Pesquisar no blog

A verdade sobre o Concursso INSS: o que você precisa saber!

icone calendario 07 abr 2022

Boas notícias concurseiros! O pedido de um novo concurso INSS  ainda aguarda autorização do Ministério da Economia. Foram solicitadas 7.575 vagas para nível médio e superior. Entretanto, saiba como está a seleção e se realmente ela sairá!

Estude para o concurso dos seus sonhos com a Assinatura Completa da Nova   . Tenha acesso a Cursos, Plataforma de Questões, Eventos Exclusivos para Assinantes e Muito Mais!

Concurso INSS: edital segue sem previsão, mas deve sair

O ex-ministro do Trabalho e Previdência, Onyx Lorenzoni, havia informado que até o dia 22 de março sairia a decisão sobre o concurso INSS, se ele aconteceria ou não em 2022.

Entretanto, a data passou, o ministro saiu do cargo e não há nenhuma informação sobre o novo edital.

O novo Ministro do Trabalho e Previdência (MTP), José Carlos Oliveira, já tomou posse e se mostrou otimista para a autorização do concurso INSS.

“Existe um diálogo para que haja concurso público, sim, neste ano. Talvez, não no número que a gente solicitou, de 7,5 mil”, afirmou.

Sendo assim, para que um novo edital seja lançado, o aval precisa ser dado pelo Ministério da Economia.

O orçamento da União não está totalmente aprovado, o que pode ser um dos impeditivos para a demora na autorização.

Entretanto, o diretor da Fenasps, Moacir Lopes, destaca que embora o ME não afirme sobre a realização do concurso , o certame é uma das prioridades dentro do governo.

“O que se discute dentro do governo é que, se tiver algum concurso, a prioridade hoje é o INSS. Mas não disseram se vai sair, porque o orçamento da União não está completamente aprovado”, disse Moacir Lopes.

Ademais, o presidente Jair Bolsonaro também chegou a dar indícios de que o pedido seria aprovado, mas nada foi feito ainda.

“Concurso público (vamos autorizar) apenas o essencial, como fizemos com a PF (Polícia Federal) e PRF (Polícia Rodoviária Federal)”, disse o presidente em 2021.

E o veto 11/2022, pode atrapalhar?

Em paralelo ao Orçamento da União, o veto 11/2022, é uma grande preocupação dos órgãos sindicais.

Isso porque ele fez com o que o Ministério do Trabalho e Previdência, perdesse cerca de 1 bilhão em orçamento, prejudicando assim, a realização de um novo concurso INSS.

Nesse sentido, representantes dos sindicatos, trabalham junto com o poder público para que tal veto seja derrubado.

Vale destacar ainda que a derrubada do veto foi tema de audiência pública da Comissão de Direito Humanos (CDH), realizado na última segunda-feira (04/04).

Reunião com a Fenasps e apresentação de reivindicações

Logo após a posse, o novo ministro recebeu representantes da Federação Nacional dos Sindicatos dos Trabalhadores da Saúde, Trabalho, Previdência e Assistência Social (Fenasps).

De acordo com a Federação, o novo ministro não indicou uma data para uma outra reunião com a categoria, que apenas entregou suas reivindicações.

“Não tem uma negociação definida ainda, eles disseram que vão tentar mediar, porque sabem que se o INSS não tiver concurso, em médio prazo, vai dar um locaute total”, disse Moacir Lopes, diretor de Administração e Finanças da Fenasps.

Entre as reivindicações, a Fenasps abordou questões que independem do orçamento, como a inclusão dos cargos do INSS nas carreiras típicas de estado.

Ou seja, antes só permitiriam ingresso por meio de concurso público, mas a Reforma Administrativa seja aprovada, não mais será assim.

Além disso, ainda foi apresentada a mudança da escolaridade de ingresso no cargo de Técnico, que passaria do nível médio para o superior completo.

Assim, novos estudos devem ser realizados para que isso seja aprovado futuramente, afirma o INSS.

Já em relação às carreiras típicas de estado, o Ministério da Economia reforçou que, até o momento, não recebeu o estudo Técnico do INSS para avaliação da pasta.

Pedido é para mais de 7 mil vagas

Ademais, o pedido que está sendo analisado pelo Ministério da Economia é para 7.575 vagas em todo o país. Entretanto, como disse o novo ministro, o aval pode ser menor. Portanto, confira:

  • Técnico do Seguro Social – nível médio – R$5.447,78
    • Análise Reconhecimento de Direito RGPS (2.938 vagas)
    • Combate à Fraude (734)
    • Serviço de
      • Apoio ao Reconhecimento de Direito (216)
      • Atendimento de Demandas Judiciais (40)
      • Cobrança Administrativa (34)
    • Análise Reconhecimento de Direito RPPS (46)
    • Recomposição do Quadro de Aposentados até 2023 (1.996)
  • Analista do Seguro Social – nível superior – R$8.357,07
    • Serviço Social (463 vagas)
    • Reabilitação Profissional (702)
    • Recomposição do Quadro de Aposentados até 2023 (406)

assinatura completa
Saiba mais sobre o Concurso INSS: Mais de 23 mil cargos vagos e edital em 2022!
Acompanhe nossas

redes sociais