Concurso Funarte: Edital é solicitado com 138 vagas para cargos de níveis médio e superior!

Foi enviado ao Governo Federal, o pedido de concurso Funarte (Fundação Nacional de Artes) para preencher 138 vagas em cargos de níveis médio e superior. O nível médio contará com 86 vagas, já para o nível superior terá o quantitativo de 48 vagas. Os salários iniciais irão variar R$ 3,8 mil para carreiras do nível médio, e de R$ 5,4 mil...

Status do concurso: Previsto

e-Book Grátis para Você!

Guia Plano de Estudos Passo a Passo. Receba Agora!

Foi enviado ao Governo Federal, o pedido de concurso Funarte (Fundação Nacional de Artes) para preencher 138 vagas em cargos de níveis médio e superior.

O nível médio contará com 86 vagas, já para o nível superior terá o quantitativo de 48 vagas. Os salários iniciais irão variar R$ 3,8 mil para carreiras do nível médio, e de R$ 5,4 mil para as funções de nível superior!

Solicitação do concurso Funarte

A Fundação Nacional de Artes, autarquia vinculada ao Ministério do Turismo, protocolou um novo pedido de concurso Funarte para ofertar 138 vagas. A solicitação foi levada ao MTur e este, por sua vez, é responsável por apresentar a demanda ao Ministério da Economia.

Somente havendo o aval da Pasta, o edital poderá ser publicado, no ano de 2021. As vagas solicitadas são para cargos de níveis médio e superior de escolaridade.

A Funarte, assim como todos os demais órgãos vinculados ao Poder Executivo Federal, encaminha suas demandas para provimento de vagas ao Governo todos os anos. Mas, a autorização ou não desses pedidos é a critério do Ministério da Economia.

Vale ressaltar, que a política do governo atual tem priorizado a autorização de seleções que visam o preenchimento de vagas em áreas consideradas essenciais ou com mais urgência. Portanto, alguns órgãos têm mais chances de terem o aval concedido em relação a outros.

No caso da Fundação Nacional de Artes, o último certame foi realizado no ano de 2014 e teve prazo de validade encerrado em 2018. Desde então, todos os anos o órgão tem renovado seus pedidos para preencher mais vagas.

Vagas solicitadas no concurso Funarte

Segundo informações do órgão, o pedido para provimento de 138 vagas, após sair da Fundação, ainda precisaria passar pela Coordenação de Gestão de Pessoas do MTur. De lá, a solicitação é encaminhada para o Ministério da Economia.

As oportunidades solicitadas foram distribuídas entre diversos cargos, sendo 86 vagas para o nível médio e 48 vagas para o nível superior, da seguinte maneira:

Nível Médio (86 vagas)

– Assistente Administrativo: 47 vagas;

– Assistente Técnico I: 13 vagas;

– Serviços Auxiliares: 4 vagas;

– Assistente Administrativo II: 5 vagas;

– Assistente Administrativo III: 4 vagas;

– Assistente Administrativo IV: 3 vagas;

– Assistente Técnico II: 2 vagas;

– Assistente Técnico III: 5 vagas;

– Assistente Técnico IV: 3 vagas.

Nível Superior (48 vagas)

– Administração e Planejamento: 9 vagas;

– Arquivista: 1 vaga;

– Documentação: 7 vagas;

– Museólogo: 1 vaga;

– Profissional Técnico Superior I: 13 vagas;

– Profissional Técnico Superior II: 6 vagas;

– Profissional Técnico Superior III: 3 vagas;

– Profissional Técnico Superior IV: 2 vagas;

– Técnico em Comunicação: 2 vagas;

– Técnico em Comunicação Social: 1 vaga;

– Técnico em Assuntos Educacionais: 1 vaga;

– Administrador I: 1 vaga;

– Médico: 1 vaga.

O salário inicial da Funarte para os cargos de nível médio tem o valor de R$ 3.877,97, enquanto que para as carreiras de nível superior é de R$ 5.493,29. Os valores já incluem o benefício de auxílio-alimentação de R$ 458,00, os vencimentos básicos e gratificações de desempenho.

Sobre a Funarte

Em seu início, em 1975, a Funarte englobava apenas música – popular e erudita – e artes plásticas e visuais. Convivia com a Fundação Nacional de Artes Cênicas (Fundacen), o Instituto Nacional de Folclore (INF) e a Fundação do Cinema Brasileiro (FCB), todas ligadas ao Ministério da Educação e Cultura, posteriormente ao Ministério da Cultura. A Funarte foi instituída pela Lei Nº 6.312 de 1975, que estabelece sua missão.

Em março de 1990, o Governo Federal extinguiu todas as instituições culturais. Em dezembro daquele ano, foi criado o Instituto Brasileiro de Arte e Cultura (IBAC) – ligado diretamente à Secretaria de Cultura da Presidência da República (que depois voltou a ser novamente Ministério). O Instituto englobava a Funarte, a Fundacen, e a FCB. Em 1994, a sigla Funarte substituiu a sigla IBAC, a partir da Medida Provisória nº 752/1994, Art. 6º – confirmada pela Lei nº 9.649/1998 – art. 64.

Missão

Criada em 1975, a Fundação Nacional de Artes – Funarte é o órgão do Governo Federal brasileiro cuja missão é promover e incentivar a produção, a prática, o desenvolvimento e a difusão das artes no país. É responsável pelas políticas públicas federais de estímulo à atividade produtiva artística brasileiras; e atua para que a população possa cada vez mais usufruir das artes.

Atualmente a Funarte, vinculada ao Ministério do Turismo, alcança as áreas de circo, dança e teatro; de música, de concerto, popular e de bandas; e de artes visuais; e também a preservação da memória das artes e a pesquisa na esfera artística. É a única instituição no Estado brasileiro com as atribuições e especialidades necessárias para tratar desses campos de atividade.

O trabalho de mais de 40 anos da Fundação inspirou a criação de dezenas de entidades municipais e estaduais assemelhadas, em todo o território nacional.

Atuação

Para alcançar seus objetivos, a Fundação Nacional de Artes tem atuado continuamente no fomento à produção nessa área; na formação de público; e na capacitação de artistas, técnicos e produtores. Realiza apoio a projetos, em todos os estados brasileiros e no exterior; implementa programas de circulação de eventos, oficinas e consultorias técnicas; mantém espaços culturais (hoje no Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais e Distrito Federal); e edita publicações – algumas delas em versão digital.

Em 2019, após a extinção do Ministério da Cultura, a Funarte foi vinculada ao Ministério da Cidadania e posteriormente ao Ministério do Turismo.

Último concurso Funarte

O último concurso Funarte teve seu edital divulgado no ano de 2014. Na época, foram ofertadas 50 vagas, sendo 22 vagas para o nível médio e 28 vagas para o nível superior.

A banca organizadora responsável pela execução do certame, foi a FGV (Fundação Getúlio Vargas).

As oportunidades foram distribuídas em várias unidades de lotação em São Paulo, Rio de Janeiro, Distrito Federal e Minas Gerais, todas nas capitais. Os cargos abrangeram as áreas de Arte e Cultura, além de Administração, Saúde e Finanças.

Todos os candidatos foram avaliados por meio de prova objetiva. Mas, dependendo do cargo, também foi aplicado uma prova prática. A avaliação objetiva para o nível médio foi composta por 50 questões, sendo 20 questões de Língua Portuguesa, 10 questões de Matemática e 20 questões de Conhecimentos Específicos.

Já para o nível superior, a prova objetiva englobou 70 questões, sendo 30 questões de Língua Portuguesa, 5 questões de Noções de Direito Constitucional, 5 questões de Noções de Administração Pública e do Sistema Federal de Cultura e 30 questões de Conhecimentos Específicos.

O certame foi homologado no mês de julho e, portanto, não tem mais validade. Dessa maneira, a Funarte só poderá contratar novos servidores quando houver autorização para um novo concurso e este for homologado.

Histórico de Notícias

01/06/2020

Concurso Funarte: Órgão envia pedido com 138 vagas para níveis médio e superior!

Foi enviado ao Governo Federal, o pedido de concurso Funarte (Fundação Nacional de Artes) para preencher 138 vagas em cargos de níveis médio e superior.

Continuar lendo
Acompanhe nossas

redes sociais