Pesquisar no blog

Concurso IBGE: Mais 1,1 milhão de inscritos!

icone calendario 26 jan 2022

Atenção, concurseiros! O concurso IBGE registrou mais de 1,1 milhão de inscritos, de acordo com a assessoria do Instituto.

O período de inscrições foi encerrado no último dia 21 de janeiro e a quantidade de candidatos foi superior ao que o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística esperava, uma vez que a estimativa era de 1 milhão de inscritos.

É importante ressaltar que o edital ofertou vagas para Recenseador, Agente Censitário Municipal e Agente Censitário Supervisor e que, no total, foram 206.891 oportunidades para o nível fundamental e médio.

Os salários oferecidos variam entre R$ 1.700 e R$ 2.100, para as carreiras de Agente Supervisor e Agente Municipal, respectivamente. Vale dizer que esses valores não são acrescidos do auxílio-alimentação, que é de R$ 458.

Os contratados para essas carreiras também terão direito ao auxílio-transporte e ao auxílio pré-escolar, bem como a férias e 13º salário proporcionais.

Por outro lado, os Recenseadores receberão salários proporcionais a produção diária. O cálculo será feito por setor censitário, por unidades recenseadas (domicílios urbanos e/ou rurais), tipo de questionário (básico ou amostra), pessoas recenseadas e registro no controle da coleta de dados.

Todas as vagas são temporárias: o contrato, primeiramente, tem uma duração de cinco meses para os Agentes e de três meses para os Recenseadores. No entanto, é possível estender o prazo dessas contratações.

Confira como serão as avaliações!

Concurso IBGE: Como serão as provas?

O concurso IBGE terá as provas objetivas aplicadas no dia 10 de abril. Os Recenseadores realizarão os testes na parte da manhã, enquanto os Agentes serão avaliados à tarde.

Inicialmente, as avaliações aconteceriam no dia 27 de março, no entanto, com a prorrogação das inscrições, essa data foi adiada. Confira, portanto, como serão as provas para cada um dos cargos.

Agentes

As avaliações serão compostas por 60 questões, que versarão sobre as matérias:

  • Língua Portuguesa (dez);
  • Raciocínio Lógico Quantitativo (dez);
  • Ética no Serviço Público (cinco);
  • Noções de Administração/Situações Gerenciais (15); e
  • Conhecimentos técnicos (20).

Recenseador

As avaliações dos Recenseadores terão 50 questões sobre as matérias:

  • Língua Portuguesa (dez);
  • Ética no Serviço Público (cinco);
  • Matemática (dez); e
  • Conhecimentos técnicos (25).

É importante ressaltar que as avaliações serão realizadas em todas as cidades que ofertarem vagas, em todos os 26 Estados e também no Distrito Federal.

Para aprovação, os Agentes precisarão obter, pelo menos, 18 pontos na prova objetiva e, no mínimo, um acerto em cada uma das disciplinas. Enquanto isso, os Recenseadores precisarão ter, cumulativamente, 15 pontos na prova objetiva e, pelo menos, um acerto em cada disciplina.

Saiba mais sobre o Concurso IBGE: Edital publicado com mais de 206 mil vagas!
Acompanhe nossas

redes sociais