Concurso PMERJ: Governador anuncia edital com 2 mil vagas para Soldado!

Redator da Nova Concursos

icone calendario 02 dez 2019

Foi confirmado pelo governador do Rio de Janeiro, que o novo edital do concurso PMERJ (Polícia Militar do Rio de Janeiro ) deverá ser divulgado em 2020, ofertando 2 mil vagas.

⇒ Confira todas as informações na página do concurso!

Edital do concurso PMERJ

O governador do Estado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, confirmou a realização de um novo concurso PMERJ no ano de 2020, para o cargo de Soldado. Segundo Witzel, o edital deve ser divulgado no início do ano com oferta de 2.000 vagas.

O anúncio foi feito no dia 29 de novembro, no lançamento do programa “Segurança Presente” na Barra da Tijuca, Zona Oeste da capital.

Em seu discurso, o governador esclareceu que o novo edital já teve o aval do subsecretário geral da Polícia Militar, coronel Márcio Basílio.

“O coronel Basílio já me adiantou que não só serão chamados (remanescentes do concurso de 2014) para prestar o serviço, como também lançaremos o edital no ano que vem para mais 2 mil novos policiais. É o nosso compromisso de recompor a Polícia Militar”, salientou o governador.

A gestão do Estado já vinha apontando a realização de um novo concurso para o cargo de Soldado da PMERJ. Isso porque, Witzel anunciou que 8.000 novos PMs serão contratados até o ano de 2021.

Como o último concurso para Soldados, realizado em 2014, não teve esse quantitativo total de aprovados, o governo teria que abrir um novo concurso PMERJ para atingir a meta. Isto é, recompor o efetivo da corporação e reforçar o patrulhamento ostensivo das ruas.

Nova-PMERJ

Durante o lançamento do “Barra Presente”, Wilson Witzel, também confirmou que todos os candidatos aprovados no concurso PMERJ de 2014, com contratações pendentes, serão chamados no próximo ano. Além disso, os novos policiais irão receber o treinamento adequado para realizar a função.

“Nós não podemos ser irresponsáveis de dar uma formação de três, quatro meses. A formação tem que ser séria. O trabalho que se exerce na rua exige muita dedicação e capacidade para que não percamos vidas”, informou o governador Witzel.

O cargo de Soldado da PMERJ, tem exigência que o candidato possua nível médio completo, idade mínima de 18 anos e máxima de 30 anos e Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Durante o curso de formação, as remunerações são de R$ 2.213,62. Após a formatura, o valor passa a ser de R$ 3.452,55.

Convocação de remanescentes é positiva para novo concurso PMERJ

A chamada de candidatos aprovados no concurso de 2014, é favorável para a realização do novo concurso PMERJ destinado para Soldado. Uma vez que o governo do Rio de Janeiro e a Polícia Militar, já adiantaram que o próximo edital só será publicado após a convocação de todos os remanescentes.

Em nota, a PMERJ contatou que aguarda a convocação de todos os aprovados para o início de um novo processo. Por outro lado, o porta-voz da corporação, coronel Mauro Fliess, assegurou que os estudos de um novo concurso para Soldado já foram iniciados.

No dia 18 de junho, Fliess recomendou que os interessados continuem estudando, pois um novo edital se aproxima.

“Temos um efetivo do concurso PMERJ 2014 que ainda será chamado. Para atender a capacidade operacional e da nossa formação, estamos realizando algumas obras no nosso Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças. Então, logo que as obras forem concluídas e a capacidade de receber esses candidatos esteja plena, com a autorização do governador, iremos elaborar um novo concurso”, informou Mauro Fliess.

Já o secretário da Polícia Militar, Coronel Figueredo, salientou que a recomposição do efetivo é uma das metas do governo estadual.

» Prepare-se para o concurso PMERJ + BÔNUS (GRÁTIS) «

Saiba mais sobre o Concurso PMERJ: Novo edital poderá ofertar 2.000 vagas para o cargo de Soldado!

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais