Compartilhar:

Concurso ABIN: Como estudar Direito Administrativo

icone calendario 04 jan 2018

Já está disponível o edital do tão aguardado novo Concurso público da ABIN (Agência Brasileira de Inteligência)!

O certame oferece 300 vagas para candidatos de nível médio e superior em cargos diversos e salários de até R$ 16,6 mil!

»Estude para o Concurso da ABIN e parcele o pagamento SEM JUROS

Se você planeja garantir uma das vagas, o melhor caminho é estudar intensamente para estar bem preparado para a prova.

Pensando nisso, a Nova Concursos traz um guia para auxiliar seus estudos, na disciplina de Direito Administrativo, um dos requisitos indispensáveis para alcançar a tão sonhada vaga na Agência Brasileira de Inteligência!

Mas antes confira todas as informações do certame:

Inscrições

As inscrições estarão disponíveis a partir das 10h do dia 09 de janeiro, se estendo até às 18h do dia 30 de janeiro de 2018.

Para concorrer, os interessados devem acessar o site da banca organizadora, o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (CEBRASPE/CESPE).

O valor das taxas de inscrição são de R$ 230,00 (Oficial Técnico de Inteligência), R$ 210,00 (Oficial de Inteligência) e R$ 190,00 (Agente de Inteligência), devendo ser efetuado o pagamento até o dia 1º de fevereiro de 2018.

Vagas e salários

As 300 oportunidades estão distribuídas da seguinte forma:

Nível superior

Oficial de Inteligência (220 vagas) – Exigência de graduação em qualquer área de formação.

Oficial Técnico de Inteligência (60 vagas) – graduações em administração, em economia ou contabilidade; direito; psicologia; pedagogia; engenharia civil; engenharia eletrônica ou engenharia elétrica; matemática ou estatística; tecnologia da informação ou engenharia, com ênfase em tecnologia da informação; arquivologia ou biblioteconomia.

Nível médio

Agente de Inteligência (20 vagas) – esse cargo oferece suporte especializado às atividades decorrentes das atribuições do oficial de inteligência.

Os salários variam de R$ 6.302,23 a R$ 16.620,46, para jornadas de trabalho de 40 horas semanais. A maior parte das vagas é para Brasília/DF.

Como será a Prova?

A avaliação será por meio de provas objetivas e discursivas, previstas para o dia 11 de março de 2018, em todas as capitais do país e no DF.

O exame terá questões sobre as seguintes disciplinas:

Português, Atividade de Inteligência e Legislação Correlata, Direito Administrativo, Direito Constitucional, Língua Inglesa ou Espanhola, Raciocínio Lógico.

Além das provas objetivas e discursivas, os candidatos também farão avaliação física e médica, passarão também por uma investigação social, a última etapa do concurso é o curso de formação na escola de inteligência da ABIN.

Como estudar Direito Administrativo?

Agora que você já conhece todos os detalhes sobre o concurso ABIN, chegou a hora de descobrir como estudar Direito Administrativo!

O estudo dessa matéria requer, em primeiro lugar, planejamento. Isso porque, o Direito Administrativo para Concursos é uma matéria muito extensa e cheia de detalhes.

Em seguida, consiga o texto das leis mais importantes no site do planalto.gov.br. As leis indispensáveis para direito administrativo são: 8112, 8666, 9784, 8987 e 8429.

Uma dica importantíssima é adquirir um bom material, que seja voltado para o concurso ABIN. Desta forma você estará estudando de forma direcionada, sem perder muito tempo lendo e relendo todo o conteúdo dos textos das leis.

A Nova Concursos possui material focado nas matérias que serão cobrados no concurso ABIN, com conteúdo atualizado ideal para a sua preparação.

O material foi elaborado por professores especialistas em cada matéria e com ampla experiência em concursos, em especial, em provas organizadas pela banca Cebraspe, organizadora do Concurso da ABIN 2018.

Além da teoria, a apostila traz diversos exercícios de fixação, atualizados e gabaritados, do mesmo nível para o cargo almejado, os quais trarão benefícios valiosos complementando sua preparação.

Dicas

♦ Durante o estudo, separe a matéria por assuntos, formando blocos. Por exemplo, Direito Administrativo: atos administrativos, princípios da Administração Pública, processo administrativo, licitações e contratos, etc. Isso facilita a visualização e a compreensão.

♦ Faça a primeira leitura do livro eleito com material-base. Essa primeira leitura é a de reconhecimento e ambientação, sem muita pretensão de memorização imediata.

♦ Realize a segunda leitura, grifando os pontos mais importantes. Estudiosos da neurolinguística afirmam que quando se revê um texto lido, ou uma aula assistida, em até 48 horas após o primeiro evento, há um aproveitamento – diga-se, lembrança – de 60% a 70 % daquilo que foi visto anteriormente.

♦ Faça revisão dos pontos grifados e releia o texto literal da norma, para captar os detalhes, bem como memorizar o texto. Muitas bancas, inclusive o Cespe, costumam cobrar o texto expresso da norma.

Bons estudos!

Para mais informações e acesso ao edital, veja a página do Concurso ABIN

Nova Concursos tem ajudado há mais de 8 anos quem quer vencer a batalha do concurso público. Se você quer aumentar as suas chances de passar, conheça os nossos materiais, acessando o nosso site!

»Estude para o Concurso da ABIN e parcele o pagamento SEM JUROS

Saiba mais sobre o Concurso ABIN: Déficit chega a 2 mil servidores!

Ganhe 5% de desconto na primeira compra!

Acompanhe nossas

redes sociais