TSE Unificado: Quantas vagas serão ofertadas? Confira a distribuição por especialidade!

Iago Almeida

icone calendario 23 abr 2024

O aguardado concurso TSE Unificado deve ter o edital publicado em breve, após reestruturação de cargos. E o número de vagas diminuiu!

Aliás, o Tribunal Superior Eleitoral trabalha para divulgar seu novo edital e deve fazer isso ainda no primeiro semestre de 2024. Mas, ele pode atrasar; saiba tudo nesta matéria!

Quais são as vagas que serão ofertadas no TSE Unificado?

O Tribunal Superior Eleitoral tinha solicitado que os Tribunais Regionais Eleitorais (TRE’s) encaminhassem o número de vagas atualizado a ser ofertado no edital.

Esse encaminhamento teria que ter sido feito até dia 15 de abril e apenas 9 responderam no prazo. Mas, ainda não se sabe se os outros encaminharam com atraso.

Além disso, cada tribunal fez uma solicitação de vagas a ser disponibilizada no concurso unificado. Mas, o número final depende de uma decisão do TSE.

Até o momento, a previsão é que sejam ofertadas 312 vagas imediatas e mais oportunidades para formação de um cadastro reserva, para os cargos de Técnico e Analista, ambos de nível superior.

Destacamos que o quantitativo citado é inferior ao total inicialmente anunciado, que era de 520 oportunidades. Além disso, 485 provimentos podem ser realizados este ano, sendo 147 para Analista e 311 para Técnico.

TRE MA

Assim, o Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão solicitou o preenchimento de 16 vagas imediatas, mais cadastro de reserva. Confira as especialidades:

  • Técnico Judiciário – área Administrativa: 2 vagas;
  • Técnico Judiciário – área Apoio Especializado/ Programação de Sistemas: 7 vagas;
  • Analista Judiciário – área Judiciária: 2 vagas;
  • Analista Judiciário – área – Administrativa: cadastro de reserva;
  • Analista Judiciário – área – Administrativa/ Contabilidade: cadastro de reserva;
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado/ Arquivologia: 1 vaga;
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado/ Engenharia Civil: 1 vaga;
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado/ Engenharia Elétrica: 1 vaga;
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado/ Engenharia Mecânica: 1 vaga;
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado/ Análise de Sistemas (Tecnologia da Informação): 1 vaga.

TRE RR

Enquanto isso, o TRE de Roraima pediu a oferta de 6 vagas imediatas, além do cadastro de reserva, com os seguintes cargos:

  • Técnico Judiciário – área Administrativa: 2 vagas;
  • Técnico Judiciário – área Administrativa/Policial Judicial: cadastro de reserva;
  • Técnico Judiciário – área Apoio Especializado/ Programação de Sistemas: 2 vagas;
  • Analista Judiciário – área Judiciária: cadastro de reserva;
  • Analista Judiciário – área – Administrativa: cadastro de reserva;
  • Analista Judiciário – área – Administrativa/ Contabilidade: 1 vaga;
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado/ Medicina Clínica Médica: cadastro de reserva;
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado/ Engenharia Civil: cadastro de reserva;
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado/ Análise de Sistemas (Tecnologia da Informação): 1 vaga.

TRE AC

Ademais, o Tribunal Regional Eleitoral do Acre solicitou o provimento de 9 vagas imediatas, sem CR, para as carreiras de:

  • Técnico Judiciário – área Apoio Especializado/ Programação de Sistemas: 3 vagas;
  • Analista Judiciário – área judiciária: 3 vagas;
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado; Tecnologia da Informação: 1 vaga;
  • Analista Judiciário- área Apoio Especializado: Arquivologia: 1 vaga;
  • Analista Judiciário – área – Administrativa/ Contabilidade: 1 vaga.

TRE PR

Enquanto isso, para o concurso da Justiça Eleitoral, o Tribunal Regional Eleitoral do Paraná pediu 8 vagas imediatas e mais cadastro reserva, para os cargos de:

  • Analista Judiciário – área judiciária: cadastro de reserva;
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado/ Análise de Sistemas (Tecnologia da Informação): cadastro de reserva;
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado/ Medicina: 2 vagas;
  • Técnico Judiciário – área Administrativa: 4 vagas;
  • Técnico Judiciário – área Apoio Especializado/ Programação de Sistemas: 2 vagas.

TRE SP

Ademais, no caso do TRE SP, a secretária de Gestão de Pessoas do órgão, Paula Batista, disse que devem ser ofertadas 116 vagas no total (não foi revelado o número por especialidade), veja:

  • Técnico Judiciário – área Administrativa;
  • Técnico Judiciário – área Apoio Especializado – Operação de Computador;
  • Técnico Judiciário – área Apoio Especializado – Programação de Sistemas;
  • Analista Judiciário – área Administrativa;
  • Analista Judiciário – área Judiciária;
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado – Análise de Sistemas;
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado – Engenharia;
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado – Serviço Social;
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado – Biblioteconomia;
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado – Medicina;
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado – Psicologia;
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado – Contabilidade; e
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado – Estatística.

TRE RJ

Assim, o Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro, por meio de sua Assessoria de Imprensa, também informou que foram solicitadas 20 vagas imediatas, mais cadastro de reserva. Veja os cargos:

  • Técnico Judiciário – área Administrativa: 9 vagas imediatas + cadastro de reserva;
  • Técnico Judiciário – área Policial Judicial: 2 vagas imediatas + cadastro de reserva; e
  • Técnico Judiciário – área de apoio especializado – Programação de Sistemas: cadastro de reserva.
  • Analista Judiciário – área judiciária: 5 vagas imediatas + cadastro de reserva;
  • Analista Judiciário – área Administrativa: 3 vagas imediatas + cadastro de reserva;
  • Analista Judiciário – área de apoio especializado – Arquitetura: cadastro de reserva;
  • Analista Judiciário – área de apoio especializado – Arquivologia: cadastro de reserva;
  • Analista Judiciário – área de apoio especializado – Biblioteconomia: cadastro de reserva;
  • Analista Judiciário – área de apoio especializado – Enfermagem: cadastro de reserva;
  • Analista Judiciário – área de apoio especializado – Engenharia Civil: 1 vaga + cadastro de reserva;
  • Analista Judiciário – área de apoio especializado – Engenharia Elétrica: cadastro de reserva;
  • Analista Judiciário – área de apoio especializado – Engenharia Mecânica: cadastro de reserva;
  • Analista Judiciário – área de apoio especializado – Estatística: cadastro de reserva;
  • Analista Judiciário – área de apoio especializado – Medicina (Psiquiatria): cadastro de reserva;
  • Analista Judiciário – área de apoio especializado – Medicina do Trabalho: cadastro de reserva;
  • Analista Judiciário – área de apoio especializado – Serviço Social: cadastro de reserva; e
  • Analista Judiciário – área de apoio especializado – Tecnologia da Informação: cadastro de reserva.

TRE ES 

Ainda na região Sudeste, o TRE do Espírito Santo deve ofertar 6 vagas imediatas e mais cadastro reserva, para as especialidades de:

  • Técnico Judiciário – área Administrativa: 1 vaga;
  • Técnico Judiciário – área Administrativa/ Policial Judicial: cadastro de reserva;
  • Técnico Judiciário – área Apoio Especializado/ Programação de Sistemas: cadastro de reserva;
  • Analista Judiciário – área Judiciária: 2 vagas;
  • Analista Judiciário – área – Administrativa/ Contabilidade: 1 vaga;
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado/ Arquivologia: cadastro de reserva
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado/ Biblioteconomia: 1 vaga;
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado/ Engenharia Civil: cadastro de reserva;
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado/ Estatística: cadastro de reserva
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado/ Medicina do trabalho: cadastro de reserva;
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado/ Odontologia: cadastro de reserva;
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado/ Psicologia: cadastro de reserva;
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado/ Serviço Social: cadastro de reserva;
  • Analista Judiciário – área Apoio Especializado/ Tecnologia da Informação: 1 vaga.

TRE AL

Posteriormente, o Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas, entretanto, informou que não há vacâncias em seu quadro de pessoal e apenas ofertará vagas em cadastro reserva!

TRE TO

Assim, o Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins pediu reconsideração para que possa participar do concurso TSE Unificado, após dizer que não queria participar.

Isso porque o TRE TO ainda tem um edital válido até agosto de 2024, o que impediria um novo. Entretanto, o órgão pediu a reconsideração para que possa ofertar vagas no concurso.

Então, o pedido foi feito para o TSE e se aceito, seria oferta de vagas para cadastro reserva para Técnico e Analista, com especialidades da área administrativa, policial, programação de sistemas, judiciária e apoio especializado em Tecnologia da Informação.

Vale destacar, no entanto, que o pedido esteve feito ao TSE no dia 17 de abril, pela secretária de Gestão de Pessoas do TRE TO, Kathiene Pimentel.

Reestruturação da carreira e troca de presidência podem atrasar o edital TSE Unificado?

Sim, podem! Aliás, já está atrasada a publicação do edital. Isso porque a previsão era ser publicado ainda no primeiro semestre de 2024, mas isso pode não acontecer.

Assim, um dos motivos é que a liberação do edital deve acontecer após a reestruturação de duas carreiras. A previsão era de votação dia 9 de abril, o que não aconteceu.

Ademais, o presidente do TSE, ministro Alexandre de Moraes, adiou a votação. De acordo com a pauta, as duas carreiras que devem contar com mudanças são as seguintes:

  • técnico judiciário – área apoio especializado – especialidade operação de computadores, que passará a ser técnico judiciário – especialidade operação de computadores – especialidade operação de sistemas
  • analista judiciário – área apoio especializado – especialidade análise de sistemas, que passará a ser analista judiciário – área apoio especializado – especialista de tecnologia da informação.

Aliás, o segundo motivo do atraso é que o mandato do atual presidente, Ministro Alexandre de Moraes, vence em 3 de junho.

Sendo assim, edital deverá sair apenas no segundo semestre, após a posse do novo presidente. Cármen Lúcia passará a ser a presidente e a vaga em aberto será ocupada pelo ministro André Mendonça.

Publicação do edital TSE Unificado vai atrasar ainda mais? Entenda !

Cebraspe é a banca

Consta no Portal Nacional de Contratações Públicas o contrato que informa a contratação do Cebraspe como organizadora do concurso. A decisão é do dia 02 de janeiro de 2024.

Quanto ganham os contratados no TSE Unificado?

Quanto aos salários, com o reajuste sancionado pelo presidente Lula, os servidores receberão parcelas sucessivas e acumulativas.

Sendo assim, será 6% a partir de 1º de fevereiro de 2023, 6% a partir de 1º de fevereiro de 2024 e 6,13% a partir de 1º de fevereiro de 2025. Dessa forma:

  • Técnico Judiciário
    • Fevereiro
      • 2024
        • Inicial: R$ 8.529,67
        • Final: R$ 12.807,24
      • 2025: R$ 10.372,70
        • Inicial: R$ 9.052,54
        • Final: R$ 13.592,33
  • Analista Judiciário
    • Fevereiro
      • 2024:
        • Inicial: R$ 13.994,78
        • Final: R$ 21.013,03
      • 2025:
        • Inicial: R$ 14.852,66
        • Final: R$ 22.301,14

Além do salário, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministro Alexandre de Moraes, assinou, Portaria nº 42 que estabelece o reajuste do auxilio-alimentação e auxílio pré-escolar para as carreiras de Técnico e Analista.

TSE Unificado reajusta benefícios   para os servidores. Confira os valores!

O que estudar para o concurso TSE Unificado?

Além disso, os inscritos passarão por Prova Objetiva; Prova Discursiva; Exame De Aptidão Física (somente Agente de Polícia Judicial); Avaliação De Títulos; Avaliação Biopsicossocial e Procedimento De Heteroidentificação.

Ademais, as provas objetivas e discursivas para Técnico Judiciário e Analista Judiciário ocorrerão em turnos distintos, simultaneamente, nas capitais, sedes dos tribunais.

Assim, a prova objetiva será composta de questões de julgamento do tipo “certo” ou “errado”, onde cada erro cometido anula um acerto.

Ou seja, caso o candidato acerte 75 questões e erre 75 questões em uma prova com 150 questões, sua pontuação será 0.

Assim, essa etapa será avaliada em escala de 0 a 10 pontos, sendo considerado aprovado o candidato que atender os critérios que serão mencionados no edital de abertura.

Confira o projeto básico , na íntegra!

Estude para o concurso dos seus sonhos com o Método que já ajudou na aprovação de mais de 70 mil alunosClique aqui   e saiba mais!

Seja o próximo aluno aprovado!

Portanto, se você se interessa em uma vaga nesse concurso, não perca tempo! Confira nossos materiais   e faça parte dos mais de 70 mil aprovados Nova!

Então, estamos antenados em torno das atualizações do edital e todas as novas informações serão divulgados no nosso blog, então, continue nos acompanhando para não perder nenhuma novidade! 😉

Tira suas dúvidas sobre o TSE Unificado 2024!

Conheça outros concursos que estão abertos no Brasil ➡️ Concursos Abertos: Mais de 55 mil vagas!

Saiba mais sobre o Concurso TSE Unificado: Vagas confirmadas. Edital em breve!

Materiais Relacionados

Notícias relacionadas

Acompanhe nossas

redes sociais