfermagem do Trabalho. Ademais, o documento publicado por meio do Diário ressalta a autorização da nova seleção.

Além disso, vale frisar que, segundo o documento, ainda houve a alteração da área/especialidade de 3 cargos de Analista Judiciário – Apoio Especializado Engenharia. Ademais, também foram alteradas as especialidades de 2 cargos de Analista Judiciário – Oficial de Justiça Avaliador Federal.

Sendo assim, os cargos passam a ser de:

  • 1 cargo de Analista Judiciário – Apoio Especializado em Estatística;
  • 1 cargo de Analista Judiciário – Apoio Especializado em Engenharia Elétrica;
  • Um cargo de Analista Judiciário – Apoio Especializado em Medicina Psiquiátrica;
  • 1 cargo de Analista Judiciário – Apoio Especializado em Arquitetura;
  • 1 cargo de Analista Judiciário – Área Judiciária.

 

Dessa forma, com tais movimentações e com a comissão organizadora definida, é possível que em breve maiores informações acerca da seleção sejam divulgadas.

Vagas, cargos e salários

Portanto, é importante que os interessados no concurso do Tribunal Regional do Trabalho da Paraíba (13ª região) saibam que o número total de vagas a serem ofertadas ainda não foi confirmado.

Entretanto, sabe-se que o órgão conta atualmente com cerca de 230 cargos vagos, sendo eles para os cargos de Técnico Judiciário e Analista Judiciário, de níveis médio e superior, respectivamente.

Além disso, vale frisar que os salários atuais dessas carreiras possuem os valores de R$ 7.591,37 para Técnicos e R$ 12.455,30 para Analistas.

Sobre o TRT PB – 13ª região

A Justiça do Trabalho, ramo do Poder Judiciário Brasileiro, tem competência definida pela Constituição Federal, art. 114, e seu objetivo é julgar ações decorrentes das relações de trabalho e as de emprego regidas pela Consolidação das Leis Trabalhistas; atuar em casos que envolvam representação sindical, atos decorrentes de greve e pedido de indenização por dano moral ou patrimonial resultantes da relação de trabalho, entre outros; além do julgamento de mandados de segurança, habeas corpus, habeas data e dissídios coletivos.

Os Tribunais Regionais, espalhados entre os diversos estados da federação, constituem a segunda instância da estrutura da Justiça do Trabalho, e a as Varas do Trabalho, a primeira instância.

O Tribunal Regional do Trabalho da 13a Região, por sua vez, tem sede em João Pessoa e jurisdição em todo o Estado da Paraíba. Sua missão é promover uma prestação jurisdicional célere e eficaz.

Atualmente, o Tribunal Regional do Trabalho da 13a Região conta com 27 Varas do Trabalho, distribuídas nas cidades de: João Pessoa (13 Varas), Campina Grande (07 Varas), Santa Rita (02 Varas), Catolé do Rocha (Vara Única), Guarabira (Vara Única), Itaporanga (Vara Única), Patos (Vara Única) e Sousa (Vara Única).

Atua conforme a competência definida pelo art. 114 da Constituição Federal, competindo-lhe julgar os processos elencados no rol do art. 30 do Regimento Interno.

Acompanhe nossas

redes sociais