Concurso STN: Pedido é analisado pelo Planejamento!

icone calendario 13 nov 2018

Em 2019 o mundo dos concurseiros será agitado! Um dos concursos públicos mais aguardados é o da Secretaria do Tesouro Nacional (STN)!

O pedido do novo certame já foi enviado ao Ministério do Planejamento, contudo ainda não há confirmação sobre o quantitativo de vagas. A expectativa é de que a oferta seja para candidatos de nível médio e superior, com salários de até R$ 19,6 mil!

Previsão do edital

O último concurso foi realizado em 2012, após seis anos sem novas seleções, é grande o déficit de servidores da STN.

Segundo informações do Sindicato Nacional dos Analistas e Técnicos de Finanças e Controle (Unacon), espera-se que em 2018 cerca de 150 servidores efetivos solicitem aposentadoria.

Uma vez que o certame receber aprovação da solicitação pelo Ministério do Planejamento, os próximos passos serão a formação da comissão do concurso e a licitação para contratação da organizadora. Espera-se que o edital seja divulgado no primeiro semestre de 2019.

Vagas e salários

O número de vagas que serão ofertadas ainda não foi confirmado. Segundo um levantamento feito pela Unacon seriam necessários pelo menos 500 profissionais para ocupar o cargo de Técnico e 100 para Auditor.

A expectativa é de as oportunidades sejam para os cargos de Auditor (nível superior), Assistente Técnico Administrativo e Técnico de Finanças e Controle (nível médio).

Os salários devem variar entre R$ 4,1 mil e R$ 6,8 mil para os cargos de nível médio e para nível superior os ganhos podem chegar a R$ 17,4 mil. Todos os cargos ainda recebem o auxílio alimentação que corresponde a R$ 458,00.

Existe a previsão que em 2019 sejam feitos alguns reajustes nos salários. Assim, o de Técnico pode atingir R$ 7,7 mil e para Auditor até R$ 19,6 mil.

Último concurso

O último certame aconteceu em 2012 e contou com 255 vagas para o cargo de Analista nas áreas de Desenvolvimento Institucional, Governança e Gestão em Tecnologia da Informação, Contábil, Gestão em Infraestrutura de Tecnologia da Informação e econômico-financeira.

A banca organizadora foi a Escola de Administração Fazendária (ESAF) e os candidatos foram avaliados por meio de provas objetivas, compostas pelas disciplinas de finanças públicas, administração pública, português, direito administrativo, direito constitucional, estatística, raciocínio lógico quantitativo e disciplina de inglês ou espanhol. Houve ainda uma prova discursiva.

Nova Concursos  tem ajudado há mais de 8 anos quem quer vencer a batalha do concurso público. Se você quer aumentar as suas chances de passar, conheça os nossos materiais, acessando o nosso site!

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais