Concurso PC AC: Polícia Civil do Estado do Acre!

O governo do Acre formou uma nova comissão organizadora que terá a responsabilidade pelos estudos do concurso PC AC (Polícia Civil do Acre), a publicação do edital se aproxima! » Prepare-se para o concurso PC AC + BÔNUS (GRÁTIS) « Comissão organizadora do concurso PC AC está formada Foi publicado pelo governo do Estado do Acre, a com...

Status do concurso: Previsto

Materiais disponíveis

Última Notícia

Imagem Concurso PC AC: Comissão organizadora está formada, edital próximo!

Concurso PC AC: Comissão organizadora está formada, edital próximo!

O governo do Acre formou nova comissão organizadora que será responsável pelos estudos do concurso PC AC (Polícia Civil do Acre).

Continuar Lendo

Histórico de Notícias

27/03/2017

O que cai na prova: PC AC

Abertas as inscrições para o concurso da PC AC. São 250 vagas de nível superior e salário de até R$ 15 mil. Confira o que estudar para a prova!

Continuar lendo
21/03/2017

Começam hoje as inscrições para concurso PC AC! Salários até R$15 mil

Começam hoje as inscrições do concurso PC AC! Veja aqui mais informações de como participar, além de salários e exigências para os cargos

Continuar lendo
20/03/2017

Concurso PC AC: Saiu edital! Inscrições abertas amanhã (21/03) e iniciais de até R$ 15 mil!

Saiu o edital do concurso público para Polícia Civil do Acre (PC AC). Ao todo são 250 vagas para nível superior. O salário inicial é de até R$ 15 mil!

Continuar lendo
14/03/2017

Concurso PC AC: 228 vagas e edital nos próximos dias!

O concurso PC AC já possui banca organizadora definida, assim como o número de vagas e os cargos. O edital deve publicado nos próximos dias!

Continuar lendo
25/08/2015

Polícia Civil do Acre retifica concurso

O concurso público da Polícia Civil do Acre teve retificação no edital na parte de vagas e conteúdo programático.

Continuar lendo
19/08/2015

O que cai na prova: PC-AC

Continuar lendo
19/08/2015

Polícia Civil do Acre oferece 17 oportunidades para perito

Continuar lendo

O governo do Acre formou uma nova comissão organizadora que terá a responsabilidade pelos estudos do concurso PC AC (Polícia Civil do Acre), a publicação do edital se aproxima!

» Prepare-se para o concurso PC AC + BÔNUS (GRÁTIS) «

Comissão organizadora do concurso PC AC está formada

Foi publicado pelo governo do Estado do Acre, a comissão organizadora que ficará responsável pelos estudos do concurso da Polícia Civil do Acre.

De acordo com informações da PC AL, a equipe foi designada porque a última comissão organizadora foi criada no ano de 2017. Dessa maneira, a atual gestão do estado decidiu formar um novo grupo de trabalho para futuros certames.

A nova equipe da comissão é composta pelos seguintes servidores da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão:

– Cleylton Franklin da Silva Araújo – Presidente;

– Valdemir Sotero da Silva Júnior – Membro;

Nova-PCAC

Já pela Polícia Civil do Acre o grupo será composto pelos seguintes servidores:

– Marcus José da Silva Cabral – Membro;

– Pedro Gustavo Faria Nunes – Membro;

– Jardely Mouta Rocha – Membro;

– Natália da Silva Olímpio – Membro;

– Armando Dantas do Nascimento Júnior – Membro.

Candidatos aprovados convocados no concurso PC AC

No mês de abril deste ano, o governador Gladson Cameli e a secretária de Gestão Administrativa, Maria Alice, definiram o cronograma de convocação e a contratação de 517 candidatos aprovados nos concursos da PC AC e PM AC.

No caso da PC AL, foram convocados os aprovados nos cargos de Auxiliar de Necropsia, Delegado, Escrivão e Peritos Médico. Mediante encargos, férias, prêmio e décimo terceiro, a Secretaria de Gestão tinha a previsão de um impacto financeiro de R$ 2,2 milhões na folha de pagamento.

Somente os 17 peritos empossados no mês de maio representam um acréscimo de R$ 196 mil. O salário de cada perito é composto pelo valor de R$ 11.533,00.

Já nos cargos de Agente de Polícia Civil, Auxiliar de Necropsia e Escrivão os salários durante o Curso de Formação tem o valor de R$ 2.500,00 (meia bolsa) e os ganhos no cargo de Delegado são de R$ 7.689,00 (meia bolsa).

Nova-PCAC

Salários do concurso PC AC

O edital do concurso PC AC de 2017, trouxe consigo os salários atualizados para os cargos de Agente, Escrivão, Perito e Auxiliar de Necropsia. Os valores são compostos pelas remunerações iniciais até o teto final.

Classe l: R$ 5.000,00;

Classe ll: R$ 6.050,00;

Classe lll: R$ 7.100,00;

Classe IV: R$ 8.150,00;

Classe V: R$ 9.200,00.

Requisitos do concurso PC AC

O candidato interessado em concorrer uma das vagas no concurso PC AC, deverá estar atento para os requisitos, sendo necessário ter nível superior em qualquer área, exceto Delegado, em que se exige bacharelado em direito e três anos de atividade jurídica. Além disso, é preciso ter idade entre 18 e 40 anos, não registrar antecedentes criminais, se servidor público, civil ou militar, não registrar punição administrativa nos últimos dois anos, estar em gozo dos direitos políticos, comprovar a escolaridade através de certificado ou diploma e ter Carteira Nacional de Habilitação categoria mínima AB.

Atribuições dos cargos do concurso PC AC

Agente de Polícia Civil

Missão de proceder, mediante determinação da autoridade policial civil, às diligências investigatórias e do serviço policial civil, para o fim precípuo de instruir os procedimentos atinentes à polícia judiciária e de prevenção especializada; II – cumprir mandados judiciais; III – efetuar prisões, conduzir presos e remanejá-los, tanto dentro quanto fora da unidade policial; IV – cumprir a entrega de intimações; V – promover levantamento de criminosos, contraventores e suspeitos; VI – dirigir veículos automotores em diligências e missões pertinentes aos trabalhos policiais; VII – operar equipamentos de comunicação; VIII – registrar ocorrências administrativas e policiais; IX – relatar o andamento e a conclusão do trabalho policial, encaminhando-o ao chefe imediato; X – cuidar da guarda de pertences de custodiados, entregando-os aos mesmos, por determinação da autoridade policial ou de chefia competente; XI – atender ao público com urbanidade, orientando-o quando possível e encaminhando-o para a autoridade policial civil, quando for o caso; XII – coordenar a recepção, não permitindo tumulto, não privilegiando partes, obedecendo a ordem de chegada e a hora marcada; XIII – guardar as unidades institucionais de segurança pública; XIV – custodiar detidos que estejam sob cuidados da Policia Civil; XV – executar outras determinações correlatas, emanadas da autoridade policial ou de chefia competente. XVI – desempenhar atividades cartorárias e as previstas no art. 52, desta lei complementar, na condição de escrivão ad hoc, todas as vezes que requisitado e nomeado pela autoridade policial para esse fim, na falta ou no impedimento do titular.

Nova-PCAC

Auxiliar de Polícia Civil

I – remover e transportar cadáveres do local em que se encontrem até o Instituto Médico – Legal; II – auxiliar o médico nas autópsias e nas exumações; III – auxiliar nas operações e dissecações, recomposições, suturas e pesagem de cadáver, sob orientação direta do médico-legista; IV – cuidar da limpeza e desinfecção dos locais e instrumentos de trabalho; e V – executar outras atividades afins e correlatas.

Delegado

I – dirigir, coordenar, supervisionar e fiscalizar as atividades administrativas e operacionais do órgão ou unidade policial sob sua direção; II – cumprir e fazer cumprir, no âmbito de sua competência, as funções institucionais da Polícia Civil; III – exercer poderes discricionários afetos à Polícia Civil que objetivem proteger os direitos inerentes ao ser humano e resguardar a segurança pública; IV – praticar todos os atos de polícia na esfera de sua competência, visando à diminuição da criminalidade e da violência; V – zelar pelo cumprimento dos princípios e funções institucionais da Polícia Civil; VI – zelar pelos direitos e garantias constitucionais fundamentais; VII – instaurar e presidir inquéritos policiais e outros procedimentos administrativos no âmbito de sua competência, cabendo-lhe, privativamente, o indiciamento decorrente do livre convencimento jurídico penal, fundamentado no relatório conclusivo do inquérito policial; entre outras funções.

Escrivão

I – formalizar os atos e determinações do Delegado de Polícia atinentes a inquéritos policiais e a outros procedimentos pertinentes; II – fiscalizar os trabalhos cartorários da Corregedoria, Delegacias Especializadas, Delegacias Municipais e Distritos Policiais; III – lavrar e subscrever os autos e termos adotados na mecânica processual, bem como autuar e remeter inquéritos e processos, obedecendo aos prazos legais; IV – fiscalizar a continuidade dos processos ou inquéritos distribuídos, providenciando a sua normalidade sequencial; entre outras.

Sobre a PC AC

Os primeiros relatos com relação à existência da Polícia Civil no Estado do Acre datam do ano de 1899, durante a Revolução Acreana, quando o espanhol Luís Gálvez Rodríguez de Arias, que governou o então Estado Independente do Acre, (entre 14 de julho de 1899 a 01 de janeiro de 1900 – pela primeira vez; e entre 30 de janeiro a 15 de março de 1900 – pela segunda e última vez), ao formar o Ministério do Estado Independente do Acre, nomeou como Delegado de Polícia o senhor Pedro Martins Chaves e como de Chefe de Polícia o Coronel João Passos de Oliveira. Tal fato pode ser comprovado pela leitura do Decreto número 9, de 19 de julho de 1899, que organizava a Polícia do Estado Independente do Acre e decretava como legítimas as autoridades policiais nomeadas no ato da proclamação de independência desta região.

Nova-PCAC

Após anos de conflito e a atuação de várias figuras como Plácido de Castro (nas batalhas) e o Diplomata Barão de Rio Branco (em sua respectiva área de atuação), brasileiros e bolivianos resolvem, em 17 de novembro de 1903, assinar o Tratado de Petrópolis. O Acre passou a ser oficialmente brasileiro através da Lei N° 1.181, de 25 de fevereiro de 1904.Neste mesmo ano, encontramos novos registros sobre a existência da Polícia Civil durante o governo do Coronel Raphael Augusto da Cunha Matos, Prefeito do Departamento Nacional do Alto Acre, nomeado pelo Governo Federal, em abril de 1904.

A Polícia Civil do Estado do Acre é uma Instituição permanente do Poder Público, que tem por atribuição precípua o desenvolvimento das atividades de Polícia Judiciária (investigação dos crimes e preparação dos respectivos procedimentos legais).

A Polícia Civil é dirigida por Delegado de Polícia de carreira, estável, sob a denominação de Delegado Geral de Polícia Civil, organizada de acordo com os princípios da unidade, indivisibilidade, unidade de doutrina e de procedimento, hierarquia e disciplina, para o desempenho das tarefas que lhe são conferidas, que demandam planejamento, organização, coordenação, fiscalização e controle das atividades, possui divisão do trabalho em decorrência das características de atuação.

Último concurso PC AC

O último concurso PC AC teve seu edital publicado no ano de 2017, na ocasião foram ofertadas 250 vagas para os cargos de Agente de Polícia, Auxiliar de Necropsia, Delegado e Escrivão, todos de nível superior. Foram, no total, 7.652 candidatos inscritos.

As oportunidades foram distribuídas da seguinte maneira:

Agente de Polícia: 176 vagas;

Auxiliar de Necropsia: 20 vagas;

Delegado de Polícia: 18 vagas;

Escrivão de Polícia: 36 vagas.

A banca organizadora responsável pela execução do concurso foi o IBADE.

Nova-PCAC

A avaliação dos candidatos foi composta por 3 etapas, sendo:

1ª etapa

– Prova Objetiva (eliminatório e classificatório);

– Prova Discursiva (eliminatório e classificatório);

– Prova de Títulos (classificatório).

2ª etapa

– Prova de Aptidão Física (eliminatório);

– Exame Psicotécnico (eliminatório);

– Prova Prática de Digitação apenas para Escrivão (eliminatório);

– Exame Médico e Toxicológico (eliminatório);

– Investigação Criminal e Social (eliminatório).

3ª etapa

Curso de Formação (eliminatório e classificatório).

As fases da 1ª etapa foram realizadas simultaneamente nas cidades de Brasiléia, Cruzeiro do Sul, Rio Branco, Sena Madureira e Tarauacá, conforme opção do candidato no ato da inscrição. As demais fases foram realizadas somente em Rio Branco, exceto a Prova de Aptidão Física que poderia ser realizada nos municípios de Rio Branco e Cruzeiro do Sul.

A prova objetiva de múltipla escolha contou com 100 questões para o cargo de Delegado e 80 questões para os demais cargos, com duração total de 5 horas.

Nova-PCAC

O conteúdo programático da prova objetiva foi composto pelas seguintes disciplinas:

Delegado

– Língua Portuguesa – 5 questões (peso 1);

– Raciocínio lógico – 5 questões (peso 1);

– Noções de informática – 5 questões (peso 1);

– Direito Administrativo – 10 questões (peso 1);

– Direito Civil – 5 questões (peso 1);

– Direito Constitucional/Direitos Humanos – 10 questões (peso 1);

– Direito Penal – 20 questões (peso 1);

– Direito Processual Penal – 20 questões (peso 1);

– Medicina Legal – 5 questões (peso 1);

– Legislação Penal e Processual Especial – 15 questões (peso 1).

Outros Cargos

– Língua Portuguesa – 10 questões (peso 1);

– Noções de Informática – 5 questões (peso 1);

– Raciocínio Lógico – 5 questões (peso 1);

– Noções de Direito Administrativo – 10 questões (peso 1);

– Noções de Direito Constitucional – 10 questões (peso 1);

– Noções de Direito Penal – 10 questões (peso 1);

– Noções de Direito Processual Penal – 10 questões (peso 1);

– Legislação de Direito Penal e Processual Penal Especial – 10 questões (peso 1);

– Noções de Medicina Legal – 10 questões (peso 1).

» Prepare-se para o concurso PC AC + BÔNUS (GRÁTIS) «

A prova discursiva foi aplicada, no mesmo dia da Objetiva e teve duração de 3 horas. Valendo 20 pontos, foi considerado aprovado na etapa, o candidato que obtivesse no mínimo, 10 pontos.

A prova foi composta de uma Peça Processual de representação, para o cargo de Delegado e, para os demais cargos, de uma redação de texto dissertativo, sobre tema enunciado no caderno de questões.

Última notícia

Concurso PC AC: Comissão organizadora está formada, edital próximo!

Acompanhe nossas

redes sociais