Concurso Cremese: Provas para nível médio em junho | Nova Concursos

Concurso Cremese: Provas para nível médio em junho!

Atenção candidatos ao concurso Cremese, as inscrições estão encerradas! A seleção conta com a oferta de 20 vagas para o cargo de Auxiliar Administrativo e 20 vagas para o cargo de Médico Fiscal. O concurso fica sob a organização do Instituto Quadrix. Os aprovados no concurso serão lotados em Aracaju/SE. As provas objetiva e discursi...

Status do concurso: Encerrado

Materiais disponíveis

Cursos CREMESE-SE - Conselho Regional de Medicina do Estado do Sergipe

Atenção candidatos ao concurso Cremese, as inscrições estão encerradas! A seleção conta com a oferta de 20 vagas para o cargo de Auxiliar Administrativo e 20 vagas para o cargo de Médico Fiscal.

O concurso fica sob a organização do Instituto Quadrix. Os aprovados no concurso serão lotados em Aracaju/SE.

As provas objetiva e discursiva serão aplicadas na data provável de 13 de junho de 2021, no turno da tarde.

Concurso Cremese: carreiras

Cargos e vagas

A distribuição das vagas será da seguinte maneira:

Remuneração e Benefícios

Além disso, o Cremese oferecerá aos candidatos admitidos por meio deste Concurso Público, desde que preenchidos os requisitos legais, os seguintes benefícios:

a) Vale alimentação no valor de R$ 850,00 (oitocentos e cinquenta reais);
b) Plano de saúde;e
c) Vale transporte, conforme legislação.

Em caso de admissão, os candidatos contratados receberão, além da remuneração base, os benefícios que estiverem em vigor na época da admissão ou readmissão, desde que preenchidos os requisitos legais e as regras estabelecidas em Normas Internas.

Como serão as provas do concurso Cremese?

Os candidatos do concurso Cremese serão avaliados em até duas etapas:

  • Provas objetivas, de caráter eliminatório e classificatório, para todos os cargos; e
  • Prova discursiva, de caráter classificatório, para o cargo de nível superior.

 

Prova Objetiva

A prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, será composta de 120 (cento e vinte) itens, valerá 120,00 pontos e avaliará as habilidades e os conhecimentos do candidato. Este exame será aplicado para os dois cargos.

  • Conhecimentos Básicos – 40 pontos
  • Conhecimentos Complementares – 20 pontos
  • Conhecimentos Específicos – 60 pontos

Conhecimentos Básicos

  • Língua Portuguesa
  • Noções de Informática
  • Raciocínio Lógico e Matemático

Conhecimentos Complementares

Auxiliar Administrativo:

Noções de Administração Pública: 1 Princípios fundamentais que regem a Administração Federal: enumeração e descrição. 2 Administração Federal: administração direta e indireta, estruturação, características e descrição dos órgãos e entidades públicos. 3 Os Ministérios e respectivas áreas de competência. 4 Os poderes e deveres do administrador público. Noções de Arquivologia: 1 Conceitos fundamentais de arquivologia. 2 Gerenciamento da informação e a gestão de documentos. 2.1 Diagnósticos. 2.2 Arquivos correntes e intermediário. 2.3 Protocolos. 2.4 Avaliação de documentos. 2.5 Arquivos permanentes. 3 Tipologias documentais e suportes físicos. 3.1 Microfilmagem. 3.2 Automação. 3.3 Preservação, conservação e restauração de documentos. Organização: 1 Conceito e tipos de estrutura organizacional. 2 Relações humanas, desempenho profissional, desenvolvimento de equipes de trabalho. 3 Noções de cidadania e relações públicas. 4 Comunicação. 5 Redação oficial de documentos oficiais. Protocolo: recepção, classificação, registro e distribuição de documentos. Expedição de correspondência: registro e encaminhamento. 6 Qualidade no atendimento ao público: Postura profissional e relações interpessoais. Conhecimento de operações de teleatendimento; metodologia e procedimentos específicos para teleatendimento receptivo e ativo. 7 Qualidade no atendimento: técnicas de atendimento ao público e técnica de atendimento ao telefone.

Médico Fiscal: 

Exercício legal e ilegal da Medicina. Condições compatíveis com o exercício do ato médico. Ato médico e atendimento médico compartilhado. Os programas de Saúde. O Sistema Único de Saúde, Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA). Modelos públicos e privados de saúde. O médico e o Código do Consumidor. O médico e o novo Código Civil. A Lei dos Transplantes. Princípios Constitucionais de Saúde. Delitos contra a saúde pública. Greve médica. Direitos e deveres do paciente. Direitos e deveres do médico. Papel do Estado na saúde pública. Administração Pública; Autarquias. Fiscalização dos Estabelecimentos de Saúde, Sindicâncias, Processo Ético-Disciplinar. Organização dos Serviços de Saúde no Brasil; Sistema único de Saúde-Princípios e Diretrizes, Controle Social; Indicadores de Saúde; Sistema de Notificação e de Vigilância Epidemiológica e Sanitária; Endemias/epidemias; Situação atual, medidas de controle e tratamento; Planejamento de programação local de saúde. Distritos Sanitários e enfoque estratégico. Noções de biossegurança. Organização e gerenciamento de reuniões. Gerenciamento e liderança de equipes. Atendimento ao público. Noções de Administração Pública. Gestão da qualidade: análise de melhoria de processos. Controle de processos. Procedimentos fiscais administrativos. Parecer técnico. Atendimento ao público. Administração de tempo. Planejamento de atividades.

Conhecimentos Específicos

Auxiliar Administrativo: 

Noções de Administração Pública: 1 Lei nº 8.429/1992 e suas alterações. 2 Lei nº 9.784/1999 e suas alterações (Processo administrativo). 3 Acesso à Informação: Lei nº12.527/2011; Decreto nº 7.724/2012. 4 Licitações: conceito, objeto, finalidades e princípios, obrigatoriedade, dispensa, inexigibilidade, vedação, modalidades, procedimentos e fases, revogação, invalidação, desistência e controle. 5 Instrução Normativa nº73, de 5 de agosto de 2020. 6 Regimento Interno -CFM/CREMESE. 7 Código de Ética Médica –aprovado pela Resolução CFM nº 2.217/2018, modificado pelas Resoluções CFM nº 2.222/2018 e 2.226/2019. 8 Código de Processo Ético-Profissional –aprovado pela Resolução CFM nº 2.145/2016 e alterações. 9 Resolução CFM nº 1.980/2011, que fixa regras para cadastro, registro, responsabilidade técnica e cancelamento para as pessoas jurídicas e dá outras providências. 10 Resolução CFM nº 2.147/2016, que estabelece normas sobre a responsabilidade, atribuições e direitos de diretores técnicos, diretores clínicos e chefias de serviço em ambientes médicos. 11 Resolução CFM nº 1974/2011 e alterações, estabelece os critérios norteadores da propaganda em Medicina. 12 Lei Federal nº3.268/1957, que dispõe sobre os Conselhos de Medicina e dá outras providências, e alterações. 13 Lei Federal nº 6.839/1980, que dispõe sobre o Registro de Empresas nas Entidades Fiscalizadoras do Exercício Profissional. 14 Decreto Federal nº 44.045/1958, que aprova o Regulamento do Conselho Federal e Conselhos Regionais de Medicina a que se refere a Lei nº 3.268/1957.

Médico Fiscal: 

1 Lei nº 8.429/1992 e suas alterações. 2 Lei nº 9.784/1999 e suas alterações (Processo administrativo). 3 Acesso à Informação: Lei nº 12.527/2011; Decreto nº 7.724/2012. 4 Regimento Interno -CFM/CREMESE. 5 Código de Ética Médica –aprovado pela Resolução CFM nº 2.217/2018, modificado pelas Resoluções CFM nº 2.222/2018 e 2.226/2019. 6 Código de Processo Ético-Profissional –aprovado pela Resolução CFM nº 2.145/2016 e alterações. 7 Resolução CFM nº 1.980/2011, que fixa regras para cadastro, registro, responsabilidade técnica e cancelamento para as pessoas jurídicas e dá outras providências. 8 Resolução CFM nº 2.147/2016, que estabelece normas sobre a responsabilidade, atribuições e direitos de diretores técnicos, diretores clínicos e chefias de serviço em ambientes médicos. 9 Resolução CFM nº 1974/2011 e alterações, estabelece os critérios norteadores da propaganda em Medicina. 10 Resoluções CFM nº 2056/2013, disciplina os departamentos de Fiscalização nos Conselhos Regionais de Medicina. 11 Resoluções CFM nº 2056/2013 e suas alterações -manual de fiscalização e roteiros de vistoria. 12 Resoluções CFM nº 2062/2013 e suas alterações, dispõe sobre a interdição ética, total ou parcial, do exercício ético-profissional do trabalho dos médicos. 13 Resoluções CFM nº 2077/2014, dispõe sobre a normatização do funcionamento dos Serviços Hospitalares de Urgência e Emergência. 14 Resoluções CFM nº 2079/2014, dispõe sobre a normatização do funcionamento das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) 24h e congêneres. 15 Lei Federal nº 3.268/1957, que dispõe sobre os Conselhos de Medicina e dá outras providências, e alterações. 16 Lei Federal nº 6.839/1980, que dispõe sobre o Registro de Empresas nas Entidades Fiscalizadoras do Exercício Profissional. 17 Decreto Federal nº 44.045/1958, que aprova o Regulamento do Conselho Federal e Conselhos Regionais de Medicina a que se refere a Lei nº 3.268/1957.

Prova Discursiva

A prova discursiva, de caráter eliminatório e classificatório, será aplicada para o cargo de nível superior no mesmo dia e dentro dos prazos de duração previstos para a realização da prova objetiva e valerá 10,00 pontos. O exame consistirá em redação de texto dissertativo, de até 30 linhas, acerca de tema baseado nos conhecimentos específicos do respectivo cargo, conforme os conteúdos programáticos.

Acompanhe nossas

redes sociais