Pesquisar no blog

Concurso Nacional Unificado tem 1.875 vagas em qualquer área de conhecimento!

icone calendario 07 fev 2024

Falta pouco para se encerrar a inscrição para o Concurso Unificado (CNU). A seleção oferta 6.640 vagas para níveis médio e superior, sendo que mais de 1,8 mil são para qualquer área de formação; veja!

Estude para o concurso dos seus sonhos com o Método que já ajudou na aprovação de mais de 70 mil alunos. Clique aqui  e saiba mais!

Quais são os blocos temáticos ofertados no CNU?

Portanto, o concurso unificado está ofertando 6.640 vagas para níveis médio e superior, em diferentes órgãos federais. A remuneração pode chegar até R$ 22.921,71, além dos benefícios.

São oportunidades para 21 órgãos públicos federais (órgãos e entidades da Administração Pública Federal direta, autárquica e fundacional). Veja os blocos temáticos:

  • Bloco 1 – Infraestrutura, Exatas e Engenharias – 727 vagas;
  • Bloco 2 – Tecnologia, Dados, e Informação – 597 vagas;
  • Bloco 3 – Ambiental, Agrário e Biológicas – 530 vagas;
  • Bloco 4 – Trabalho e Saúde do Servidor – 971 vagas;
  • Bloco 5- Educação, Saúde, Desenvolvimento Social e Direitos Humanos – 1.016 vagas;
  • Bloco 6 – Setores Econômicos e Regulação – 359 vagas;
  • Bloco 7 – Gestão Governamental e Administração Pública – 1.748 vagas; e
  • Bloco 8 – Nível Intermediário – 692 vagas.

Concurso Unificado: Inclusão de mais uma especialidade no bloco 1? Entenda!

Quais são as áreas sem exigência de diploma específico no CNU?

Entretanto, algumas vagas exigem apenas nível superior, não tendo exigência de diploma específico. Ou seja, o concurseiro poderá ter conhecimento em qualquer área.

No Bloco I, são 10 vagas para Especialista em Regulação de Serviços Públicos de Energia, para a Agência Nacional de Energia Elétrica – ANEEL.

Ainda no Bloco I, há 5 vagas para Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental (EPPGG), para o Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos.

No Bloco II, são 20 vagas para Pesquisador, para o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira – Inep.

Ainda no II, há 15 vagas para Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental (EPPGG), para o Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos.

Já no Bloco IV são 20 vagas para Analista Técnico de Políticas Sociais (ATPS) e 10 vagas para Especialistas em Políticias Públicas e Gestão Governamental (EPPGG), ambas para o MGI.

No Bloco V são 460 vagas para Analista Técnico de Políticas Sociais (ATPS) e 20 de Especialistas em Políticas Públicas e Gestão Governamental (EPPGG), todas para o MGI. Além de 10 de Analista Técnico Administrativo para o Ministério dos Povos Indígenas.

No Bloco VI são 30 vagas de Especialista em Regulamentação de Serviços Públicos de Energia para a ANEEL, 35 vagas de Especialista em Regulação de Saúde Suplementar, para a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e 30 vagas para Especialista em Regulação de Serviços de Transportes Aquaviários, para a Agêcnia Nacional de Transportes Aquaviários (ANTAQ).

Além disso, ainda há no Bloco VI, 15 vagas para Especialista em Políticias Públicas e Gestão Governamental (EPPGG) para o MGI e 50 vagas de Analista de Comércio Exterior (ACE) para o Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comécio e Serviços (MDIC).

No Bloco VII são 90 vagas de Analista Técnico Administrativo para a Agência Geral da União (AGU), 102 vagas de Analista Administrativo para o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA), além de 238 vagas de Analista em Reforma e Desenvolvimento Agrário, também ao INCRA.

E mais 106 vagas de Analista em Ciência e Tecnologia, ao MGI, 18 vagas para Analista em Ciência e Tecnologia ao Ministério da Agricultura e Pecuária (MAPA), 50 vagas de Analista Técnico Administrativo ao Ministério da Cultura (MinC) e 182 da mesma carreira ao MGI.

São ainda 80 vagas de EPPGG para o MGO, 95 vagas de Analista Técnico Administrativo (sendo 50 ao MDIC e 45 ao Ministério do Planejamento e Orçamento – MPO) e 9 vagas de Analista Administrativo para a Superintendência Nacional de Previdência Complementar – PREVIC.

No bloco VIII não há vagas para qualquer área de conhecimento, ou seja, só específicas!

Inscrição do Concurso Unificado terminam nesta semana!

Assim, falta pouco para se encerrar o prazo de inscrição para o CNU. Ela deve ser feita no site do MGI , até o dia 9 de fevereiro, ou seja, próxima sexta-feira.

Para se inscrever, o candidato deve acessar sua conta no aplicativo Gov.br“A conta Gov.br garante a correta identificação de cada cidadão que acessa os serviços digitais do governo. Serão aceitos todos os níveis de conta na plataforma (ouro, prata ou bronze)”, explicou o MGI.

Além disso, primeiramente é preciso escolher um dos 8 blocos temáticos. Depois, deve optar pelo cargo e especialidade, indicando a ordem de preferência de ocupação do cargo e a cidade de realização da prova.

Posteriormente, é preciso pagar uma taxa de R$ 60 para cargos de nível médio e de R$ 90 para nível superior. Lembrando que a banca da seleção é a Fundação Cesgranrio    .

Para os que não conseguem fazer a inscrição online, haverá suporte presencial nas agências do Banco do Brasil e dos Correios, nas 220 cidades de aplicação das provas.

Mas, o CNU permitirá a inscrição para a disputa por vagas para mais de um cargo. Isso desde que dentro do mesmo bloco temático, com taxa de inscrição única.

ATENÇÃO: a inscrição deverá ser feita apenas para um bloco temático! Pode se inscrever em dois cargos, como explicado acima, mas apenas dentro de um mesmo bloco.

Tira-dúvidas sobre o concurso unificado (CNU)!

Quais salários os aprovados no CNU vão receber?

O governo já confirmou que deve utilizar o banco de candidatos aprovados em cadastro de espera, para processos de contratação temporária. Sendo assim, confira como ficará os salários de cada área:

  • Infraestrutura, Exatas e Engenharia: R$ 5.212,29 a R$ 20.924,80
  • Tecnologia, Dados e Informação: R$ 5.212,29 a R$ 20.924,80
  • Ambiental, Agrário e Biológicas: R$ 5.212,29 a R$ 20.924,80
  • Trabalho e Saúde do Servidor: R$ 4.407,90 a R$ 22.921,71
  • Educação, Saúde, Desenvolvimento Social e Direitos Humanos: R$ 5.488,70 a R$ 11.186,69
  • Setores Econômicos e Regulação: R$ 7.736,77 a R$ 20.924,80
  • Gestão Governamental e Administração Pública: R$ 6.761,72 a R$ 9.252,40
  • Nível Intermediário: R$ 4.008,24 a 8.469,89

Como serão as provas do Concurso Unificado?

Posteriormente, os inscritos vão passar por uma prova, que estará aplicada no dia 5 de maio de 2024 e contará com avaliações objetivas específicas e dissertativas, por área de atuação.

Ainda, a expectativa do Governo é que 3,5 milhões de candidatos se inscrevam no concurso. A força de trabalho estimada é de 350 mil pessoas.

Além disso, o documento citou ainda que 94,6% da população deve ficar até 100 quilômetros de distância dos locais de prova.

Por fim, as avaliações acontecerão em dois turnos, manhã e tarde, será aplicada em 220 cidades do país e estarão a cargo da Fundação Cesgranrio. Veja:

  • Matutino
    • Nível superior: provas objetivas de conhecimentos gerais com 20 questões + prova discursiva de conhecimento específico do bloco;
    • Nível médio: provas objetivas com 20 questões.
  • Vespertino
    • Nível superior: provas objetivas de conhecimentos específicos com 50 questões;
    • Nível médio: provas objetivas com 40 questões.

ATENÇÃO: As matérias para estudo e divisão das questões você encontra dentro de cada um dos editais. Neles também é possível consultar requisitos e atribuições de cada carreira.

Estude para o Concurso Nacional Unificado

Se você quer ser aprovado no Concurso Unificado (CNU),    não perca tempo e intensifique seus estudos agora mesmo e com materiais de qualidade.

Pensando em garantir a melhor preparação para você, produzimos cursos online que vão direto ao ponto, com videoaulas, plano de estudos, além de tutorias para você tirar todas as suas dúvidas.

Todos os cursos elaborados por professores especialistas que são referência no mercado e possuem ampla experiência em concursos públicos.

Além disso, contam com todas as disciplinas gerais e específicas de cada eixo temático que estarão cobrados em sua prova. Clique aqui para saber mais!

Sendo assim, confira abaixo mais materiais da NOVA para sua preparação no CNU:

Saiba mais sobre o Concurso Nacional Unificado: Editais publicados. Mais de 6 mil vagas!

Materiais Relacionados

Notícias relacionadas

Acompanhe nossas

redes sociais