Pesquisar no blog

Lista de adesão dos Órgãos ao CNU será divulgada nos próximos dias!

Iago Almeida

icone calendario 26 set 2023

O Ministério da Gestão e Inovação divulgará nos próximos dias a lista de adesão dos órgãos confirmados no CNU – Concurso Nacional Unificado . Veja detalhes!

Estude para o concurso dos seus sonhos com o Método que já ajudou na aprovação de mais de 70 mil alunos. Clique aqui  e saiba mais!

Quais os órgãos que vão participar do CNU?

Concurso Nacional Unificado continua sendo preparado e terá edital ainda em 2023. Por isso, se você se interessou, saiba detalhes.

Nos próximos dias, o Ministério da Gestão e Inovação divulgará a lista de adesão dos órgãos confirmados na seleção unificada.

Assim, a informação foi confirmada pela pasta, em troca de e-mails entre o MGI e a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

“Esclarecemos que nos próximos sete dias teremos a publicação do Decreto das regras de governança do Concurso Público Nacional Unificado e a instituição da Comissão de Governança do CPN. Seguidamente teremos a publicação de Portaria sobre o CPN com o Termo de Adesão“, disse no último dia 19.

Vale destacar que os órgãos federais têm até sexta-feira, 29 de setembro, para assinar o termo de adesão, confirmando a participação no chamado “Enem dos Concursos”.

Órgãos confirmados

  • Ministério do Trabalho e Emprego: auditor-fiscal do trabalho (AFT)
  • Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc)
  • Ministério da Saúde;
  • Carreiras transversais: Analista em Tecnologia da Informação (ATI); Analista de Infraestrutura (AIE): 300 vagas; Analista técnico de Políticas Sociais (ATPS): ; e Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental (EPPGG).

Pré-confirmados

  • IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística);
  • APO (Analista do planejamento e orçamento, vinculado ao Ministério do Planejamento);
  • MCTI (Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação);
  • CVM (Comissão de Valores Mobiliários); e
  • Agências Reguladoras (ANS, ANTT, Aneel, Antaq e Anac).
  • Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento)

Como será a avaliação no Concurso Nacional Unificado?

Segundo a previsão, os inscritos na seleção passarão por provas no dia 25 de fevereiro, em todas as capitais e cidades médias e grandes. Veja como seria:

  • 1º) Provas objetivas com matriz comum a todos os candidatos;
  • 2º) Provas específicas e dissertativas por blocos temáticos. Os resultados gerais da primeira fase devem se divulgar até o final de abril de 2024 e o início dos cursos de formação, entre junho e julho do ano que vem. 

Além disso, a meta é realizar a prova em cerca de 180 cidades. Veja a divisão por região do país:

Concurso Nacional Unificado: o que estudar?

Decreto cita escolha da banca, que será feita em outubro

Recentemente foi divulgado o decreto que lista informações e regras para o concurso . Primeiro ele lista como será composta a Comissão de Governança. Ele terá representantes de:

  • Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos, que a presidirá;
  • Advocacia-Geral da União;
  • Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira – Inep;
  • Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada – Ipea;
  • Fundação Escola Nacional de Administração Pública – Enap; e
  • Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República.

Ademais, a minuta do decreto também estabelece que serão criados comitês técnicos futuramente, de maneira adicional.

Depois, as comissões técnicas ficarão responsáveis por trabalhar e auxiliar na elaboração do projeto básico, na escolha da banca organizadora e mais detalhes do concurso.

De acordo com o governo, a previsão é que a banca seja contratada ainda em outubro. O edital, por sua vez, segue previsto para dezembro.

Quais as vagas confirmadas no CNU?

São, então, 5151 vagas confirmadas. Portanto, confira abaixo os órgãos que confirmaram participação no edital unificado até 18 de setembro:

  • MCTI: 814 vagas;
  • CNPQ: 50 vagas;
  • Funai: 502 vagas;
  • Ministério da Saúde: 220 vagas;
  • Fiocruz: 300 vagas;
  • AFT: 900 vagas;
  • AIE: 300 vagas;
  • ATI: 300 vagas;
  • ATPS: 500 vagas;
  • EPPGG: 150 vagas;
  • MDIC: 50 vagas;
  • Ministério da Justiça: 100 vagas;
  • IBGE: 895 vagas;
  • Previc: 40 vagas; e
  • Antaq: 30 vagas.

Concurso Antaq: Agência manifesta interesse em participar de seleção unificada!

Concurso INCRA: Instituto não participará de seleção unificada. Entenda!

Entretanto, alguns órgãos já confirmaram extraoficialmente a participação, mas ainda não constam na lista oficial do MGI. É o caso do MAPA!

Concurso Mapa: Terá 440 vagas abertas em Seleção Unificada, entenda!

Confira abaixo os blocos temáticos por áreas de atuação: 

Saiba mais sobre o Concurso CNU: Editais publicados. Mais de 6 mil vagas!

Materiais Relacionados

Notícias relacionadas

Acompanhe nossas

redes sociais