Concurso MPO: Autorizado! Serão 100 vagas com iniciais de até R$ 20 mil!

Iago Almeida

icone calendario 18 jul 2023

Mais um edital autorizado, concurseiro! O concurso MPO (Ministério do Planejamento e Orçamento) recebeu autorização para preencher 100 vagas de Analista de Planejamento e Orçamento; veja!

Estude para o concurso de seus sonhos com o Método que já ajudou na aprovação de mais de 70 mil alunos. Clique aqui  e saiba mais!

Quando será publicado o edital do concurso MPO?

Portanto, um novo edital está autorizado para o concurso público  do Ministério do Planejamento e Orçamento, recriado em 1º de janeiro de 2023 pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Lembrando que o ministério tinha sido extinto pelo então presidente Jair Bolsonaro, em 1º de janeiro de 2019. A atual ministra do Planejamento e Orçamento é Simone Tebet.

Portanto, a autorização atual é para o provimento de 100 vagas de Analista de Planejamento e Orçamento (APO), que exige o nível superior em qualquer área.

A autorização foi dada, então, pela ministra da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos  , Esther Dweck. Ela anunciou 2.480 vagas em concursos federais  nesta terça-feira (18/07).

Portanto, vale lembrar que ainda não há uma data concreta para publicação do edital, uma vez que existem trâmites que devem se seguir.

Ou seja, primeiro uma comissão acaba formada e depois ela mesmo escolhe a banca organizadora. Em seguida, após assinatura do contrato, o edital se torna iminente.

Provavelmente, o edital deverá seguir o padrão das últimas autorizações, com prazo máximo de 6 meses para o lançamento do concurso.

E os salários?

Sendo assim, conforme dados do governo federal, a remuneração inicial do aprovado para o cargo será de R$ 20.924,79. Ainda há o auxílio alimentação de R$ 658,00.

Além disso, citamos que o valor indicado já está com o 9% de reajuste concedido pelo governo. Ao final da carreira, os ganhos podem chegar a R$ 29.832,94.

Quando e como foi realizado o último concurso MPO?

Sendo assim, como o ministério tinha sido extinto, ficou anos sem seleções. O último edital, aliás, aconteceu em 2015.

Na época, também com vagas para a carreira de Analista de Planejamento e Orçamento, o certame foi organizado pela banca Esaf.

Aliás, a oferta foi de 62 vagas para a carreira. E os candidatos passaram por meio de provas objetiva, discursiva e análise de títulos. Então, as disciplinas eram:

  • Língua Portuguesa;
  • Língua Inglesa ou Espanhola;
  • Raciocínio Lógico Quantitativo e Estatística;
  • Direito Público;
  • Administração Pública;
  • Contabilidade Pública, Auditoria e Controle;
  • Planejamento e Orçamento Público;
  • Economia;
  • Políticas Públicas e Realidade Brasileira; e
  • Finanças Públicas e Direito Tributário.

Materiais Relacionados

Notícias relacionadas

Acompanhe nossas

redes sociais