Concurso CGU: 375 vagas para Auditor e Técnico | Nova Concursos

Concurso CGU: 375 vagas para Auditor e Técnico!

Novo concurso CGU - Controladoria Geral da União é autorizado! A seleção ofertará  375 vagas solicitadas pela Controladoria-Geral da União, sendo para Técnicos e Auditores, de níveis médio e superior. A Controladoria-Geral da União tem um prazo legal de seis meses para publicar seu edital de concurso . Porém, as expectativas são que is...

Status do concurso: Previsto

Novo concurso CGU – Controladoria Geral da União é autorizado! A seleção ofertará  375 vagas solicitadas pela Controladoria-Geral da União, sendo para Técnicos e Auditores, de níveis médio e superior.

A Controladoria-Geral da União tem um prazo legal de seis meses para publicar seu edital de concurso . Porém, as expectativas são que isso aconteça antes do prazo estipulado.

Concurso CGU: situação atual

Foi publicado no Diário Oficial da União, da última terça-feira, 27, o aval para a realização do concurso CGU com 375 vagas. Do total, 300 vagas serão para o cargo de Auditor Federal de Finanças e Controle e as 75 para Técnico Federal de Finanças e Controle.

O documento foi assinado por Caio Mario Paes de Andrade, o atual secretário especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital do Ministério da Economia.

Sendo assim, a Controladoria-Geral da União tem um prazo legal de seis meses para publicar seu edital de concurso  . Porém, as expectativas são que isso aconteça antes do prazo estipulado.

Isso porque a CGU demonstrou que deseja realizar a seleção de forma rápida para contratar novos servidores.

Além disso, o ministro da CGU Wagner Rosário realizou reuniões com Paulo Guedes para agilizar o processo de autorização.

No prazo legal, o edital pode sair até 27 de janeiro de 2022. No entanto, grandes são as possibilidades de que o edital  saia ainda este ano para que o órgão nomeie em 2022.

Cargos vagos na CGU

Através do Portal Brasileiro de Dados Abertos, o déficit no órgão atualmente, é de 3.146 cargos vagos. Isso apenas nos dois cargos principais, de Auditor e Técnico. Se formos contabilizar também os cargos administrativos, esse número alcança os 3.193.

Concurso CGU: carreira

Remunerações e benefícios

Atualmente, os servidores da CGU recebem a remuneração bruta inicial que vai de R$ 7.283,21 até R$ 19.197,06.

  • Auditor
    • Remuneração Bruta: R$ 19.197,06
    • Imposto de Renda: – R$ 3.855,47
    • Previdência: – R$ 713,09
    • Remuneração pós descontos: R$ 14.628,50
    • Auxílio alimentação: + R$ 458

Ou seja, somando o auxílio-alimentação (verba indenizatória) e a remuneração líquida, o servidor receberá R$ 15.086,50.

  • Técnico
    • Remuneração bruta: R$ 11.579,92
    • Imposto de Renda: – R$ 1.784,97
    • Previdência: – R$ 713,09
    • Remuneração após deduções: R$ 9.081,86
    • Verbas indenizatórias: + R$ 1.203,58

 

Somando o valor líquido e a verba indenizatório, o servidor recebe R$ 10.285,44. Lembrando que o cargo de Técnico é de nível médio.

Além disso, conforme concursos anteriores, alguns benefícios podem ser incluídos aos servidores. Como por exemplo:

  • Auxílio-alimentação de R$ 458,00;
  • Adicional de qualificação;
  • Adicional de cursos de capacitação;
  • Auxílio-creche aos profissionais com filhos.

Requisitos

  • Auditor Federal de Finanças e Controle (AFFC): Diploma ou certificado, devidamente registrado, de curso de ensino superior em qualquer área de formação, inclusive licenciatura plena, reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC);
  • Técnico Federal de Finanças e Controle (TFFC): Certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de ensino médio ou de curso técnico equivalente, expedido por Instituição de Ensino reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).

Atribuições

Auditor Federal de Finanças e Controle (AFFC)

  • no âmbito do Sistema de Controle Interno do Poder Executivo Federal, das atividades de avaliação do cumprimento das metas previstas no plano plurianual, da execução dos programas de governo e dos orçamentos da União, da análise da qualidade do gasto público e da avaliação da gestão dos administradores públicos federais, utilizando como instrumentos a auditoria e a fiscalização;
  • no âmbito do órgão central do Sistema de Contabilidade Federal, das atividades de registro, tratamento, controle e acompanhamento das operações patrimoniais e contábeis relativas à administração orçamentária, financeira e patrimonial da União, com vistas à elaboração de demonstrações contábeis do setor público nacional;
  • no âmbito do órgão central do Sistema de Administração Financeira Federal, das atividades de programação financeira da União, da administração de direitos e haveres, de garantias e de obrigações de responsabilidade do Tesouro Nacional, da orientação técnico-normativa referente à execução orçamentária e financeira e do monitoramento das finanças dos entes federativos;
  • no âmbito do órgão central do Sistema de Correição do Poder Executivo Federal, das atividades relacionadas à prevenção e à apuração de irregularidades na esfera do Poder Executivo federal;
  • das atividades de gestão das dívidas públicas mobiliária e contratual, interna e externa, de responsabilidade direta ou indireta do Tesouro Nacional;
  • das atividades relacionadas à análise e à disseminação de estatísticas fiscais, da gestão do patrimônio de fundos e programas sociais e das diretrizes de política fiscal do governo federal;
  • das atividades de monitoramento das finanças dos entes federativos, do controle das transferências financeiras constitucionais e da consolidação das contas dos entes da Federação.

Técnico Federal de Finanças e Controle (TFFC)

  • prestar apoio técnico e administrativo, visando ao funcionamento do órgão;
  • registrar, consultar, extrair, organizar e consolidar dados e informações nos sistemas corporativos sob responsabilidade do órgão;
  • auxiliar a execução de atividades de auditoria, de fiscalização, de correição, de ouvidoria, de transparência pública, de administração financeira, orçamentária, patrimonial e contábil e de elaboração da programação financeira;
  • subsidiar a formulação de diretrizes da administração financeira, orçamentária, patrimonial, contábil, de correição e de auditoria;
  • participar das etapas de coleta e de tratamento primário dos elementos necessários à execução, ao acompanhamento e ao processamento de dados referentes aos trabalhos contábeis, de auditoria, de programação orçamentário-financeira e de correição do setor público.

Último concurso CGU para Analista

O último concurso CGU foi realizado em 2021 e contou com a organização da ESAF. A seleção ofertou 250 vagas para os cargos de Analista de Finanças e Controle, divididas em oito especialidades.

Vagas e especialidades:

  • Administrativa – 18 vagas
  • Correição – 12 vagas
  • Comunicação Social – 04 vagas
  • Auditoria e Fiscalização (Infraestrutura) – 22 vagas
  • Auditoria e Fiscalização (Geral) – 118 vagas
  • TI. – Sistemas – 32 vagas
  • T.I. – Infraestrutura – 14 vagas
  • Prevenção e Ouvidoria – 30 vagas

Lotações:

  • Distrito Federal
  • Acre
  • Amapá
  • Amazonas
  • Pará
  • Rondônia
  • Roraima

Provas e disciplinas

No total, foram aplicadas três provas: prova objetiva de conhecimentos básicos, prova objetiva de conhecimentos específicos comum a todas as áreas e prova objetiva de conhecimentos especializados para cada área/campo de atuação na CGU.

Todas as áreas

  • Conhecimentos Básicos – Comum a todas as áreas P1
    • 20 questões – Língua Portuguesa
    • 05 questões – Administração Pública
    • 05 questões – Língua Inglesa ou Espanhola
    • 05 questões – Raciocínio Lógico, quantitativo e analítico
  • Conhecimentos Específicos – Comum a todas as áreas P2
    • 10 questões – Direito Constitucional
    • 10 questões – Direito Administrativo
    • 10 questões – AFO

Auditoria e Fiscalização

  • Conhecimentos especializados (Auditoria e Fiscalização – geral)
    • 05 questões – Contabilidade Pública
    • 10 questões – Políticas Públicas
    • 10 questões – Auditoria em TI
    • 10 questões – Conhecimento de banco de dados
    • 35 questões – Técnicas de Controle
  • Conhecimentos especializados (Auditoria e Fiscalização – Infraestrutura)
    • 15 questões – Obras – Planejamento, Normas, Fiscalização e Legislação
    • 15 questões – Obras de Edificações Especiais
    • 15 questões – Obras Rodoviárias
    • 15 questões – Obras Hídricas

Administração

  • Conhecimentos especializados (Administrativa)
    • 10 questões – Administração Estratégica
    • 05 questões – Contabilidade Pública
    • 25 questões – Licitações, Contratos e Convênios
    • 20 questões – Regime Jurídico dos Servidores da União

Prevenção da Corrupção e Ouvidoria

  • Conhecimentos especializados (Prevenção da Corrupção e Ouvidoria)
    • 18 questões – Ciência Política e Gestão Pública
    • 12 questões – Relações Internacionais
    • 18 questões – Direitos Humanos e Cidadania
    • 12 questões – Responsabilização de Pessoas Jurídicas pela prática de Atos Ilícitos

Tecnologia da Informação 

  • Conhecimentos especializados (TI / Infraestrutura de TI)
    • 15 questões – Gestão de Tecnologia da Informação
    • 15 questões – Sistemas de Computação
    • 15 questões – Redes de Computadores
    • 15 questões – Segurança da Informação
  • Conhecimentos especializados (TI / Desenvolvimento de Sistemas da Informação)
    • 06 questões – Gestão de Tecnologia da Informação
    • 18 questões – Desenvolvimento de Sistemas
    • 12 questões – Desenvolvimento e Conteúdo WEB
    • 12 questões – Engenharia de Software
    • 12 questões – Administração de Banco de Dados

Correição

  • Conhecimentos especializados (Correição)
    • 12 questões – Direito civil e direito processual civil
    • 06 questões – Direito empresarial
    • 12 questões – Direito penal e direito processual penal
    • 30 questões – Correição no Poder Executivo Federal

Comunicação

  • Conhecimentos especializados (Comunicação)
    • 10 questões – Fundamentos da Comunicação e Legislação Básica
    • 10 questões – Jornalismo
    • 15 questões – Publicidade e Propaganda
    • 15 questões – Mídias eletrônicas e Internet
    • 10 questões – Relações Públicas

Último concurso CGU para Técnico

último concurso CGU para o cargo de Técnico aconteceu em 2008, também sob organização da ESAF. Na ocasião, foram ofertadas 180 vagas entre ampla concorrência e pessoas com deficiência. Foram registrados 38.321 candidatos inscritos, sendo que a lotação com maior procura foi a do Órgão Central/DF, com 28.689 inscrições.

Provas e disciplinas

A avaliação foi feita através de uma única etapa: prova objetiva de conhecimentos gerais e específicos, de caráter eliminatório e classificatório, valendo, no máximo, 150 pontos ponderados.

  • Conhecimentos Gerais e Específicos
    • 25 questões – Língua Portuguesa;
    • 08 questões – Raciocínio Lógico-Quantitativo;
    • 10 questões – Conhecimentos Gerais;
    • 05 questões – Informática;
    • 10 questões – Direito Constitucional;
    • 07 questões – Matemática;
    • 07 questões – Língua Inglesa ou Língua Espanhol;
    • 10 questões – Legislação Aplicada à CGU e Regime Jurídico dos Servidores Públicos.

Histórico de Notícias

05/08/2021

Concurso CGU: Preparativos para novo edital são iniciados!

Os preparativos para o novo edital do concurso CGU já foram iniciados! Edital ainda não possui data de divulgação. Saiba mais!

Continuar lendo
03/08/2021

Concurso CGU: Como foi a última seleção?

Com autorização para preenchimento de 375 vagas de Auditores e Técnicos em um novo concurso CGU, saiba detalhes do último certame e inicie sua preparação!

Continuar lendo
02/08/2021

Concurso CGU: Qual foi a nota de corte do último certame!

O concurso CGU está autorizado e segue previsto para 2022! Serão 375 vagas para Técnicos e Auditores. Saiba qual foi a nota de corte do último concurso!

Continuar lendo
27/07/2021

Concurso CGU: 375 vagas autorizadas para níveis médio e superior!

O novo concurso CGU está autorizado. A seleção ofertará 375 vagas, sendo para Técnicos e Auditores, de níveis médio e superior. Saiba mais!

Continuar lendo
05/07/2021

Concurso CGU: 2022 teremos concurso, confirma controlador-geral da União!

Atenção concurseiros. O ministro Wagner Rosário confirmou que haverá um concurso CGU em 2022 para tentar recuperar servidores. Confira!

Continuar lendo
16/06/2021

Concurso CGU: Trâmites para novo edital estão avançando!

O concurso CGU tem novidades, os trâmites para sua liberação estão avançando. Confira mais informações sobre o edital do concurso público.

Continuar lendo
25/05/2021

Concurso CGU: Edital com 375 vagas é anunciado para 2022!

O novo concurso CGU foi confirmado para o ano de 2022, veja mais informações sobre o último concurso, cargos oferecidos e salários das carreiras.

Continuar lendo
28/01/2016

CGU deve receber autorização de concurso em breve

Continuar lendo
Acompanhe nossas

redes sociais