Pesquisar no blog

Concurso Seg. Pública: Governo do estado de SP anuncia reajuste para classe!

icone calendario 11 fev 2022

Atenção concurseiros! O Governo de São Paulo anunciou reajuste salarial de 20% para as forças de segurança pública e administração penitenciária do estado. A medida passa a valer a partir de março! Entenda!

Estude para o concurso dos seus sonhos com a Assinatura Completa da Nova . Tenha acesso a Cursos, Plataforma de Questões, Eventos Exclusivos para Assinantes e Muito Mais!

Concurso Segurança Pública: reajuste salarial

O Governador João Doria anunciou nesta quinta-feira (10) um reajuste salarial de 20% para profissionais da segurança pública do estado de São Paulo .

Assim, a medida beneficia mais de 276 mil profissionais do sistema prisional e das polícias Civil, Militar e Técnico-Científica, inclusive aposentados e pensionistas.

“É um momento muito importante e significativo. Graças à estabilidade financeira e fiscal, podemos fazer aquilo que já desejávamos, que é o reconhecimento do funcionalismo público do Estado”, disse Doria.

“Esse aumento é fruto de um esforço coletivo de todo o Governo”, completou o Governador.

Sendo assim, a proposta será concedida dentro dos limites da Lei de Responsabilidade Fiscal.

Entretanto, o estado espera a confirmação do superávit orçamentário consolidado de R$ 5,9 bilhões em 2021 para posteriormente poder formalizar os reajustes.

Ademais, o projeto de lei será encaminhado para apreciação da Assembleia Legislativa de São Paulo (ALESP) nos próximos dias.

Quanto ficarão os salários?

Portanto, com o reajuste de 20% anunciado, o salário inicial reajustado de um Soldado PM de 2ª classe deve chegar a R$ 5,8 mil, já incluindo benefícios.

Entretanto, para um Tenente PM de 2ª classe, o novo valor será de R$ 10,3 mil, entre salário e benefícios.

Enquanto isso, na Polícia Civil, um Agente de 3ª classe passará a receber R$ 6,3 mil acumulados entre vencimento e benefícios.

Já um Delegado de 2ª classe terá salário inicial de R$ 16,2 mil por mês. Ou seja, esses reajustes são um estimulo a mais para quem vai concorrer no próximo concurso PC SP.

O certame está com banca definida, Fundação Vunesp, que anunciou que o edital poderá ser publicado a qualquer momento, pois se encontra em fase de finalização. Serão 2.939 vagas!

Concurso Segurança Pública: Associação aguardava valor maior

O presidente da Associação dos Cabos e Soldados da Polícia Militar do Estado de São Paulo (ACSPMESP), Cabo Wilson Morais, parece não ter ficado feliz com o reajuste. Ele esperava um aumento maior.

Não era o aumento que esperávamos, mas é um começo para dar um equilíbrio nas contas dos policiais. O governador já poderia ter anunciado os índices para os próximos anos para poder tranquilizar mais a categoria. Vou propor à FERMESP (Federação das Entidades Representativas dos Militares do Estado de São Paulo) uma reunião entre as entidades para discutir o assunto. Ainda temos que pressionar o governador para cumprir sua promessa de fazer a polícia de São Paulo, a melhor do país, a segunda mais bem remunerada do Brasil. Nossos policiais estão sofrendo há anos sem reajuste ou com reajustes ínfimos oferecidos nos últimos anos“, afirma.

Já o Sindpesp (Sindicado dos Delgados de Polícia do Estado de São Paulo), por meio das redes sociais, disse que a gestão não deve priorizar o marketing.

“A gestão da Segurança Pública no Estado de São Paulo não deve priorizar o marketing. É necessário urgentemente mais responsabilidade e comprometimento com a população. A Polícia Civil presta um serviço de excelência para a população, mas graças à abnegação, heroísmo e sacrifício dos policiais”, escreveu.

Também houve reajuste para profissionais da saúde

O reajuste salarial de até 20% também foi concedido para profissionais de saúde da rede pública do estado de São Paulo.

Sendo assim, ao menos 69,6 mil servidores da ativa e inativos serão beneficiados com os novos valores.

“A todas as carreiras da área de saúde pública do estado de São Paulo, eles e elas também são nossos heróis. Profissionais que se expuseram e continuam se expondo, diante da gravidade desta pandemia, para salvar vidas. A todos, os que estão na ativa e os que não estão, o nosso reconhecimento e a nossa gratidão”, destacou o governador João Doria.

Portanto, Auxiliares de Saúde com carga horária de 30 horas, por exemplo, contando os benefícios concedidos, receberão R$ 2.638,17.

Por outro lado, o salário de Técnicos de Enfermagem com carga horária de 30 horas irá de R$ 1.023,28 para R$ 1.227,94 e, com os benefícios, chegará a R$ 2.097,76.

Entretanto, para Médicos com carga horária de 20 horas, o reajuste será de R$ 5.571,41 para R$ 6.685,69, chegando a receber R$ 8.953,54 com os benefícios.

Confira o documento do governo que explica sobre o reajuste salarial na saúde e segurança pública !

assinatura completa
Acompanhe nossas

redes sociais