Pesquisar no blog

Concurso PC MG: Como estudar Direitos Humanos?

icone calendario 16 nov 2021

O concurso PC MG fechou recentemente suas inscrições e agora o foco dos candidatos deve ser a Prova de Conhecimentos, que acontecerá nos dias 12 e 19 de dezembro. Confira dicas de como estudar os Direitos Humanos!

O concurso PC MG contempla nada menos que 519 vagas distribuídas entre os seguintes cargos:

  • Delegados – 62 vagas; cargo de nível superior completo em Direito;
  • Escrivães – 397 vagas; cargo de nível superior completo em qualquer área;
  • Investigadores – 30 vagas; cargo de nível superior completo em qualquer área;
  • Peritos – 21 vagas; cargo de nível superior completo em qualquer área; e
  • Médicos Legistas – 9 vagas; cargo de nível superior completo em Medicina.

Com salários que variam entre R$ 4,6 mil e R$ 12,9 mil mensais.

Saiba um pouco mais sobre o certame e se prepare para as avaliações!

Etapas do concurso PC MG

O certame da PC de Minas Gerais é composto pelas seguintes etapas de avaliação:

  • Prova de Conhecimentos/Objetiva, de caráter eliminatório e classificatório.
  • Exames Biomédicos e Biofísicos, de caráter eliminatório.
  • Avaliação Psicológica, de caráter eliminatório.
  • Provas de Títulos, de caráter classificatório.
  • Investigação Social, de caráter eliminatório.

Dicas de estudo

Os editais do concurso da Polícia Civil de Minas Gerais trazem alguns conteúdos diferentes para serem estudados para cada cargo. Dessa maneira, ler e entender o edital é crucial para não se perder na hora dos estudos!

Igualmente é importante conhecer a banca que aplicará a prova, no caso, a Fumarc. Conhecer o estilo de provas ou tipos de pegadinhas que a organizadora costuma aplicar pode garantir um melhor resultado final.

Confira mais algumas dicas que podem te ajudar:

  • Tenha um dicionário jurídico sempre em mãos quando for estudar;
  • Mantenha um caderno de anotações bem organizado;
  • Faça mapas mentais para memorizar bem;
  • Tente compreender como as Leis funcionariam na prática.

Concurso PC MG: Características sobre a banca Fumarc

A banca FUMARC (Fundação Mariana Resende Costa) é uma das mais tradicionais na organização de concursos no Estado de Minas Gerais.

As questões formuladas pela Fundação não costumam ter um nível elevado de dificuldade, se comparada a bancas como o Cebraspe e a Fundação Carlos Chagas (FCC).

As perguntas da Fumarc geralmente são bastante objetivas e diretas e, no caso de provas da área do Direito, é comum que a organizadora cobre os textos de lei.

Uma dica para tirar uma boa nota nos concursos organizados pela Fumarc é refazer provas antigas da Fundação, além de procurar provas de bancas semelhantes, como o IADES, para se acostumar ao estilo de avaliação.

Concurso PC MG: dicas para estudar Direitos Humanos

Antes de mais nada é importante enfatizar que a matéria de Direitos Humanos faz parte do conteúdo programático indicado no edital do concurso da Polícia Civil de Minas Gerais e, portanto, deve ser estudada com muita atenção e dedicação.

Leia a Declaração dos Direitos Humanos

A primeira dica para iniciar os estudos nesse tópico é, simplesmente, ler a Declaração dos Direitos Humanos (DUDH). É importante conhecer bem as Leis para tirar uma boa nota nos exames.

A Declaração foi adotada pela Organização das Nações Unidas em 1948 e, até hoje, é o documento internacional mais importante para os Direitos Humanos.

Conheça os objetivos da Declaração

É imprescindível, também, saber o objetivo do conteúdo da DUDH: este é o documento que estabelece os direitos civis, políticos, sociais, econômicos e culturais que devem ser garantidos a toda e qualquer pessoa.

Além disso, a DUDH serve como base para a elaboração das Constituições Federais dos países e, consequentemente, para a legislação também. Portanto, na hora dos estudos, vale dar um destaque maior para a Constituição Brasileira de 1988.

Outro ponto de extrema relevância a ser estudado é a Força Vinculante da DUDH. Isso porque a Declaração é tida como uma resolução, não como um tratado. Por isso, a obrigatoriedade da utilização desse documento pode ser vista de uma forma mais amena e não tão rígida, o que vale, sempre, ser discutido.

A partir dessas explicações e definições iniciais, os estudos devem ser focados nos artigos e em suas aplicações. Talvez seja bacana dar um enfoque maior para os Direitos Humanos aplicados na Constituição Federal do Brasil.

Saiba mais sobre o Concurso Polícia Civil MG: Edital publicado com 519 vagas!

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais