Concurso IBAMA: Novo edital será discutido em reunião com o vice-presidente!

Redator da Nova Concursos

icone calendario 17 ago 2020

Cresce a expectativa de um novo edital do concurso IBAMA (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Naturais), em meio as declarações do vice-presidente, que defende contratações.

Realização do novo concurso IBAMA será tema de reunião

A realização de um novo concurso IBAMA será tema de uma reunião no dia 15 de julho, com o vice-presidente Hamilton Mourão. No dia de ontem, Mourão concedeu declarações favoráveis às contratações tanto no Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais, quanto no INCRA (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária).

Quer Receber Todas as Novidades do IBAMA?

Receba em seu e-mail todas as movimentações do Concurso do IBAMA

O reforço nos quadros de servidores desses dois órgãos será debatido no Conselho Nacional da Amazônia Legal, grupo que é coordenado pelo vice-presidente.

De acordo com Informações da Agência Brasil, Mourão deseja mais agentes para órgãos fiscalizadores do meio ambiente e também retirar as Forças Armadas de atividades não compatíveis na Amazônia.

Dessa maneira, seria preciso o reforço de pessoal, seja por meio de concurso público ou com contratos temporários. A ideia defendida pelo vice-presidente é possibilitar a retirada dos militares das atividades fiscalizatórias, que não cabem às Forças Armadas, mas sim ao IBAMA e ao INCRA.

“São essas agências que detém o know-how para realizar a fiscalização necessária. Não podemos continuar com dez, doze fiscais trabalhando em um estado do tamanho do Pará ou Amazonas. Não tem condições”, informou Hamilton Mourão.

Nova-Ibama

Entretanto, o vice-presidente ainda defende que os militares, por ora, continuem atuando na logística e na segurança de agentes do IBAMA e do INCRA. Mourão participou de uma sessão de debates no Sendo Federal, para discutir os planos de preservação da Amazônia.

Na ocasião, também informou que ocorreu falha de comunicação do governo a respeito do meio ambiente e essa falha comprometeu o país no contexto comercial. O Brasil vinha sofrendo pressões de investidores a respeito de políticas de preservação.

“A nossa comunicação falhou desde o ano passado. Essa é uma verdade nua e crua, perdemos o controle da narrativa e estamos desde então na defensiva”.

Concurso IBAMA depende de autorização do Ministério da Economia

Novas informações sobre um possível concurso IBAMA, poderão ser publicadas após a reunião do Conselho Nacional da Amazônia Legal, quando o vice-presidente vai falar com a impressa. Vale ressaltar, que para contratar pessoal efetivo, a seleção precisa de uma autorização do Ministério da Economia.

No IBAMA, sabe-se que um pedido de certame pode ser sido enviado no mês de maio, mas o órgão não divulgou mais informações sobre o número de vagas solicitadas e os cargos. O Ministério do Meio Ambiente também não publicou a informação ainda.

O que se sabe é o pedido de concurso feito anteriormente, no ano de 2019, quando foi solicitado o aval para preencher 2.000 vagas em cargos de níveis médio e superior, com salários de até R$ 8.547,64. Confira a distribuição das carreiras solicitadas:

Nível Médio

  • Técnico Administrativo: 847 vagas solicitadas;

Nível Superior

  • Analista Administrativo: 313 vagas solicitadas;
  • Analista Ambiental: 894 vagas solicitadas.

O cargo de Técnico Administrativo, tem exigência do nível médio completo. Já a carreira de Analistas, é necessário o candidato ter o nível superior de formação. Os salários são nos valores de R$ 4.063,34 e R$ 8.547,64, respectivamente. Os ganhos já incluem os benefícios de auxílio-alimentação de R$ 458,00 e, no caso da função de Técnico, a Gratificação de Desempenho de R$ 1.382,40.

Saiba mais sobre o Concurso IBAMA: Órgão solicita 2.311 vagas ao Ministério da Economia!

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais