Concurso Prefeitura de Pirenópolis – GO: SAIU EDITAL para a área da Educação!

A Prefeitura Municipal de Pirenópolis – GO, comunica que diante do atual cenário de emergência mundial de saúde em razão da pandemia da Covid-19, torna pública a suspensão do concurso público. A prefeitura ainda informou que um novo cronograma será publicado oportunamente. Foi divulgado o edital do novo concurso Prefeitura de Pirenópol...

Status do concurso: Aberto

Edital disponível

Quer Receber Todas Oportunidades para o Estado de Goiás?

Receba em seu e-mail todas oportunidades de Concursos para o Estado de Goiás

Número de vagas 80
Salário R$ 2.424,24
Data de inscrição 09/04/2020 a 15/04/2020
Escolaridade Nível Superior
Estado Goiás
Organizadora Cespe/UnB (Cebraspe)
Valor da inscrição R$ 100,00
Edital Arquivos

A Prefeitura Municipal de Pirenópolis – GO, comunica que diante do atual cenário de emergência mundial de saúde em razão da pandemia da Covid-19, torna pública a suspensão do concurso público. A prefeitura ainda informou que um novo cronograma será publicado oportunamente.

Foi divulgado o edital do novo concurso Prefeitura de Pirenópolis, no estado de Goiás. As oportunidades são destinadas para a área da Educação, com salários de R$ 2,4 mil, tendo a exigência que o candidato possua o nível superior de formação.

Como fazer a inscrição do concurso Prefeitura de Pirenópolis – GO?

As inscrições estão abertas das 10 horas do dia 09 de abril até às 18 horas do dia 15 de abril de 2020.

Para se inscrever, o candidato deverá acessar o site da banca organizadora, Cebraspe .

A taxa de inscrição tem o valor fixo de R$ 100,00.

O pagamento da taxa de inscrição deverá ser efetuado até o dia 24 de abril de 2020.

Vagas e salários do concurso Prefeitura de Pirenópolis – GO

O certame oferta um total de 80 vagas, sendo 50 vagas de caráter imediato e 30 vagas para formação de cadastro reserva, no cargo de Professor P-III/Pedagogo, com exigência do nível superior de formação.

Das 50 vagas de caráter imediato, 47 vagas são para ampla concorrência e 03 vagas para pessoas com deficiência. A carreira de Professor P-III/Pedagogo, tem salário no valor de R$ 2.424,24, com jornadas de trabalho de 30 horas semanais.

Como será a prova do concurso Prefeitura de Pirenópolis – GO?

A avaliação dos candidatos será por meio de prova objetiva, e seria aplicada na data prevista de 10 de maio de 2020, no período da tarde, com duração de 03h30min.

Mediante a suspensão do certame , em razão da pandemia do Covid-19, um novo cronograma será informado posteriormente com as datas das avaliações.

As provas objetivas, de caráter eliminatório e classificatório, valerão 120,00 pontos. As provas objetivas de todos os candidatos serão corrigidas por meio de processamento eletrônico das folhas de respostas.

Cada prova objetiva será constituída de itens para julgamento, agrupados por comandos que deverão ser respeitados. O julgamento de cada item será CERTO ou ERRADO, de acordo com o comando a que se refere o item. Haverá, na folha de respostas, para cada item, dois campos de marcação: o campo designado com o código C, que deverá ser preenchido pelo candidato caso julgue o item CERTO, e o campo designado com o código E, que deverá ser preenchido pelo candidato caso julgue o item ERRADO.

Será reprovado nas provas objetivas e eliminado do concurso público ,o candidato que se enquadrar em pelo menos um dos itens a seguir:

a) obtiver nota inferior a 10,00 pontos na prova objetiva de Conhecimentos Básicos P1;

b) obtiver nota inferior a 21,00 pontos na prova objetiva de Conhecimentos Específicos P2;

c) obtiver nota inferior a 36,00 pontos no conjunto das provas objetivas.

Ocorrerá ainda uma avaliação de títulos como critério de avaliação dos candidatos.

O conteúdo programático da prova irá constar as seguintes disciplinas:

Conhecimentos Básicos (50 questões)

– Língua Portuguesa;

– Temas Educacionais e Pedagógicos;

– Legislação;

– Realidade Étnica, Social, História, Geográfica, Cultural, Política e Econômica do Estado de Goiás e do Brasil;

– Realidade Étnica, Social, História, Geográfica, Cultural, Política e Econômica do Município de Pirenópolis.

Conhecimentos Específicos (70 questões)

– Pedagogia.

O prazo de validade do concurso público é 02 (dois) anos, contados a partir da data de publicação da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado, uma única vez, por igual período.

Requisitos e atribuições do cargo no concurso Prefeitura de Pirenópolis – GO

Requisito: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso superior em Pedagogia ou de conclusão de formação em nível normal superior ou em qualquer área de formação com complemento em Pedagogia, fornecido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).

Atribuições: realizar atividades de docência na Educação Infantil e(ou) nos anos iniciais do Ensino Fundamental; participar de todo o processo ensino-aprendizagem: elaborar, acompanhar e avaliar planos, programas e projetos de que necessite a Unidade Escolar ou Sistema Municipal de Ensino; inteirar-se da Proposta Política-Pedagógica da Unidade de Ensino; elaborar, acompanhar e zelar pelo cumprimento do planejamento curricular, dos planos de aula, da seleção e(ou) da elaboração de material didático e dos instrumentos de avaliação.

Condições para investidura no cargo do concurso Prefeitura de Pirenópolis – GO

– Ser aprovado no concurso público;

– Ter a nacionalidade brasileira ou portuguesa e, no caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo Estatuto de Igualdade entre Brasileiros e Portugueses, com reconhecimento do gozo dos direitos políticos, nos termos do § 1º do art. 12 da Constituição Federal;

– Estar em gozo dos direitos políticos;

– Estar quite com as obrigações militares, em caso de candidato do sexo masculino;

– Estar quite com as obrigações eleitorais;

– Possuir os requisitos exigidos para o exercício do cargo;

– Ter idade mínima de 18 anos completos na data da posse;

– Ter aptidão física e mental para o exercício das atribuições do cargo;

– Cumprir as determinações do edital;

– O candidato deverá declarar, na solicitação de inscrição, que tem ciência e aceita que, caso aprovado, deverá entregar os documentos comprobatórios dos requisitos exigidos para o cargo por ocasião da posse.

Sobre o município de Pirenópolis – GO

Pirenópolis é um município histórico, sendo um dos primeiros do estado de Goiás. Foi fundado com o nome de Minas de Nossa Senhora do Rosário Meia Ponte pelo minerador português Manoel Rodrigues Tomar (alguns historiadores denominaram-no como Manoel Rodrigues Tomás). As minas da região foram descobertas pelo bandeirante Amaro Leite, porém foram entregues aos portugueses por Urbano do Couto Menezes, companheiro de Bartolomeu Bueno da Silva, o Anhanguera Filho, na primeira metade do século XVIII. Segundo a tradição local, o arraial foi fundado em 7 de outubro de 1727, porém não há documentos comprobatórios e muitos historiadores e cronistas antigos afirmam ser a fundação em 1731.

Foi importante centro urbano dos séculos XVIII e XIX, com mineração de ouro, comércio e agricultura, em especial a produção de algodão para exportação no século XIX. Ainda no século XIX, com o nome de cidade de Meia Ponte, destacou-se como o berço da música goiana, e como berço da imprensa em Goiás, já que ali nasceu o primeiro jornal do Centro Oeste, denominado Matutina Meiapontense. Em 1890, a cidade teve seu nome mudado para Pirenópolis, o município dos Pireneus, nome dado à serra que a circunda. Ficou isolada durante grande parte do século XX e redescoberta na década de 1970, com a construção da nova capital do país, Brasília. Hoje, é famosa pelo turismo e pela produção do quartzito, a Pedra de Pirenópolis.

Pyrenópolis (ortografia arcaica), posteriormente Pirenópolis, significa “a Cidade dos Pireneus”. Seu nome provém da serra que circunda a cidade, denominada Serra dos Pireneus. Segundo a tradição local, a serra recebeu este nome por haver na região imigrantes espanhóis, provavelmente catalães. Por saudosismo ou por encontrar alguma semelhança com os Pirenéus da Europa, cadeia de montanhas situada entre a Espanha e a França, deram então a esta serra o nome de Pirenéus, mas mais tarde, devido à pronúncia da língua portuguesa no Brasil, surgiu a grafia sem acento.

Acompanhe nossas

redes sociais