Concurso Receita Federal: Órgão solicita 3.360 vagas ao Ministério da Economia para novo edital!

Redator da Nova Concursos

icone calendario 03 jul 2020

Foi confirmado pelo órgão, que foram solicitadas 3.360 vagas ao Ministério da Economia para o novo concurso Receita Federal.

Solicitação do concurso Receita Federal

Foi confirmado pela autarquia, que realizou em 2020, um novo pedido de concurso Receita Federal para o provimento de 3.360 vagas.

De acordo com informações do órgão, a seleção será para provimento de cargos efetivos à Secretaria de Gestão e Desempenho de Pessoal (SGP) do Ministério da Economia, a fim de sanar parcialmente o déficit de servidores ocorridos nos últimos anos em decorrência dos processos de vacância.

Na nova solicitação do órgão, foi pedido o provimento de cargos efetivos na carreira Tributária e Aduaneira, como: Auditor Fiscal da Receita, com 550 vagas e Analista Tributário da Receita, com 1.500 vagas.

Além disso, o novo concurso Receita Federal solicitou vagas para as carreiras Administrativas, sendo 4 vagas para o cargo de Arquiteto, 16 vagas para a função de Engenheiro, 20 vagas para Contador e 270 vagas para a carreira de Analista Técnico Administrativo (nível superior).

Também foram solicitadas vagas para o nível médio. Sendo assim, foram pedidas mais 1.000 vagas no cargo de Assistente Técnico Administrativo (ATA-NI).

Apesar de novas expectativas para o concurso Receita Federal acontecer, vale ressaltar que, a condução do certame, com definição de vagas, compete exclusivamente à Secretaria-Executiva do Ministério da Economia.

É de conhecimentos de todos, que a autarquia necessita urgentemente repor o seu quadro de servidores, que atualmente, sofre com um elevado déficit. O órgão até tentou um concurso público no ano de 2019, entretanto, teve o pedido negado.

Na época, a Secretaria de Gestão e Desempenho de Pessoal, por meio do Ofício SEI nº 41848/2019/ME, informou que as diretrizes do Poder Executivo Federal apontavam pela impossibilidade de autorização de novos concursos públicos pela situação fiscal do país.

Agora, é esperada que a nova solicitação para o ano de 2021, seja aprovada. Vale lembrar, que em consulta realizada no Painel Estatístico de Pessoal, ferramenta da Transparência, a Receita Federal possui, atualmente, um déficit total de 22.693 cargos entre as carreiras de Auditores-Fiscais e Analistas Tributários da RFB.

Deste quantitativo total, 12.186 cargos vagos são de Auditor Fiscal e 10.507 cargos vagos de Analista Tributário da Receita.

Receita Federal investe em análise estrutural

No dia 05 de janeiro, o subsecretário de Gestão Corporativa da Receita Federal, Moacyr Mondardo, se reuniu com membros da Anfip para discutir o andamento do projeto de reestruturação do órgão, fundamental para o concurso Receita Federal sair do papel.

Para o ano de 2020, o plano é fazer uma análise estrutural mais aprofundada. A intenção da Receita Federal é que o decreto com a definição de cargos e o regimento, com as competências, estejam em vigor a partir de 01 de junho de 2020. O prazo se deve ao fato de que as atualizações de movimentação no sistema são demoradas.

Outro ponto levantado na reunião, foi a implementação de um ponto eletrônico para Auditores Fiscais da Receita. De acordo com Moacyr Mondardo, ainda não há uma posição concreta sobre o assunto.

Entretanto, foi afirmado pelo subsecretário que estão em discussão questões sobre teletrabalho e regulamentação do trabalho semipresencial. Além disso, a situação dos supervisores de equipes e os que exercem o trabalho externo é debatida.

“É uma questão complexa e a variabilidade do trabalho da fiscalização é extrema”, informou o subsecretário.

Saiba mais sobre o Concurso Receita Federal: Mais de 3,3 mil vagas foram solicitadas ao Ministério da Economia!

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais