Compartilhar:

Concurso PC RJ: Falta de peritos acarreta 25 mil laudos parados!

Redator da Nova Concursos

icone calendario 29 ago 2019

Enquanto o concurso PC RJ (Polícia Civil do Rio de Janeiro) não é realizado, o estado tem cerca de 25 mil laudos parados por falta de Peritos.

⇒ Confira todas as informações na página do concurso!

Falta do concurso PC RJ tem causado transtornos

Segundo informações do Sindperj (Sindicato dos Peritos Oficiais), o Estado do Rio de Janeiro tem cerca de 25.000 laudos parados por falta de Peritos. De acordo com a categoria, esse quantitativo prejudica a solução de homicídios, latrocínios e roubos.

Na opinião dos peritos, o transtorno é reflexo de um problema estrutural na corporação. Faltam profissionais, equipamentos e insumos. No cenário atual, a Polícia Civil do Rio de Janeiro conta com 650 peritos criminais e legistas.

Porém, o ideal para o sindicato seriam 1.100 agentes nas funções, como previsto na Lei 3.586/01. Para reverter a situação, o governador do estado autorizou um novo concurso com 160 vagas para o cargo de Perito, mas esse quantitativo ainda está abaixo do necessário.

De acordo com o levantamento do ISP (Instituto de Segurança Pública), nos meses de janeiro a julho de 2019, foram registradas em torno de 470.000 ocorrências de crimes. Desse total, 2.932 pessoas foram assassinadas e 1.075 vítimas de confrontos com a polícia.

Nova-PCRJ

Foi reconhecido pela Secretaria de Polícia Civil do Rio de Janeiro, que parte dessas ocorrências não tem investigação concluída. Mediante essa situação, para que todos os casos fossem finalizados, um profissional teria que produzir o equivalente a 40 laudos por mês.

A pasta informou que até o final de dezembro de 2018, o Departamento Geral de Polícia Técnico-Científica (DGPTC) possuía 38.455 laudos em atraso. Esse número diminuiu em cerca de 31% passando para 26.587 no mês de junho deste ano, após adoção de política de produtividade.

Investigações estão comprometidas por falta de Peritos

No dia 7 de junho, uma audiência na Alerj (Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro) teve como tema “Perícia Forte: mais investigação, mais segurança”.

O presidente da Comissão pelo Cumprimento de Leis, o deputado Carlos Minc (PSB), afirmou que a falta de peritos e laudos em atraso comprometem o índice de resolução das investigações criminais.

Para desafogar o trabalho da categoria, a Aperj (Associação dos Peritos Oficiais do Estado do Rio de Janeiro) propõe que seja criada a “Cidade da Perícia”, no terreno que hoje funciona o Instituto Médico-Legal. Esse local seria para reunir análises criminais e legistas.

Foi reconhecido pela vice-presidente da Aperj, Denise Rivera, que a perícia está sucateada há décadas. “Teríamos em um mesmo espaço os institutos de Criminalística Carlos Éboli (ICCE), de Pesquisa e Perícias em Genética Forense e o Médico-Legal. É uma proposta para ganhar tempo, agilizar o trabalho dos peritos”, relatou Denise.

» Prepare-se para o concurso PC RJ + BÔNUS (GRÁTIS) «

Saiba mais sobre o Concurso PC RJ - Polícia Civil do Rio de Janeiro: Editais até dezembro!

Ganhe 5% de desconto na primeira compra!

Acompanhe nossas

redes sociais