Concurso IBGE: Censo demográfico precisa acontecer | Nova Concursos

Concurso IBGE: Censo demográfico é importante e precisa acontecer, diz presidente!

icone calendario 12 abr 2021

O concurso IBGE 2021 para o Censo segue suspenso, devido à pandemia da Covid-19. E, se não bastasse isso, houve ainda saída na presidência do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, o que acaba impactando novos certames.

Ainda presidente, Susana Cordeiro Guerra, enviou aos funcionários sua carta de despedida na última semana e reafirmou que o Censo Demográfico precisará ocorrer.

Concurso IBGE: presidente reforça importância do Censo Demográfico

Em sua carta de despedida, que foi enviada à funcionários do IBGE, a então presidente Susana Cordeiro Guerra destacou a importância do Censo Demográfico, afirmando que ele precisa acontecer.

“Pensando adiante, o IBGE precisará realizar o Censo Demográfico, maior e mais complexo projeto institucional, operação que mais do que nunca será fundamental para o futuro do Brasil”, disse.

Ainda na carta, Susana afirmou que a importância do Censo é reafirmada pelo próprio contexto de pandemia, que aumenta os desafios no país, em diversas áreas.

“O Censo é crítico nesse processo, uma vez que só ele será capaz de revelar, com precisão, essa realidade, subsidiando assim a tomada de decisões e a formulação de políticas públicas”, completou.

Presidente sai sem apoio do governo

A economista pediu demissão em 27 de março, um dia após o Congresso Nacional aprovar o corte no orçamento para a realização do Censo 2021.

Entretanto, o Instituto informou que a saída era por motivos pessoais e familiares. Ela estava no posto desde fevereiro de 2019, quando foi instituída pelo Ministro da Economia, Paulo Guedes.

Durante sua gestão, a economista viu as críticas aumentarem, por parte dos sindicatos, sobre a condução das políticas do IBGE. A presidente deixou o cargo sem o apoio do governo.

A coordenadora do Sindicato Nacional dos Trabalhadores do IBGE (ASSIBGE), Luanda Botelho, afirmou que a presidente não ouviu o corpo técnico do Instituto e aceitou um orçamento cada vez menor, o que teria contribuído para sua saída.

Por outro lado, o sociólogo e ex-presidente do IBGE, Simon Schwartzman, afirmou, em entrevista ao jornal O Globo, que a presidente havia passado 40 dias em Brasília tentando negociar a realização da pesquisa, mas que ficou “completamente sozinha e sem ter mais o que fazer”.

Redução de recursos impacta novo edital

Os recursos previstos foram reduzidos pelo Congresso, de R$ 2 bilhões para R$ 71 milhões. Agora, com a redução de quase 90% no orçamento, oIBGE não tem como realizar o Censo em 2021.

Com isso, agora o Instituto tenta um diálogo com o Ministério da Economia, que, por sua vez, está tentando reverter o cenário, mas ainda não liberou nenhuma informação nova.

“O IBGE solicitará orientações ao Ministério da Economia sobre os procedimentos no tocante à operação censitária que, de acordo com a lei 8.184/1991, deve ser realizada a cada dez anos”, disse o Instituto.

O edital para profissionais que iriam atuar na fase final do Censo Demográfico 2021, era previsto para publicação no dia 29 de março. Ao todo, eram esperadas 312 vagas temporárias, em cargos dos níveis médio e superior, sendo:

  • Agente Censitário de Pesquisas por Telefone: 180 vagas, com salários de R$ 998
  • Supervisor Censitário de Pesquisas e Codificação: 12 vagas,com salários de R$ 4.200
  • Codificador Censitário: 120 vagas, com salários a definir

banca Idecan (Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistencial Nacional) chegou a afirmar que ainda não tem uma nova previsão para a publicação do edital.

As provas estavam marcadas, anteriormente, para o dia 23 de maio, no Rio de Janeiro, para onde os aprovados seriam alocados.

Concurso IBGE Censo: provas suspensas

O concurso IBGE Censo com mais de 204 mil vagas temporárias estava com previsão de aplicação dos exames nos dias 18 e 25 de abril. Entretanto, as provas foram suspensas no último dia 6 de abril.

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística afirmou o concurso não está cancelado e que aguarda um posicionamento do Ministério da Economia sobre o Orçamento para o Censo Demográfico.

Os editais foram publicados pelo Cebraspe, no dia 18 de fevereiro, trazendo a oferta dos cargos:

  • Agente Censitário Municipal (ACM) – 5.450 vagas, com salários de R$ 2.100
  • Agente Censitário Supervisor (ACS) – 16.959 vagas, com salários de R$ 1.700
  • Recenseador – 181.898 vagas, com salários pro produção
Saiba mais sobre o Concurso IBGE 2021: Editais com 210 mil vagas é suspenso!

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais