Concurso Polícia Federal: Autorizado prazo de 2 meses para aplicação das provas!

Redator da Nova Concursos

icone calendario 06 jan 2021

Foi concedido pelo Ministério da Economia, o aval para reduzir o prazo da publicação do edital a realização das provas do concurso Polícia Federal para 02 meses.

Aplicação das provas do concurso Polícia Federal

Foi autorizado pelo Ministério da Economia, a redução do prazo de 04 (quatro) meses para 02 (dois) meses entre a divulgação do edital e a aplicação das provas. Dessa maneira, as avaliações podem acontecer no mês de março.

Isso porque, a previsão da corporação é publicar o edital do concurso Polícia Federal no mês de janeiro. O aval foi divulgado no Diário Oficial da União , no dia 06 de janeiro.

Segundo informações da portaria, o documento está assinado pelo secretário de Desburocratização, Gestão e Governo Digital, Caio Mario Paes de Andrade, concedendo total responsabilidade aos atos e realização do certame à Polícia Federal.

O aval dado pelo Ministério da Economia é concedido após a própria Polícia Federal enviar um ofício solicitando essa redução, no mês de dezembro. A solicitação foi feita logo após o aval dado pelo Governo Federal, para a realização da seleção .

O ofício foi protocolado pelo secretário executivo do Ministério da Justiça e Segurança Pública, Tercio Issami Tokano, da pasta que rege a Polícia Federal.

Foi justificado que o objetivo da corporação é prover as 1.500 vagas ainda neste ano de 2021, ou seja, dar início à formação dos policiais. Mas, para isso, se faz necessário cumprir todas as longas etapas do concurso Polícia Federal.

Nova-PF

Curso de Formação Profissional do concurso Polícia Federal em 2021

Outro ponto, é que a previsão de formar os policiais em 2021 foi confirmada pelo diretor-geral da Polícia Federal, Rolando Alexandre.

É garantido pelo diretor, que a Polícia Federal projeta 2.000 provimentos (nomeações) até o ano de 2022. Segundo o chefe da corporação ocorrerá a chamada de 2.000 vagas, sendo a soma das 1.500 vagas autorizadas com 500 candidatos remanescentes, sendo:

  • Primeira turma em 2021;
  • Segunda turma com os remanescentes em 2022.

“Neste momento a formação dos novos policiais federais não estaria acontecendo sem o seu apoio (Bolsonaro) incondicional em recomposição dos quadros da Polícia Federal – não apenas com essa turma que se forma hoje, mas também com a realização de um novo concurso público de 2 mil vagas: 1.500 já para 2021 e os excedentes para 2022”, salientou o diretor-geral Rolando Alexandre.

Saiba mais sobre o Concurso Polícia Federal 2021: Saiu o EDITAL com 1.500 vagas!

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais