Logo desconto Relógio
     horas                  minutos               segundos

Concurso Guarda Municipal de Cascavel – PR

Estão abertas as inscrições do concurso Guarda Municipal de Cascavel, no estado do Paraná. As oportunidades deste certame são para candidatos que tenham nível médio completo e desejam compor o quadro de funcionários da Guarda Municipal. Se deseja participar deste concurso acesse o site da banca Objetiva e se inscreva o quanto antes. As...

Status do concurso: Encerrado

Materiais disponíveis

Estão abertas as inscrições do concurso Guarda Municipal de Cascavel, no estado do Paraná. As oportunidades deste certame são para candidatos que tenham nível médio completo e desejam compor o quadro de funcionários da Guarda Municipal.

Se deseja participar deste concurso acesse o site da banca Objetiva e se inscreva o quanto antes. As provas serão aplicadas em maio, portanto você tem tempo hábil para se preparar!

Como fazer a inscrição no concurso?

Para se inscrever acesse o site da organizadora, Objetiva Concursos , entre os dias 23 de março e 08 de abril de 2020.

Lembrando que a taxa de participação no concurso será no valor de R$ 80,00 e o boleto deve ser quitado até o dia 09 de abril.

Quem pode fazer o concurso Guarda de Cascavel?

Podem participar desta seleção todos os candidatos que atendam aos seguintes requisitos mínimos:

  • ensino médio completo;
  • curso básico de formação na área de vigilância/segurança, com carga horária mínima de 160 horas;
  • Carteira Nacional de Habilitação (CNH), categoria AB.

A remuneração inicial será no valor de R$ 1.686,53, mais benefícios como auxílio-alimentação no valor de R$ 250,00 entre outros benefícios/gratificações; e adicional de periculosidade de 30% sobre o salário base.

Como será a prova do concurso Guarda de Cascavel?

Os candidatos serão avaliados em duas fases que correspondem a:

  • 1ª fase: provas objetiva e de aptidão física
  • 2ª fase: exame pré-admissional; investigação social e curso de formação profissional

As provas objetivas serão aplicadas em data a ser definida, sendo compostas por 40 questões de múltipla escolha, com 5 alternativas. Confira as disciplinas:

  • Português – 5 questões
  • Raciocínio Lógico – 5 questões
  • Legislação Geral – 8 questões
  • Noções de Segurança do trabalho – 2 questões
  • Conhecimentos Específicos – 20 questões

O que faz um Guarda Municipal?

É responsabilidade deste profissional:

  • Realizar vistoria e ronda sistemática armada, interna e externa às unidades, prevenindo situações que coloquem em risco a integridade de prédios, de equipamentos e a segurança de servidores e usuários;
  • Executar policiamento ostensivo, preventivo, uniformizado e aparelhado, na proteção à população, bens, serviços e instalações do Município;
  • Zelar pelo armamento, munição, equipamento de radiocomunicação, viaturas e demais utensílios destinados à consecução das suas atividades;
  • Responsabilizar-se pelo armazenamento das armas letais e não letais, bem como das munições, utilizadas pela Guarda Municipal; 5. Colaborar com a pacificação de conflitos, atentando para o respeito aos direitos fundamentais das pessoas;
  • Prevenir, inibir e coibir, pela presença e vigilância, infrações penais ou administrativas e atos infracionais que atentem contra os bens, serviços e instalações públicas e à população;
  • Exercer as competências de trânsito na circunscrição do Município, nos termos do Código Brasileiro de Trânsito, sem prejuízo do exercício concorrente da mesma competência por órgão ou empresa pública municipal criada para esse fim;
  • Analisar documentação do condutor e do veículo, quando necessário;
  • Proceder à revista pessoal quando necessário e principalmente por ocasião de prisão em flagrante delito;
  • Encaminhar ao delegado de polícia, diante de flagrante delito, o autor de infração, preservando o local do crime, quando possível e sempre que necessário;
  • Desenvolver ações de prevenção primária à violência, isoladamente ou em conjunto com os demais órgãos da própria municipalidade, de outros Municípios ou das esferas estadual e federal;
  • Auxiliar na segurança de grandes eventos e na proteção de autoridades e dignatários, realizando escoltas quando couber;
  • Exercer monitoramento, controle e segurança em eventos públicos e demais situações de aglomeração de pessoas;
  • Desempenhar atividades de proteção do patrimônio público municipal no sentido de prevenir a ocorrência interna e externa de qualquer infração penal, inspecionando as dependências dos próprios, fazendo rondas nos períodos diurno e noturno, fiscalizando a entrada e saída, controlando acesso de pessoas, veículos e equipamentos;
  • Zelar pelos bens, equipamentos e prédios públicos do Município;
  • Atuar de forma preventiva e permanente, no território do Município, para a proteção sistêmica da população que utiliza os bens, serviços e instalações municipais;
  • Colaborar, de forma integrada com os órgãos de segurança pública, em ações conjuntas;
  • Proteger o patrimônio ecológico, histórico, cultural, arquitetônico e ambiental do Município;
  • Prestar auxílio nas ações de defesa civil, em situações de calamidade e/ou emergências; 20. Realizar o atendimento de ocorrências emergenciais, de forma direta e imediata;
  • Atuar em ações preventivas na segurança escolar, zelando pelo entorno e participando de ações educativas com o corpo discente e docente das unidades de ensino municipal;
  • Cooperar com outros órgãos de segurança pública nas ações de prevenção à violência conforme preconizado no Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania – PRONASCI;
  • Realizar ações de prevenção do uso de entorpecentes;
  • Proferir palestras de orientação a sociedade;
  • Fazer rondas ostensivas em áreas determinadas e patrulhamento preventivo;
  • Participar das ações de reintegração de posse de bem municipal; 27. Deter menores infratores, encaminhando-os ao Conselho Tutelar
  • Deter elementos suspeitos de uso de tóxicos, tentativa de furto, atos obscenos ou atos de vandalismo, entre outros que atentam contra a segurança pública, encaminhando-os para autoridade competente;
  • Realizar monitoramento pelo circuito fechado de TV, informando aos responsáveis as ocorrências registradas pelas câmeras, em tempo real;
  • Inspecionar mídias de gravação do circuito fechado de TV e trocar mídias quando necessário, conferindo o posicionamento das câmeras;
  • Realizar rondas móveis, conduzindo motos ou veículos, conforme necessidade;
  • Solicitar documento de identificação, conforme normas estabelecidas pela Unidade, para controlar a movimentação de pessoas, veículos e/ou bens materiais, a fim de permitir, restringir ou impedir o acesso às dependências do setor ou unidade, quando couber;
  • Atender ao público e o telefone, prestando informações;
  • Realizar inspeção nas dependências do prédio ou área, e imediações, que estiver sob vigilância, examinando portas, janelas, portões e alarmes;
  • Combater pequenos incêndios e/ou focos de incêndio, comunicando tais ao órgão competente;
  • Comunicar às autoridades competentes sobre tentativa de furto, vandalismo e demais atos delituosos ou que atentem contra a segurança e/ou patrimônio público;
  • Comunicar à chefia imediata qualquer irregularidade ocorrida durante seu plantão, para as devidas providências sejam adotadas em tempo hábil;
  • Manter vigilância sobre acessos e estacionamentos dos prédios ocupados por órgãos ou entidades públicas municipais;
  • Registrar sua passagem pelos postos de controle;
  • Operar equipamento de vigilância eletrônica em geral;
  • Desempenhar outras atividades correlatas.
Acompanhe nossas

redes sociais