Pesquisar no blog

Concurso PC BA: Mil excedentes serão convocados no início de 2024. Confira!

Iago Almeida

icone calendario 24 jul 2023

Sanando suas dúvidas, concurseiros! Circulou na internet a informação de um novo concurso PC BA e nós checamos: será convocação de excedentes na última seleção; veja!

Estude para o concurso dos seus sonhos com o Método que já ajudou na aprovação de mais de 70 mil alunos. Clique aqui  e saiba mais!

Vai ter novo concurso PC BA nos próximos meses?

Por enquanto, não há nenhuma confirmação de um novo edital de concurso público para a Polícia Civil do Estado da Bahia .

Assim, a dúvida surgiu recentemente, após uma fala da delegada-geral Heloísa Brito, durante um evento realizado em Carinhanha.

Lá ela comentou sobre a autorização de um concurso, com mais de 1.000 vagas e o chamamento de novos policiais. Mas, trata-se de excedentes da última seleção.

“A fala da Delegada-Geral refere-se ao atual concurso, Edital Saeb Nº 02/2022, que está na fase de exames psicológicos. O concurso teve mil vagas e também contou com a convocação de candidatos do cadastro reserva, que também farão as etapas pré-admissionais”, disse a PC em nota neste dia 24 de julho.

Após os exames psicológicos, os candidato passam por uma investigação social e conduta pessoal. Em seguida, acabam convocados para o Curso de Formação.

Sendo assim, a corporação estima que estes servidores devem começar a atuar no início de 2024, como informou a delegada-geral, Heloísa Brito.

Como foi o último concurso PC BA?

Posteriormente, o concurso da Polícia Civil do Estado da Bahia , publicado em 2022, ofertou um total de mil vagas em cargos da área policial.

Assim, as oportunidades foram para as carreiras de Escrivão, Investigador e Delegado. Todas exigiram o nível superior. Confira os detalhes:

  • Investigador
    • Vagas: 700;
    • Remuneração: R$4.873,18;
    • Requisitos: nível superior em qualquer área e Carteira Nacional de Habilitação na categoria B ou superior.
  • Escrivão
    • Vagas: 150;
    • Remuneração: R$4.873,18
    • Requisitos: nível superior em qualquer área.
  • Delegado
    • Vagas: 150;
    • Remuneração: R$13.032,44;
    • Requisitos: nível superior/ Bacharelado em Direito.

De acordo com a banca, foram registradas 44.133 candidaturas distribuídas da seguinte maneira:

  • Delegado: 11.118 inscritos
  • Escrivão: 5.402 inscritos
  • Investigador: 27.613 inscritos

Quais são as atribuições dos cargos?

Ademais, também é de suma importância que os interessados na nova seleção saibam quais funções deverão ser desempenhadas pelos contratados pela corporação. Sendo assim, as atribuições dos cargos são as seguintes:

Delegado

Instaurar e presidir inquéritos policiais, formalizar o termo circunstanciado de ocorrência e outros procedimentos legais, instrumentos e atos oficiais, no âmbito de sua competência; exercer as atribuições previstas na legislação processual penal da competência da autoridade policial; planejar, dirigir, supervisionar e fiscalizar as atividades de investigação dos servidores policiais civis; planejar, dirigir, supervisionar, fiscalizar e avaliar as atividades operacionais e administrativas do órgão ou unidade policial sob sua direção; no curso de procedimentos, compete-lhe: expedir ordens de serviço, intimações e requisitar condução coercitiva, em caso de descumprimento injustificado; comparecer ao local de crime e requisitar a realização de exames periciais necessários para o esclarecimento do fato; representar pela instauração de incidente de sanidade mental do indiciado; representar à autoridade judiciária pela decretação de medidas cautelares, reais ou pessoais, ou ainda, quaisquer modalidades de prisões provisórias e pela concessão de mandados de busca e apreensão; entre outros.

Investigador

Proceder à investigação criminal e ao exercício de Polícia Judiciária, exceto quando relacionadas à matéria sob jurisdição militar; participar do planejamento, coordenação, supervisão e fiscalização das atividades operacionais e administrativas do setor sob sua direção; participar de levantamento de local de crime e interagir na execução de atividade investigativa; zelar pela incolumidade de preso; cumprir diligências, mandados e outras determinações de autoridades policiais e/ou judiciárias competentes, sendo responsável pela produção de dados, informações e conhecimentos; participar de estudos, projetos e pesquisas de natureza técnica ou especializada sobre ciências criminais, inteligência policial e estatísticas de crimes; efetuar prisões e busca pessoal, para fins de apuração de infração penal; participar de programas e operações de prevenção, repressão, controle da criminalidade, reconstituição e de ações de inteligência policial; entre outros.

Escrivão

Lavrar os atos de inquéritos policiais, termos circunstanciados de ocorrência e outros procedimentos legais, contribuindo na gestão de dados, informações e conhecimentos; expedir, mediante requerimento de interessado e despacho da autoridade policial, certidões e translados; zelar pela guarda de papéis, documentos, procedimentos, armas e munições sob sua responsabilidade e de objetos e instrumentos apreendidos vinculados aos inquéritos policiais, termos circunstanciados e outros procedimentos legais; ter a guarda e responsabilidade, mantendo atualizada a escrituração em livros e/ou banco de dados; emitir guia de recolhimento, quando legalmente autorizado e determinado por autoridade policial; preencher planilhas de controle de inquéritos, processos e boletins; acompanhar a autoridade policial, quando necessário ao exercício funcional; prestar assessoramento especializado e superior no âmbito da estrutura da Polícia Civil do Estado da Bahia; expedir guias para exames periciais; escrever, subscrever e lavrar atos e termos e demais peças de procedimentos penais ou administrativos.

Saiba mais sobre o Concurso Polícia Civil BA: Com 712 nomeados, novo edital é solicitado!

Notícias relacionadas

Acompanhe nossas

redes sociais