Concurso Polícia Penal SP: Etapas de seleção e disciplinas. Confira o projeto básico!

Iago Almeida

icone calendario 10 jul 2023

O edital do concurso Polícia Penal SP  está cada vez mais perto. A banca está contratada e serão 1.100 vagas de nível médio. Veja detalhes do projeto básico e comece os estudos!

Estude para o concurso dos seus sonhos com o Método que já ajudou na aprovação de mais de 70 mil alunos. Clique aqui  e saiba mais!

Concurso Polícia Penal SP: quando sai o edital?

Assim, a Polícia Penal de São Paulo  está terminando os trâmites do próximo edital de concurso público, que deve sair ainda julho.

Isso porque o edital é iminente, uma vez que a Fundação Getúlio Vargas (FGV) foi contratada como banca do concurso no dia 29 de junho.

Sendo assim, caso sejam contados 15 dias corrido, o edital sai até dia 14 de julho, mas se contarmos 15 dias úteis, ele sai até dia 20 de julho.

Certo é que sua publicação está se aproximando. Por isso é importante saber os detalhes da seleção e intensificar os estudos!

Durante a audiência na Assembleia Legislativa, Streifinger ainda reconheceu o déficit funcional na SAP SP, afirmando que a proposta é realizar concursos regulares.

“Estamos com uma escola de 450 agentes em formação, teremos concurso, já em vias de ser publicado o edital, para mais 1.100. E a ideia é que, nos próximos três anos, façamos concursos proporcionais à capacidade da nossa escola de Administração Penitenciária. Um concurso a cada exercício para, aos poucos, ir repondo aqueles que saem e também aumentando em relação ao volume efetivo de profissionais”, disse ele.

Projeto básico releva informações importantes do concurso Polícia Penal SP

Sendo assim, o projeto básico do concurso da Polícia Penal de São Paulo já está divulgado e revelou detalhes importantes da seleção.

Confira o projeto básico, na íntegra, clicando aqui!

Vagas e cargos

Levando em consideração a autorização e o projeto básico, o concurso da Polícia Penal de São Paulo  terá a oferta de 1.100 vagas.

Assim, de acordo com a divisão, 50 vagas são para mulheres e 1.050 para homens. Entretanto, ainda haverá cotas e os aprovados poderão ter porte de arma.

Ademais, a estimativa é que 70 mil pessoas se inscrevam na seleção. Lembrando que no último concurso, realizado em 2017, foram mais de 77 mil inscritos.

Requisitos

Lembrando que para concorrer ao cargo de Agente de Segurança Penitenciária (Policial Penal), é preciso ensino médio como escolaridade.

Além disso, também é cobrada quitação com a justiça eleitoral, não possuir antecedentes criminais e, na data da posse, ter 18 anos completos.

Vale destacar que, como costume em outros concursos, não há limite de altura ou exigência de Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Salários

Ademais, o salário inicial será de R$3.515,72 e os agentes também terão um adicional de insalubridade de R$785,67, totalizando R$4.301,39. 

Além disso, os contratados têm um auxílio-transporte, cujo valor depende da região que é lotado, e o auxílio-alimentação de R$12 por dia trabalhado,

É possível que o novo edital venha com o reajuste salarial de 6% proposto pelo Projeto de Lei 102/2023. Isso porque a Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo já aprovou o PL,  que caminha em regime de urgência, restando apenas a sanção do governador.

Se a proposta for sancionada, o salário inicial vai passar para R$ 4.512,33. Esse valor é composto pelo salário base + retp (regime especial por trabalho policial) + 785,67 de adicional de insalubridade.

Etapas de avaliação

Também já se sabe que os concurseiros inscritos na seleção serão avaliados por meio de até quatro etapas. Portanto, veja quais:

  • prova objetiva;
  • prova de condicionamento físico;
  • prova de aptidão psicológica;
  • comprovação de idoneidade e conduta ilibada na vida pública e privada. 

Posteriormente, a prova objetiva vai contar com questões de Língua Portuguesa, Matemática e Conhecimentos Gerais.

  • 20 questões de Língua Portuguesa;
  • 15 questões de Matemática; e
  • 15 questões de Conhecimentos Gerais. 

Ademais, a aplicação das provas ocorrerá nas cidades de Bauru, Campinas, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, São José do Rio Preto, São Paulo, Sorocaba e Taubaté. 

“O candidato será nomeado para unidade que for conveniente no momento para a Administração. Ele pode ir para qualquer unidade do estado de São Paulo. A definição da lotação ocorre antes da nomeação”, esclareceu Daniela Marinho. 

Como foi o último edital para Agente Penitenciário?

Análise do concurso Polícia Penal SP: intensifique seus estudos!

Se você chegou até aqui, demonstrando interesse pelo concurso Polícia Penal de São Paulo, é porque você anseia por uma vaga e com certeza irá conseguir conseguir a APROVAÇÃO! 💪🏼

Mas para isso é preciso uma preparação de qualidade, direta ao ponto.

E quando se fala em material focado, preparado por professores experientes, nós somos a referência. Mais de 70 mil alunos já foram aprovados com a metodologia Nova.

E aí, vai querer de fora?

Venha conhecer um pouquinho quem são os nosso professores! 👇🏻

Saiba mais sobre o Concurso Polícia Penal SP: PEC que cria carreira é aprovada na Alesp!

Notícias relacionadas

Acompanhe nossas

redes sociais