ARTESP recebe autorização para realizar concurso com 161 vagas

icone calendario 11 jan 2017

artesp logao Foi publicada no Diário Oficial a autorização para realização de concurso para a ARTESP (Agência Reguladora de Serviços Públicos de Transporte do Estado de São Paulo). As seleções têm o objetivo de contratar, no total, 161 profissionais de níveis médio e superior, sendo 81 vagas para o ano de 2016 e mais outras 80 nomeações em 2017. Com as progressões de carreira, os funcionários podem receber salários de até R$ 14.524.

>> Apostila ARTESP com ótimo DESCONTO no pagamento à vista!

Vagas

Para candidatos de nível médio, terão 72 vagas para o cargo de Agente de Fiscalização e Regulação de Transporte I, com salário inicial de R$ 2.777 (podendo chegar a R$ 4.741 com progressões de carreira).

Quem possui nível superior pode concorrer às 16 oportunidades de Analista de Suporte à Regulação de Transporte, com salários de R$ 7.300 (podendo chegar a R$ 12.473). As demais 73 vagas são para o cargo de Especialista em Regulação do Transporte de Nível I (42 vagas) e Nível III (31 vagas), com iniciais de R$ 8.500 e R$ 10.285, respectivamente.

O cargo de Especialista exige graduação nas áreas de Engenharia, Economia, Administração, Direito, Ciências Contábeis, Gestão Pública ou Tecnologia da Informação (TI).

Concurso esperado

Essa é a primeira vez que a ARTESP realiza um concurso. Estas seleções são aguardadas desde a criação da Agência, em 2002. Os nomeados serão contratados pelo regime celetista.

Para ver mais detalhes, veja a página do Concurso Previsto ARTESP.

A editora Nova tem ajudado há mais de 8 anos quem quer vencer a batalha do concurso público. Se você quer aumentar as suas chances de passar, conheça os nossos materiais, acessando o nosso site!

artesp-600x90

Saiba mais sobre o Concurso ARTESP

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais