Pesquisar no blog

Concurso INSS: Edital é prioridade no Ministério da Economia!

icone calendario 01 abr 2022

Boas notícias concurseiros! O novo Ministro do Trabalho e Previdência (MTP), José Carlos Oliveira, tomou posse e disse que está otimista pela autorização e realização do concurso INSS . Foram requisitadas 7.575 vagas, mas a autorização deve ser menor!

Estude para o concurso dos seus sonhos com a Assinatura Completa da Nova  . Tenha acesso a Cursos, Plataforma de Questões, Eventos Exclusivos para Assinantes e Muito Mais!

Concurso INSS: edital segue sem previsão, mas deve sair

O novo Ministro do Trabalho e Previdência (MTP), José Carlos Oliveira, tomou posse em solenidade no Palácio do Planalto nesta semana.

Assim, ele mostrou otimista pela autorização e realização do concurso ainda este ano. No entanto, a oferta de vagas seria menor do que a solicitada ao Ministério da Economia.

“Existe um diálogo para que haja concurso público, sim, neste ano. Talvez, não no número que a gente solicitou, de 7,5 mil”, afirmou.

Vale destacar que o novo ministro presidiu o INSS desde novembro de 2021 e pela qual foi servidor de carreira desde 1985.

O antigo ministro do Trabalho e Previdência, Onyx Lorenzoni, havia afirmado que até o dia 22 de março seria informado se o concurso aconteceria ou não em 2022. Entretanto, não foi o que aocnteceu.

Reunião com a Fenasps

Logo após a posse, o ministro recebeu representantes da Federação Nacional dos Sindicatos dos Trabalhadores da Saúde, Trabalho, Previdência e Assistência Social (Fenasps).

Isso porque os servidores estão em greve desde 23 de março, em 23 unidades federativas (22 estados e o Distrito Federal). Com isso, o ministro espera resolver logo a situação e lançar o concurso .

De acordo com a Federação, o novo ministro não indicou uma data para uma reunião com a categoria, que apenas entregou suas reivindicações.

“Não tem uma negociação definida ainda, eles disseram que vão tentar mediar, porque sabem que se o INSS não tiver concurso, em médio prazo, vai dar um locaute total”, disse Moacir Lopes, diretor de Administração e Finanças da Fenasps.

Assim, na última quarta-feira (30), os servidores do INSS completaram uma semana de greve. Entretanto, ainda não há um prazo para o fim da paralisação.

“Ao contrário do compromisso original, firmado após a primeira mobilização da Carreira, o Governo informou que já não atenderia mais todas as reivindicações da categoria e que pontos essenciais como o reajuste salarial e a promoção de concurso público seriam abandonados”, disse a Associação Nacional dos Médicos Peritos da Previdência Social (ANMP) ao anunciar a nova greve.

Pedido é para mais de 7 mil vagas

Ademais, o pedido que está sendo analisado pelo Ministério da Economia é para preenchimento de 7.575 vagas em todo o país.

Entretanto, como disse o novo ministro, o aval pode ser menor. Portanto, confira o que se espera da autorização ainda sem a diminuição:

  • Técnico do Seguro Social – nível médio – R$5.447,78
    • Análise Reconhecimento de Direito RGPS (2.938 vagas)
    • Combate à Fraude (734)
    • Serviço de
      • Apoio ao Reconhecimento de Direito (216)
      • Atendimento de Demandas Judiciais (40)
      • Cobrança Administrativa (34)
    • Análise Reconhecimento de Direito RPPS (46)
    • Recomposição do Quadro de Aposentados até 2023 (1.996)
  • Analista do Seguro Social – nível superior – R$8.357,07
    • Serviço Social (463 vagas)
    • Reabilitação Profissional (702)
    • Recomposição do Quadro de Aposentados até 2023 (406)

assinatura completa
Saiba mais sobre o Concurso INSS: Mais de 23 mil cargos vagos e edital em 2022!
Acompanhe nossas

redes sociais