Compartilhar:

Concurso TCM SP: Contrato com banca chega à presidência do órgão!

Redator da Nova Concursos

icone calendario 10 jan 2020

O processo para contratação da banca organizadora do concurso TCM SP (Tribunal de Contas do Município de São Paulo), chegou à Presidência do órgão para deliberações.

Contrato com banca do concurso TCM SP chega à presidência

O Tribunal de Contas do Município de São Paulo, está prestes a assinar o contrato com a Fundação Vunesp para organizar o novo concurso TCM SP, com 102 vagas. O processo chegou ao gabinete da presidência do órgão para deliberações.

No dia 11 de janeiro, já foi encaminhado a unidade de contratos do tribunal. O que indica que o contrato com a banca organizadora pode ser publicado no Diário Oficial nos próximos dias. A assinatura contratual com a organizadora é o último passo antes da divulgação do edital.

Após essa formalização, as partes irão se reunir para ajustar os últimos detalhes do edital, como cronograma de inscrições e provas. Caso os trâmites sejam agilizados, é possível que o certame seja aberto no primeiro trimestre de 2020.

A Fundação Vunesp foi anunciada como banca organizadora no dia 19 de dezembro de 2019. Sendo assim, terá a responsabilidade por receber as inscrições da seleção e aplicar as etapas, como provas objetivas.

Foi informado pelo departamento de Recursos Humanos do tribunal, que só será determinado um prazo para divulgação do edital depois da contratação da banca organizadora. O TCM SP recebeu aval para realizar concurso com 102 vagas para ingresso de servidores efetivos.

Do quantitativo autorizado, 10 vagas serão para Auxiliar Técnico de Fiscalização. A carreira tem como pré-requisito apenas o nível médio completo. O salário inicial é de R$ 4.907,45, para jornadas de trabalho de 40 horas semanais.

Após seis meses, os servidores podem ganhar gratificação de incentivo à especialização e produtividade de R$ 5.124,95. Sendo assim, o salário chega a R$ 10.032,40.

As demais 92 vagas serão para Agente de Fiscalização. Ao todo, 2 vagas serão de caráter imediato e as outras 90 vagas para formação de cadastro reserva. A exigência será o nível superior nas áreas indicadas em edital.

Os agentes do tribunal recebem R$ 18.829,53 por mês, valor composto pelo salário básico de R$ 10.818,37 somado com a gratificação de R$ 8.011,16. Com a progressão na carreira, os profissionais podem ganhar até R$ 29.000,00.

Último concurso TCM SP

O último concurso TCM SP para o cargo de Técnico de Fiscalização teve seu edital publicado no ano de 2006. Na época, foram ofertadas 23 vagas para a área de suporte administrativo, com reserva para pessoas com deficiência.

A banca organizadora responsável pela execução do certame, foi o Instituto Cetro. Os candidatos foram avaliados por provas objetivas e prova de redação, de caráter eliminatório e classificatório.

A prova objetiva foi composta por 60 questões de Conhecimentos Gerais (Língua Portuguesa, Matemática e Noções de Informática) e Conhecimentos Específicos relacionadas ao cargo de Legislação Específica presente no conteúdo programático.

Foi considerado aprovado na prova objetiva, o participante que obteve nota mínima de 50 pontos em cada uma das provas e total de pontos maior ou igual a 200. Na prova redação, os candidatos tiveram que elaborar uma dissertação sobre tema geral.

Apenas foram corrigidas as redações dos primeiros colocados, com melhor pontuação na prova objetiva.

Saiba mais sobre o Concurso TCM SP: Tribunal de Contas do Município de São Paulo!

Ganhe 5% de desconto na primeira compra!

Acompanhe nossas

redes sociais