Pesquisar no blog

Concurso IBGE: Confira a nova distribuição das vagas!

icone calendario 30 nov 2021

Atenção concurseiros! Com a banca organizadora do Concurso IBGE  definida, o edital está cada vez mais próximo. Confira a nova distribuição das mais de 200 mil vagas, onde os aprovados participarão do Censo 2022.

Concurso IBGE: como ficou a distribuição das vagas?

O edital do concurso do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística está cada vez mais perto de ser publicado.

São ofertadas 206.891 vagas temporárias, distribuídas entre os cargos de Recenseador, Agente Censitário Supervisor e Municipal.

Assim, o edital ficou sob responsabilidade da banca organizadora Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Além disso, o edital passou por algumas alterações e há uma nova divisão das vagas. Confira como ficou:

  • 183.021 vagas para a função de Recenseador: remuneração por produção, de acordo com o número de domicílios visitados e questionários respondidos.
  • 5.450 vagas para a função de Agente Censitário Municipal: salário de R$ 2.100.
  • 18.420 vagas para a função de Agente Censitário Supervisor: salário de R$ 1.700

Portanto, os salários ofertados variam de R$ 1.700,00 (Agente) a R$ 2.100,00 (Recenseador). Entretanto, eles são somados ao valor de R$ 458 de auxílio-alimentação.

Requisitos básicos para o concurso IBGE

Os concurseiros deverão ficar atentos quanto aos requisitos básicos para a seleção. Ademais, eles são:

  • Ser aprovado no processo seletivo simplificado;
  • Ter a nacionalidade brasileira ou portuguesa e, no caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo Estatuto de Igualdade entre Brasileiros e Portugueses, com reconhecimento do gozo dos direitos políticos, nos termos do § 1º do art. 12 da Constituição Federal e do Tratado de Amizade, Cooperação e Consulta, promulgado no Brasil através do Decreto nº 3.927, de 19 de setembro de 2001;
  • Estar em gozo dos direitos políticos;
  • Quite com as obrigações militares, em caso de candidato do sexo masculino;
  • Quite com as obrigações eleitorais;
  • Ter idade mínima de 18 anos completos na data da contratação;
  • Ter aptidão física e mental para o exercício das atribuições da função;
  • Não estar incompatibilizado com o disposto no art. 6º da Lei nº 8.745/1993, que proíbe a contratação de servidores da Administração direta ou indireta da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios, bem como de empregados ou servidores de suas subsidiárias e controladas. São aplicadas também as restrições à contratação de aposentados previstas no art. 37, § 10 da Constituição Federal/1988, ou seja, não podem ser contratados servidores aposentados de cargos efetivos da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios, incluídas suas autarquias e fundações; membros aposentados das Polícias Militares e Corpos de Bombeiros Militares, membros aposentados das Forças Armadas;
  • Possuir o nível de escolaridade exigido para o exercício da função;
  • Apresentar declaração de próprio punho de que não se encontra na condição de sócio-gerente ou administrador de sociedades privadas. Incluem-se, nesta condição, os Microempreendedores Individuais (MEI);
  • Cumprir as determinações do edital.

Cronograma do concurso IBGE

De acordo com o supervisor de disseminação de informações do IBGE no Piauí, Eyder Mendes, as datas confirmadas para as inscrições e provas objetivas do certame, são:

  • Inscrições: 1 de dezembro a 23 de dezembro de 2021;
  • Prova objetiva 23 de janeiro, para Agente Censitário Municipal e Agente Censitário Supervisor; já para Recenseador a prova objetiva será aplicada no dia 30 de janeiro de 2022;

Além disso, a contratação de Agente Censitário Municipal e Agente Censitário Supervisor deve acontecer no dia 28 de março de 2022. 

Por outro lado, os aprovados para Recenseador devem ser contratados em junho do próximo ano, após a realização de um treinamento que está previsto para maio.

Vale destacar, entretanto, que essas datas são preliminares e ainda podem sofrer alterações.

Como serão as provas do certame?

Realizadas em todo país, as provas objetivas avaliarão os candidatos inscritos no concurso . Assim, levando em consideração o último edital publicado, as disciplinas versarão:

  • Recenseador – 50 questões
    • Língua Portuguesa: 10 questões;
    • Ética no Serviço Público: 05 questões;
    • Matemática: 10 questões;
    • Conhecimentos Técnicos: 25 questões.
  • Agentes – 60 questões
    • Língua Portuguesa: 10 questões;
    • Raciocínio Lógico Quantitativo: 10 questões;
    • Ética no Serviço Público: 05 questões;
    • Noções de Administração/Situações Gerenciais: 15 questões;
    • Conhecimentos Técnicos: 20 questões.
Saiba mais sobre o Concurso IBGE: Publicado edital para Agente Censitário. Exigência nível médio!
Acompanhe nossas

redes sociais