Compartilhar:

Concurso Diplomata: Publicado o resultado da perícia médica!

Redator da Nova Concursos

icone calendario 15 jan 2020

Foi divulgado o resultado dos candidatos que prestaram a etapa de perícia médica do concurso Diplomata. Além do procedimento de heteroidentificação!

⇒ Confira os resultados da perícia médica e do procedimento de heteroidentificação do concurso Diplomata! ⇐

Resultados da perícia médica e de heteroidentificação do concurso Diplomata

Foram publicados os resultados preliminares da perícia médica dos candidatos que se declararam com deficiência e do procedimento de heteroidentificação dos candidatos que se autodeclararam negros no concurso Diplomata. As divulgações foram feitas no Diário Oficial da União .

A perícia médica foi realizada em Brasília/DF, no dia 13 de janeiro e o procedimento de heteroidentificação foi realizado no dia 14 de janeiro, também em Brasília/DF.

Os candidatos que foram aprovados e classificados dentro do número de vagas ofertadas, serão convocados para apresentarem os documentos para investidura no cargo. Confira a relação de documentos necessários:

  • Documento de identificação, com foto, que comprove a nacionalidade brasileira;
  • Certidão de nascimento ou de casamento;
  • CPF;
  • Título de eleitor;
  • Certidão de quitação da justiça eleitoral;
  • Comprovante de conclusão de curso de nível superior;
  • Quitação com as obrigações militares (para homens);
  • Última declaração de imposto de renda (para isentos, redigir declaração de próprio punho, indicando estar isento de apresentação de imposto de renda).

Os documentos deverão ser apresentados junto com cópias autenticadas ou documentos originais acompanhados com cópias simples conferência.

Após a apresentação dos documentos solicitados, os candidatos aprovados serão submetidos ao curso de formação, que já teve seu regulamento divulgado, e terá como finalidade capacitar os profissionais que irão ocupar o cargo de Terceiro-Secretário do Itamaraty.

Nova-Diplomata

O curso de formação faz parte do estágio probatório e será realizado em quatro semestres, divididos em dois ciclos. Sendo o primeiro ciclo, com aulas de conteúdos conceituais e profissionalizantes, já o segundo ciclo com disciplinas profissionalizantes e atividades como viagens de estudos, ações desenvolvidas, estágio profissionalizantes na Secretaria de Estado das Relações Exteriores e programas complementares.

Durante os cursos serão ministradas aulas de idiomas de espanhol, francês e inglês. A aprovação no curso de formação, é uma condição para a confirmação no Serviço Exterior Brasileiro.

Mais de 6 mil candidatos inscritos no concurso Diplomata

Ao todo, o concurso Diplomata teve 6.411 candidatos em busca de uma oportunidade de ingresso no Ministério das Relações Exteriores. Como a oferta é de 20 vagas, a relação de candidato/vaga é de 320,55.

O requisito necessário para ingressar na carreira diplomática, é ter o ensino superior em qualquer área.

Os candidatos aprovados, ainda irão realizar um curso de formação de diplomatas no Instituto Rio Branco, em Brasília/DF. No ano de 2017, o então diretor-geral do IRB, embaixador José Estanislau do Amaral, detalhou os princípios das aulas.

“O principal objetivo do curso é aprofundar alguns conhecimentos em política internacional, economia e línguas estrangeiras. Além de ensinar outros aspectos como relacionamento com a imprensa e prepará-los, realmente, para a atuação no exterior”, disse o embaixador.

Saiba mais sobre o Concurso Diplomata: EDITAL com salários de R$ 19,1 mil!

Ganhe 5% de desconto na primeira compra!

Acompanhe nossas

redes sociais