Concurso Senado Federal: Autorizadas 40 vagas para médio e superior!

Saiu a autorização do concurso Senado Federal 2019! Serão 40 vagas distribuídas entre cargos de nível médio e superior, além da formação de cadastro reserva, para o corpo de servidores efetivos da Casa. O Diário Oficial da União trouxe o aval na quinta-feira, 3 de outubro de 2019. A portaria foi concedida por conta do número de cargos ...

Status do concurso: Previsto

Última Notícia

Imagem Concurso Senado Federal: Comissão organizadora do certame é alterada!

Concurso Senado Federal: Comissão organizadora do certame é alterada!

O Senado Federal divulgou uma alteração nos membros que compõe a comissão organizadora do novo concurso. Edital já está em andamento!

Continuar Lendo

Histórico de Notícias

04/10/2019

Concurso Senado Federal: Após autorização, comissão é definida!

Com a autorização para um novo concurso Senado Federal, o presidente da Casa já definiu a comissão examinadora do certame.

Continuar lendo
25/01/2017

Concurso Senado Federal 2017 – Analista Legislativo

Está previsto para 2017 o Concurso do Senado Federal, ao todo serão mais de 1000 vagas. Saiba o que cai na prova para o cargo de Analista Legislativo.

Continuar lendo

Saiu a autorização do concurso Senado Federal 2019! Serão 40 vagas distribuídas entre cargos de nível médio e superior, além da formação de cadastro reserva, para o corpo de servidores efetivos da Casa.

O Diário Oficial da União trouxe o aval na quinta-feira, 3 de outubro de 2019. A portaria foi concedida por conta do número de cargos vagos e o aumento iminente destes, visto o aumento no número do pedido de aposentadorias.

Vagas ofertadas no concurso Senado 2019

A relação de vagas é a seguinte:

♦ Técnico Legislativo, Nível II, padrão 21, na especialidade Policial Legislativo

  • 24 vagas;
  • com requisito de escolaridade de nível médio.

♦ Advogado, Nível III, padrão 41, na especialidade Advocacia

  • 4 vagas;
  • com requisito de escolaridade de nível superior.

♦ Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Administração

  • 2 vagas;
  • com requisito de escolaridade de nível superior.

♦ Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Arquivologia

  • 1 vaga;
  • com requisito de escolaridade de nível superior.

♦ Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Assistência Social

  • 1 vaga;
  • com requisito de escolaridade de nível superior.

♦ Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Contabilidade

  • 1 vaga;
  • com requisito de escolaridade de nível superior.

♦ Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Enfermagem

  • 1 vaga;
  • com requisito de escolaridade de nível superior.

♦ Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Informática Legislativa

  • 1 vaga;
  • com requisito de escolaridade de nível superior.

♦ Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Processo Legislativo

  • 2 vagas;
  • com requisito de escolaridade de nível superior.

♦ Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Registro e Redação Parlamentar

  • 1 vaga;
  • com requisito de escolaridade de nível superior.

♦ Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Engenharia do Trabalho

  • 1 vaga;
  • com requisito de escolaridade de nível superior.

♦ Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Engenharia Eletrônica e Telecomunicações

  • 1 vaga;
  • com requisito de escolaridade de nível superior.

Salários dos servidores no Senado Federal

Os salários são de R$ 19.573,46 para cargos de Técnico Legislativo (Nível Médio), R$ 25.764,85 para Analista Legislativo (Nível Superior em diversas áreas), e de R$ 33.003,05 para Advogado (Nível Superior em Direito).

Fora isso, os servidores têm direito a Auxílio-Transporte (R$ 147,33), Assistência Médica e Odontológica (R$ 676,00), Assistência Pré-Escolar (R$ 831,95), Exames Periódicos e Capacitações.

Apesar do local de trabalho ser em Brasília, o último certame teve provas aplicadas em todas as capitais do país, o que deve acontecer novamente.

Cargos vagos no Senado Federal

Das 2.163 mil vacâncias, o cargo de Técnico Legislativo Nível III é a que mais sofre: são 1.518 vagas disponíveis. Destes, 235 estão em Processo Legislativo e 162 em Policial Legislativo Federal, apresentando a maior carência.

Atualmente, são ao todo 8.736 pessoas trabalhando no Senado, sendo 2.130 efetivos, 3.691 servidores comissionados e 2.915 terceirizados. Além destes, há 523 estagiários e 135 jovens-aprendizes.

Comissão examinadora está em formação

A comissão examinadora do certame, responsável pela elaboração das questões, será formada pelo presidente do Senado, Davi Alcolumbre. O presidente ainda tem como tarefa aprovar as instruções e homologação dos candidatos.

Quais os requisitos básicos do concurso Senado Federal?

  • Ter sido classificado no concurso público, na forma estabelecida neste edital, em seus anexos e eventuais retificações;
  • Ter nacionalidade brasileira e, no caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo estatuto de igualdade entre brasileiros e portugueses, com reconhecimento do gozo dos direitos políticos, nos termos do §1º do art. 12 da Constituição da República Federativa do Brasil e na forma do disposto no art. 13 do Decreto 70.436, de 18 de abril de 1972;
  • Ter idade mínima de 18 (dezoito) anos completos;
  • Estar em gozo dos direitos políticos;
  • Estar quite com as obrigações eleitorais e, se do sexo masculino, também com as militares;
  • Apresentar declaração do órgão público a que esteja vinculado, se for o caso, registrando que o candidato tem situação jurídica compatível com a nova investidura em cargo público federal, haja vista não ter incidido no disposto nos artigos 132, 135 e 137, parágrafo único, todos da Lei 8.112/90 e de suas alterações (penalidade de demissão e de destituição de cargo em comissão), nem ter sofrido, no exercício de função pública, penalidade por prática de atos desabonadores;
  • Apresentar declaração quanto ao exercício ou não de outro cargo, emprego ou função pública e sobre recebimento de provento decorrente de aposentadoria e pensão;
  • Apresentar declaração de bens e valores que constituam patrimônio e, se casado (a), a do cônjuge;
  • Possuir os requisitos específicos exigidos para o cargo/área/especialidade e subárea (quando for o caso), conforme discriminado no item 2.2 deste edital, devendo obrigatoriamente estar em situação regular no órgão fiscalizador do exercício da profissão, se for o caso;
  • Firmar declaração de não estar cumprindo sanção por inidoneidade, aplicada por qualquer órgão público ou entidade da esfera federal, estadual ou municipal;
  • Apresentar outros documentos que vierem a ser exigidos e se fizerem necessários, à época da posse;
  • Ser considerado apto em todos os exames médicos e psicológicos pré-admissionais do Senado Federal, devendo o candidato apresentar os exames clínicos e laboratoriais solicitados, os quais correrão às suas expensas. Caso o candidato seja considerado inapto para as atividades relacionadas ao cargo, por ocasião dos exames médicos e psicológicos pré-admissionais, não poderá tomar posse. Essa avaliação terá caráter eliminatório. A relação desses exames será fornecida por posterior edital de convocação;
  • Cumprir as determinações deste edital.

O que faz um Consultor Legislativo do Senado Federal?

• Área: Consultoria e Assessoramento Legislativo – Especialidade: Assessoramento Legislativo

Atribuições: Atividades de nível superior e especializado, de consultoria e assessoramento técnico à Comissão Diretora, à Mesa, às Comissões e aos senadores no desempenho, no âmbito do Congresso Nacional, das suas funções legislativa, parlamentar e fiscalizadora, consistindo na elaboração e divulgação de estudos técnicos opinativos sobre matérias de interesse institucional do Senado Federal e do Congresso Nacional, a preparação, por solicitação dos senadores, de minutas de proposições, de pronunciamentos e de relatórios e na prestação de esclarecimentos técnicos atinentes ao exercício das funções constitucionais do Senado Federal.

• Área: Consultoria e Assessoramento em Orçamentos – Especialidade: Assessoramento em Orçamentos

Atribuições: Atividades, de nível superior e especializado, de prestação de consultoria e assessoramento em planos e orçamentos públicos à Comissão Mista Permanente de que trata o §1º do artigo 166 da Constituição Federal, à Mesa, às demais Comissões e aos senadores no desempenho, no âmbito do Congresso Nacional, das suas funções legislativa, parlamentar e fiscalizadora, consistindo na elaboração e divulgação de estudos técnicos opinativos sobre elaboração, execução, acompanhamento e fiscalização de planos e orçamentos públicos, quando do interesse institucional do Senado Federal e do Congresso Nacional, na preparação, por solicitação dos congressistas, de minutas de proposições e de relatórios sobre planos e orçamentos públicos, e na prestação de esclarecimentos técnicos atinentes ao exercício das funções constitucionais do Senado Federal e do Congresso Nacional, em matéria de planos e orçamentos públicos.

O que faz um Analista Legislativo do Senado Federal?

• Área: Apoio Técnico ao Processo Legislativo – Especialidade Processo Legislativo

Atribuições: atividades de nível superior, de natureza pouco repetitiva, envolvendo supervisão, coordenação, orientação e execução de trabalhos legislativos; estudos e assistência técnica na formulação e análise de proposições e outros documentos parlamentares, bem assim de trabalhos de análise, pesquisa e recuperação da informação instrutiva do processo legislativo.

• Área: Apoio Técnico ao Processo Legislativo – Especialidade Taquigrafia

Atribuições: atividades de nível superior, de natureza pouco repetitiva, envolvendo supervisão, coordenação, orientação e execução dos trabalhos de gravação, registro taquigráfico, interpretação, revisão e redação final de debates e pronunciamentos, bem assim o planejamento da elaboração dos originais para publicação no órgão oficial.

• Área: Apoio Técnico ao Processo Legislativo – Especialidade Biblioteconomia

Atribuições: atividades de supervisão, coordenação, programação ou execução especializada, em graus de maior e mediana complexidade, referentes a trabalhos de pesquisa, estudo e registro bibliográfico de documentos e informações culturais.

• Área: Apoio Técnico-Administrativo – Especialidade Administração

Atribuições: atividades de supervisão, programação, coordenação ou execução especializada, em graus de maior e mediana complexidade, referentes a estudos, pesquisas, análises e projetos sobre administração em geral e organização e métodos.

• Área: Controle Interno – Especialidade Arquivologia

Atribuições: atividades de nível superior relacionadas a planejamento, supervisão, orientação, acompanhamento e execução especializada, em graus de maior ou menor complexidade, das atividades arquivísticas das funções administrativa e legislativa, e execução de outras atividades correlatas.

• Área: Controle Interno – Especialidade Contabilidade

Atribuições: atividades de supervisão, programação, coordenação ou execução especializada, em grau de maior complexidade, referentes a trabalhos de administração financeira e patrimonial, contabilidade e auditoria, compreendendo análise e perícia contábeis.

• Área: Saúde e Assistência Social – Especialidade Assistência Social

Atribuições: atividades de supervisão, coordenação, programação ou execução especializada, referentes a trabalhos relacionados com o desenvolvimento, diagnóstico e tratamento da comunidade, em seus aspectos sociais.

• Área: Saúde e Assistência Social – Especialidade Medicina

Atribuições: atividades de supervisão, programação, coordenação ou execução especializada, em grau de maior complexidade, referentes a trabalhos de defesa e proteção à saúde individual ou coletiva, incluindo medidas de profilaxia e terapêutica.

• Área: Saúde e Assistência Social – Especialidade Nutrição

Atribuições: atividades de supervisão, coordenação, planejamento ou execução especializada, referentes a trabalhos relacionados com o desenvolvimento de estudos dietéticos, assistência e educação nutricional para coletividades ou indivíduos, sadios ou enfermos, em consultório de nutrição e dietética e perícia; e executar outras tarefas correlatas.

• Área: Saúde e Assistência Social – Especialidade Farmácia

Atribuições: atividades de supervisão, coordenação ou execução especializada, em grau de maior e média complexidade.

• Área: Saúde e Assistência Social – Especialidade Fisioterapia

Atribuições: atividades de supervisão, coordenação, programação ou execução de métodos e técnicas fisioterápicos com a finalidade de restaurar, desenvolver e conservar a capacidade física do indivíduo, promover ações profissionais, de alcance individual e/ou coletivo, preventivas a intercorrência de processos cinesiopatológicos e perícia; e executar outras tarefas correlatas.

• Área: Saúde e Assistência Social – Especialidade Psicologia

Atribuições: atividades de supervisão, coordenação, programação ou execução especializada, em grau de maior complexidade, referentes a estudos sobre o comportamento humano e a dinâmica da personalidade, envolvendo diagnóstico psicológico, orientação psicopedagógica e solução dos problemas de ajustamento do ser humano.

• Área: Saúde e Assistência Social – Especialidade Enfermagem

Atribuições: atividades de supervisão, coordenação, programação ou execução especializada, em grau de maior complexidade, referentes a trabalhos relativos à observação, ao cuidado, à educação sanitária dos doentes, gestantes e acidentados, ao cumprimento das prescrições médicas e aplicação de medidas destinadas à prevenção de doenças.

• Área: Instalações, Equipamentos, Ocupação e Ambientação de Espaço Físico – Especialidade Arquitetura

Atribuições: atividades de execução qualificada, sob supervisão, de trabalhos relativos à fiscalização de obras do Senado Federal e ao exame e elaboração de normas para a administração e conservação de próprios artísticos.

• Área: Instalações, Equipamentos, Ocupação e Ambientação de Espaço Físico – Especialidade Engenharia

Atribuições: atividades de supervisão, programação, coordenação ou execução especializada, em grau de maior complexidade, referentes a estudos em geral sobre regiões, zonas, cidades, obras estruturais, transportes, desenvolvimento industrial, preservação e exploração de riquezas minerais, assim como projetos relativos à construção, à fiscalização de obras do Senado Federal e à elaboração de normas para a conservação e reconstituição dos bens do Senado Federal.

• Área: Redação e Revisão de Textos Gráficos – Especialidade Redação e Revisão

Atribuições: atividades, em graus de maior e mediana complexidade, referentes a trabalhos de redação e revisão final de textos gráficos; e executar outras tarefas correlatas.

• Área: Comunicação Social – Especialidade Comunicação Social (Jornalista)

Atribuições: atividades de supervisão, coordenação ou execução especializadas, em graus de maior e mediana complexidade, referentes a trabalhos de relações públicas, redação, revisão, coleta e preparo de informações para a divulgação oficial falada, escrita ou televisionada.

• Área: Comunicação Social – Especialidade Comunicação Social (Comunicação Social)

Atribuições: atividades de supervisão, coordenação ou execução especializadas, em graus de maior e mediana complexidade, referentes a trabalhos de relações públicas, redação, revisão, coleta e preparo de informações para a divulgação oficial falada, escrita ou televisionada.

• Área: Comunicação Social – Especialidade Comunicação Social (Produtor de Multimídia)

Atribuições: atividades de supervisão, coordenação ou execução especializadas, em graus de maior e mediana complexidade, referentes a trabalhos de relações públicas, redação, revisão, coleta e preparo de informações para a divulgação oficial falada, escrita ou televisionada.

• Área: Tecnologia da Informação – Especialidade Informática Legislativa (Análise de Sistemas)

Atribuições: participar e acompanhar o levantamento e a análise de informações junto às gerências de relacionamento para planejar, desenvolver, homologar e implantar sistemas de informação e bases de dados; executar outras atividades correlatas.

• Área: Tecnologia da Informação – Especialidade Informática Legislativa (Análise de Suporte de Sistemas)

Atribuições: prestar consultoria técnica às atividades de prospecção, avaliação, homologação e configuração de equipamentos e softwares básicos; executar outras atividades correlatas.

O que faz um Técnico Legislativo do Senado Federal?

• Área: Apoio Técnico ao Processo Legislativo – Especialidade Processo Legislativo

Atribuições: atividades de nível médio, de natureza pouco repetitiva, envolvendo orientação e execução qualificada de trabalhos de apoio, em grau auxiliar, às atividades de pesquisa e assistência técnica legislativa de nível superior, inclusive acompanhamento da tramitação de proposições, bem como atividades de natureza repetitiva, envolvendo execução qualificada, sob supervisão e orientação de trabalhos de apoio, em grau auxiliar, ao desenvolvimento dos trabalhos de pesquisa legislativa de nível superior.

• Área: Apoio Técnico-Administrativo – Especialidade Administração

Atribuições: atividades de nível médio e de natureza pouco repetitiva, relativas a estudos, pesquisas preliminares, planejamento, em grau auxiliar, visando à implantação de normas legais, regimentais e regulamentares, referentes à administração geral e específica, e ainda relativas à execução qualificada, sob supervisão e orientação, de trabalhos mecanográficos.

• Área: Apoio Técnico-Administrativo – Especialidade Arquivologia

Atribuições: atividades de nível médio relacionadas a execução qualificada, sujeita à supervisão e orientação, das atividades arquivísticas das funções administrativa e legislativa, e execução de outras atividades correlatas.

• Área: Apoio Saúde e Assistência Social – Especialidade Enfermagem

Atribuições: atividades de coordenação, programação ou execução especializada, em grau de mediana complexidade, referentes a trabalhos relativos à observação, ao cuidado, à educação sanitária dos doentes, gestantes e acidentados, ao cumprimento das prescrições médicas e aplicação de medidas destinadas à prevenção de doenças.

• Área: Apoio Saúde e Assistência Social – Especialidade Odontologia

Atribuições: atividades de programação, coordenação ou execução especializada, em grau de mediana complexidade, referentes a estudos e trabalhos relativos à assistência buco-dentária.

• Área: Instalações, Equipamentos, Ocupação e Ambientação de Espaço Físico – Especialidade Eletrônica e Telecomunicações

Atribuições: atividades de nível médio e de natureza permanente, relacionadas com os serviços de operação de peças, máquinas, aparelhos diversos, motores e sistemas elétricos em geral.

• Área: Apoio Técnico ao Processo Industrial Gráfico – Especialidade Processo Industrial Gráfico

Atribuições: atividades de orientação, controle e execução qualificada das tarefas operacionais inerentes ao fluxo industrial gráfico, observadas as especialidades setoriais, inclusive o manuseio de equipamentos e máquinas; e executar outras tarefas correlatas.

Último concurso Senado Federal

O último concurso foi realizado em 2011, sob responsabilidade da Fundação Getúlio Vargas. A oferta era de 260 vagas para os cargos de:

  • Analista Legislativo (142 vagas);
  • Consultor Legislativo (9 vagas);
  • Técnico Legislativo (84 vagas);
  • Técnico Legislativo da área de Polícia Legislativa (25 vagas).

Editais concurso Senado 2011

⇒ Edital nº 01/2011 – Consultor Legislativo
⇒ Edital nº 02/2011 – Analista Legislativo
⇒ Edital nº 03/2011 – Técnico Legislativo

Provas do último concurso Senado Federal

Os candidatos foram avaliados por meio de provas objetivas e discursivas, exame de títulos, além de uma avaliação prática exclusivamente para a especialidade de Taquigrafia.

Edital nº 01/2011

  • Língua Portuguesa (15 questões);
  • Conhecimentos Gerais (10 questões);
  • Direito Constitucional e Administrativo (10 questões);
  • Administração e Políticas Públicas (5 questões);
  • Raciocínio Lógico (6 questões);
  • Língua Inglesa (4 questões);
  • Conhecimentos Específicos (30 questões).

Edital nº 02/2011

  • Língua Portuguesa (20 questões);
  • Conhecimentos Gerais (10 questões);
  • Língua Inglesa (10 questões);
  • Conhecimentos Específicos (40 questões).

Edital nº 03/2011

  • Língua Portuguesa (20 questões);
  • Conhecimentos Gerais (10 questões);
  • Noções de Informática (10 questões);
  • Conhecimentos Específicos (30 questões).

Confira o conteúdo programático cobrado no último concurso:

• Edital nº 01/2011

Língua Portuguesa: Leitura, compreensão e interpretação de textos. Estruturação do texto e dos parágrafos. Articulação do texto: pronomes e expressões referenciais, nexos, operadores sequenciais. Significação contextual de palavras e expressões. Equivalência e transformação de estruturas. Sintaxe: processos de coordenação e subordinação. Emprego de tempos e modos verbais. Pontuação. Estrutura e formação de palavras. Funções das classes de palavras. Flexão nominal e verbal. Pronomes: emprego, formas de tratamento e colocação. Concordância nominal e verbal. Regência nominal e verbal. Ocorrência de crase. Ortografia oficial. Acentuação gráfica. Redação Oficial: Manual de Redação da Presidência da República e Manual de Elaboração de Textos do Senado Federal.

Conhecimentos Gerais: O Brasil e suas relações com o mundo contemporâneo: fundamentos históricos. Revolução Industrial, imperialismo e globalização. Sistema mundial de poder: Segunda Guerra Mundial, a bipolaridade e o cenário pósguerra fria. A globalização e a nova ordem mundial. Conflitos étnico-religiosos. A questão do petróleo. A crise dos mercados de 2008. A noção de Europa e a crise econômica do século XXI. A questão ambiental: perspectiva histórica. A Era do Conhecimento: o século XX, a urbanização da sociedade e a cultura de massas. A modernização brasileira: implantação da República, revolução de 1930, industrialização, urbanização e a ruptura institucional de 1964. Brasil contemporâneo: o regime militar e a redemocratização. Inserção do Brasil no cenário mundial do século XXI. Domínio de tópicos relevantes e atuais de diversas áreas, tais como política, economia, sociedade, educação, tecnologia, energia, relações internacionais, desenvolvimento sustentável, segurança, artes e literatura.

Direito Constitucional e Administrativo: Conceitos de teoria do Estado. Princípios do Estado Democrático de Direito. Conceito de Constituição. Regras materialmente constitucionais e formalmente constitucionais. Poder constituinte originário e derivado. Controle de constitucionalidade. Controle judiciário difuso e concentrado. Ação declaratória de constitucionalidade e Ação direta de inconstitucionalidade. Constituição da República Federativa do Brasil: Princípios fundamentais e Direitos e Deveres individuais e coletivos. O habeas corpus. O mandado de segurança. O direito de petição. O mandado de injunção. A ação popular. A ação civil pública. O habeas data. Direitos sociais. Cidadania plena e participação político-social. Direitos Humanos: Direito à vida, à liberdade, à igualdade, dignidade humana e justiça. Nacionalidade. Direitos políticos. Organização político-administrativa. O federalismo no Brasil. Repartição de competências. Competências constitucionais: União, Estados, Distrito Federal e Municípios. Administração pública, disposições gerais e servidores públicos civis. Separação de poderes. Sistemas de governo. Processo legislativo. Administração Pública: conceito, estrutura legal dos Órgãos Públicos; natureza e fins da Administração; agentes da Administração. Princípios básicos da Administração: legalidade, moralidade, impessoalidade, finalidade, publicidade, eficiência. Poderes e deveres do administrador público. Poderes Administrativos: poder vinculado e poder discricionário, poder hierárquico, poder disciplinar, poder regulamentar, poder de polícia. Atos Administrativos: conceitos e requisitos; classificação; espécies; validade; formalidade; motivação; revogação. Anulação; modificação; extinção. Contratos Administrativos: Modalidades de contratos. Licitação (Lei 8.666, de 1993) – Finalidade, princípios e objeto da licitação. Servidores públicos: Classificação e Regime Jurídico (Lei 8.112, de 1990 e alterações). Controle da Administração: Espécies. Tribunal de Contas da União (TCU). Improbidade administrativa (Lei 8.429, de 1992).

Administração e Políticas Públicas: História da administração Pública no Brasil. Reformas administrativas. Estrutura e funcionamento da administração pública. Aspectos sociais, econômicos e políticos que condicionam a administração pública. Papel dos gestores públicos no tratamento dos recursos financeiros, humanos e físicos. Uso de controles e indicadores de produtividade. Administração orçamentária. Controle interno e controle externo na administração pública: importância, finalidade, características. Responsabilidade Fiscal. Estado e Regulação. Políticas Públicas.

Raciocínio Lógico: Uso da linguagem natural. Formas de discurso. Falácias de ambiguidade. Proposições categóricas. Silogismos categóricos. Diagramas de Venn para teste de silogismos. Argumentos silogísticos nas linguagens naturais. Sofismas. Lógica proposicional. Linguagem da lógica proposicional. Dedução na lógica proposicional. Formas de enunciado, de raciocínio e de argumentos. Paradoxos da implicação. Lógica de 1ª ordem. Linguagem da lógica de 1 a ordem. Dedução na lógica de 1ª ordem.

Língua Inglesa: Estratégias de leitura: compreensão geral do texto; reconhecimento de informações específicas; capacidade de análise e síntese; inferência e predição; reconhecimento do vocabulário mais frequente em textos não literários; palavras cognatas e falsos cognatos. Estratégias discursivas: tipo de texto; função e estrutura discursivas;marcadores de discurso; elementos de coesão. Aspectos gramaticais: uso de artigos definidos e indefinidos; conhecimento dos tempos e modos verbais; uso de preposições, conjunções, pronomes e modais; concordância nominal e verbal;

• Edital nº 02/2011

Língua Portuguesa: Leitura e análise de textos. Estruturação do texto e dos parágrafos. Articulação do texto: pronomes e expressões referenciais, nexos, operadores sequenciais. Significação contextual de palavras e expressões. Interpretação: pressuposições e inferências; implícitos e subentendidos. Variedades de texto e adequação de linguagem. Equivalência e transformação de estruturas. Discurso direto e indireto. Sintaxe: processos de coordenação e subordinação. Emprego de tempos e modos verbais. Pontuação. Estrutura e formação de palavras. Funções das classes de palavras. Flexão nominal e verbal. Pronomes: emprego, formas de tratamento e colocação. Concordância nominal e verbal. Regência nominal e verbal. Ocorrência de crase. Ortografiaoficial. Acentuação gráfica. Redação Oficial (Manual de Redação da Presidência da República e Manual de Elaboração de Textos do Senado Federal).

Língua Inglesa: Estratégias de leitura: compreensão geral do texto; reconhecimento de informações específicas; capacidade de análise e síntese; inferência e predição; reconhecimento do vocabulário mais frequente em textos não literários; palavras cognatas e falsos cognatos. Estratégias discursivas: tipo de texto; função e estrutura discursivas; marcadores de discurso; elementos de coesão. Aspectos gramaticais: uso de artigos definidos e indefinidos; conhecimento dos tempos e modos verbais; uso de preposições, conjunções, pronomes e modais; concordância nominal e verbal; formação e classe de palavras; relações de coordenação e subordinação; voz passiva, discurso direto e indireto.

• Edital nº 03/2011

Língua Portuguesa: Leitura e análise de textos. Estruturação do texto e dos parágrafos. Articulação do texto: pronomes e expressões referenciais, nexos, operadores sequenciais. Significação contextual de palavras e expressões. Interpretação: pressuposições e inferências; implícitos e subentendidos. Variedades de texto e adequação de linguagem. Equivalência e transformação de estruturas. Discurso direto e indireto. Sintaxe: processos de coordenação e subordinação. Emprego de tempos e modos verbais. Pontuação. Estrutura e formação de palavras. Funções das classes de palavras. Flexão nominal e verbal. Pronomes: emprego, formas de tratamento e colocação. Concordância nominal e verbal. Regência nominal e verbal. Ocorrência de crase. Ortografia oficial. Acentuação gráfica. Redação Oficial (Manual de Redação da Presidência da República e Manual de Elaboração de Textos do Senado Federal)

Noções de Informática: Correio Eletrônico (mensagens, anexação de arquivos, cópias); Microsoft Word 2000/XP em português; Edição e formatação de textos (operações do menu Formatar, Inserir, Tabelas, Exibir – cabeçalho e rodapé, Arquivo – configurar página e impressão, Ferramentas – ortografia e gramática); Microsoft Excel 2000/XP em português: criação de pastas, planilhas e gráficos, uso de fórmulas, funções e macros, configurar página, impressão, operações do menu Formatar, operações do menu Inserir, obtenção de dados externos, classificar; Microsoft Windows 2000/XP em português: criação de pastas (diretórios), arquivos e atalhos, área de trabalho, área de transferência, manipulação de arquivos e pastas, uso de menus, uso de aplicativos, interação com os aplicativos do Microsoft Office; Navegação Internet, conceitos de URL, links, sites, impressão de páginas. Redes Microsoft: compartilhamento de pastas e arquivos; localização e utilização de computadores e pastas remotas.

Conhecimentos Gerais: Mundo Contemporâneo: elementos de política internacional e brasileira. Cultura internacional. Cultura e sociedade brasileira: música, literatura, artes, arquitetura, rádio, cinema, teatro, jornais, revistas e televisão. Descobertas e inovações científicas na atualidade e seus impactos na sociedade contemporânea. O desenvolvimento urbano brasileiro. Meio ambiente e sociedade: problemas, políticas públicas, organizações não governamentais, aspectos locais e aspectos globais. Elementos de economia internacional contemporânea. Panorama da economia nacional. Noções de Direito Administrativo: conceitos, organização administrativa brasileira, poderes administrativos, administração pública, responsabilidade civil do Estado. Administração Pública direta e indireta: autarquias, fundações, entidades paraestatais. Constituição Federal: art. 1º ao 5º; 18 ao 24; 37 ao 41; 44 ao 75. Regime Jurídico: Lei 8112/90, legislação complementar e suas alterações, se houver. Lei 9784/99. Lei 8.666/93, legislação complementar e suas alterações. Regimento Interno do Senado Federal e Regimento Comum.

Acompanhe nossas

redes sociais