Pesquisar no blog

Concurso CGU: O que faz um Técnico Federal?

icone calendario 27 dez 2021

Atenção, concurseiros! O concurso CGU teve seu edital publicado com a oferta de mais de 300 vagas imediatas. Saiba mais sobre o cargo de Técnico Federal, que tem oportunidades em aberto, e se programe para garantir uma vaga!

Ante de mais nada, vale dizer que o concurso CGU tem a oferta de 375 vagas, sendo 300 de nível superior e 75 de nível médio. Falaremos mais sobre os cargos ofertados logo em seguida.

Segundo Wagner Rosário, ministro da Controladoria-Geral da União, o certame não contará com a formação de um cadastro de reserva, mas conforme a CGU for necessitando, candidatos excedentes poderão ser convocados.

Saiba agora mais informações e como se inscrever no certame!

Concurso CGU: inscrições

Os interessados no certame da Controladoria-Geral da União poderão se inscrever entre os dias 03 de janeiro e 1º de fevereiro de 2022 ao acessar o site da organizadora, FGV , e preencher os dados necessários. Além disso, uma taxa de participação será cobrada de acordo com o nível do cargo concorrido, sendo:

  • Nível Médio: R$ 80,00;
  • Nível Superior: R$ 120,00.

Por fim, é importante lembrar que a data limite para o pagamento da taxa será dia 02 de fevereiro.

Cargo e vagas do concurso CGU

O concurso da CGU atual está ofertando 375 vagas para o cargo de Auditor Federal de Finanças e Controle – AFFC, que tem requer diversas especialidades, e também para a carreira de Técnico Federal de Finanças e Controle – TFFC.

A divisão exata das vagas, portanto, será feita da seguinte forma: serão 300 vagas somente para o cargo de Auditor, enquanto que as demais 75 são para Técnicos.

Para o cargo de Auditor, especificamente, existem oportunidades para as especialidades de Auditoria e Fiscalização, Tecnologia da Informação, Contabilidade Pública e Finanças e, por fim, Correição e Combate à Corrupção.

Vale mencionar, ainda, que o cargo de Técnico, por exemplo, tem vencimentos iniciais de R$ 7.283,21, enquanto que o de Auditor oferta salários de R$ 19.197,06 . Todos os funcionários da CGU têm direito, ainda, a benefícios como auxílio-alimentação e auxílio-creche.

Quais são os requisitos para ser Técnico Federal?

Para se tornar um Técnico Federal de Finanças e Controle, é necessário apresentar certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de Ensino Médio ou de curso técnico equivalente, expedido por Instituição de Ensino reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).

Atribuições de um Técnico da CGU

As atribuições de um Técnico Federal de Finanças e Controle são:

  • Propor e monitorar a adoção de medidas para a correção e a prevenção de falhas e omissões nos órgãos e entidades supervisionados;
  • Executar atividades de recepção, triagem, análise e instrução de manifestações de ouvidoria;
  • Compor equipes para a realização de atividades de auditoria interna governamental e de apuração;
  • Compor equipes para a realização de inspeções;
  • Participar de ações de supervisão e de orientação dos órgãos e entidades nas atividades de gestão de riscos, auditoria interna governamental, controles internos, prevenção da corrupção, governança, integridade, transparência e acesso à informação, ouvidoria e correição;
  • Executar atividades relacionadas ao controle da qualidade dos dados e à segurança das informações que suportam as atividades da CGU;
  • Monitorar os gastos públicos utilizando técnicas e ferramentas de análise aplicadas às bases de dados governamentais;
  • Elaborar relatórios de auditoria;
  • Analisar a legalidade dos atos de admissão, aposentadorias e pensões;
  • Executar atividades inerentes à avaliação de programas de integridade no âmbito dos acordos de leniência firmados pela CGU;
  • Realizar atividades inerentes à elaboração da Prestação de Contas do Presidente da República e do Relatório de Gestão Fiscal;
  • Executar atividades relacionadas aos processos de novação de dívida;
  • Realizar atividades inerentes à avaliação de desempenho e à supervisão das unidades de auditoria interna, de ouvidoria e de correição dos órgãos e entidades do Poder Executivo federal;
  • Compor comissões de negociação de acordos de leniência;
  • Compor equipes para a realização de ações investigativas;
  • Por fim, executar outras atividades de competência da CGU, determinadas pela chefia imediata.

Saiba mais sobre o Concurso CGU: Edital é publicado com 375 vagas!
Acompanhe nossas

redes sociais