Concurso MP PB define banca organizadora e edital em maio!

icone calendario 25 abr 2018

Excelente notícia aos concurseiros da Paraíba! Já está definida a empresa que será responsável pela organização do novo concurso público do Ministério Público do Estado da Paraíba (MP PB)!

Segundo anúncio feito no site oficial do órgão, a banca organizadora do certame será a Fundação Carlos Chagas (FCC).

O concurso MP PB irá ofertar 10 vagas para o cargo de Promotor Substituto, com exigência de nível superior em Direito e salário inicial de R$ 24,8 mil!

Previsão do edital

A solicitação do concurso aconteceu no segundo semestre de 2017 e os preparativos foram bem rápidos.

De acordo com MP PB a minuta do edital já está pronta e será discutida com banca nos próximos dias. O objetivo é finalizar o cronograma e as demais regras da seleção.

Com a escolha da banca e o contrato já assinado, a expectativa do órgão é de que o edital seja divulgado nos próximos 30 dias, ou seja, até o final de maio.

Vagas e salários

A oferta será a de 10 vagas para o cargo de Promotor do MP PB. Para concorrer, será necessário possuir diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior em bacharelado em Direito, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC), acrescido de registro na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e, no mínimo, três anos de prática jurídica.

A remuneração inicial é de R$ 28.947,54, composto pelo salário de R$ 24.818,90, mais benefícios como auxílio-moradia de R$ 4.377,73 e auxílio-alimentação de R$ 900,00.

Último Concurso MP PB

O último certame aconteceu em 2011 e contou com 20 vagas. Os candidatos foram avaliados em diferentes etapas.

A primeira foi por meio de uma prova preambular, de caráter eliminatório e classificatório.

Na segunda houve prova escrita, de caráter eliminatório e classificatório, composta de duas etapas, aplicadas em dias distintos e sucessivos. Na primeira, foi pedido aos candidatos a formulação de uma denúncia criminal ou de uma petição inicial de ação civil pública, baseadas em relatório de fatos específicos, e, a segunda, compreendendo a formulação de respostas fundamentadas a até 04 quesitos sobre cada uma das matérias principais do concurso.

Já a terceira etapa teve avaliação oral, de caráter eliminatório e classificatório e a quarta etapa consistiu na prática de tribuna, de caráter meramente classificatório.

Na quinta e última etapa, houve avaliação conclusiva em curso de formação, de caráter classificatório e eliminatório, de acordo com o regulamento aprovado pelo Colégio de Procuradores de Justiça (Resolução CPJ n° 013/2011, do egrégio Colégio de Procuradores de Justiça).

Nova Concursos  tem ajudado há mais de 10 anos quem quer vencer a batalha do concurso público. Se você quer aumentar as suas chances de passar, conheça os nossos materiais, acessando o nosso site!

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais