Concurso SEE MG 2023: Saiu o edital com quase 20 mil vagas!

icone calendario 01 jun 2023

Boa notícia pra quem quer ser Professor em Minas Gerais! Foi publicado o edital do concurso SEE MG 2023 para o preenchimento de 19.878 vagas, com salários iniciais de até R$ 5,8 mil!

Não vai perder essa oportunidade né? Fica comigo que eu te conto todos os detalhes do concurso! 😎

Resumo do edital

  • Vagas: 19.878
  • Cargo: Diversos
  • Escolaridade: Nível Médio e Superior
  • Banca: FGV
  • Salário: entre R$ 1.623,94 e R$ 5.876,21
  • Período de inscrições: 31/07/2023 até 29/08/2021
  • Taxa: entre R$ 38,00 e R$ 43,00
  • Prova:
    • 22/10 – Professor Educação Básica, Especialista e Analista Educacional (Inspetor)
    • 29/10 – Técnicos, Assistentes, Analista Educacional e Analista da Educação Básica
  • Edital

Estude para o concurso dos seus sonhos com o Método que já ajudou na aprovação de mais de 70 mil alunosClique aqui  e saiba mais!

Como fazer a inscrição no concurso SEE MG 2023?

Aqueles que desejam ingressar na Secretária de Educação de Minas Gerais, devem realizar suas inscrições no site da FGV (Fundação Getúlio Vargas), banca organizadora, entre os dias 31 de julho e 29 de agosto de 2023.

No ato de inscrição, será necessário selecionar a opção de carreira, cargo, área de atuação e SRE ou Unidade Central desejada.

Lembrando que é possível se candidatar em mais de um cargo, desde que não haja coincidência nos dias e turnos de aplicação das provas.

Também será preciso efetuar o pagamento da taxa de inscrição para que a candidatura seja homologada. Veja os valores:

  • Nível Médio: R$ 38,00
  • Nível Superior: R$ 43,00

Vagas, cargos e salários

São ofertadas 19.878 vagas efetivas de nível médio e superior, distribuídas entre as seguintes carreiras:

Nível Superior

  • Professor de Educação Básica (PEB): 13.121 vagas
    • Arte
    • Biologia/Ciências
    • Educação Física
    • Ensino Religioso
    • Filosofia
    • Física
    • Geografia
    • História
    • Língua Inglesa
    • Língua Portuguesa
    • Matemática
    • Química
    • Sociologia
    • Professor de Educação Básica para atuar na Educação Especial

  • Especialista em Educação Básica (EEB): 1.656 vagas
    • Supervisor Pedagógico / Orientador Educacional

  • Analista de Educação Básica (AEB): 552 vagas
    • Analista de Educação Básica – Psicólogo – para atuar nos Núcleos de Acolhimento Educacional – NAE
    • Analista de Educação Básica – Psicólogo – para atuar nos Centros de Referência em Educação Inclusiva – CREI
    • Analista de Educação Básica – Assistente Social – para atuar nos Núcleos de Acolhimento Educacional – NAE
    • Analista de Educação Básica – Terapeuta Ocupacional – para atuar nos Centros de Referência em Educação Inclusiva – CREI

Nível Técnico | Médio

Os aprovados serão lotados nas seguintes unidades:

Além disso, ingressarão no cargo com os seguintes salários iniciais:

  • Professor de Educação Básica (PEB): R$ 2.350,49
  • Especialista em Educação Básica (EEB): R$ 2.350,49
  • Analista Educacional (ANE): R$ 3.917,48
  • Analista Educacional – Inspetor Escolar: R$ 5.876,21
  • Analista de Educação Básica (AEB): R$ 2.938,11
  • Técnico da Educação (TDE): R$ 2.165,25
  • Assistente Técnico de Educação Básica (ATB): R$ 1.623,94.

Quais são os requisitos exigidos?

Confira os requisitos básicos necessários para o ingresso nos cargos:

  • Ser brasileiro nato ou naturalizado ou cidadão português em condição de igualdade de direitos com os brasileiros; no caso de ser português, comprovar a condição de igualdade e gozo dos direitos políticos, na forma do art. 12, § 1º da Constituição da República;
  • Gozar dos direitos políticos;
  • Estar quite com as obrigações eleitorais;
  • Estar quite com as obrigações do Serviço Militar, quando se tratar de candidato do sexo masculino;
  • Ter 18 anos completos até a data de posse;
  • Ter aptidão física e mental para o exercício das atribuições do cargo, a ser aferida em perícia médica oficial, realizada por unidade pericial competente, nos termos da legislação vigente;
  • Não ter sido demitido, a bem do serviço público, nos últimos 5 (cinco) anos, nos termos do Parágrafo Único do art. 259, da Lei Estadual nº 869/1952;
  • Escolaridade mínima exigida para o cargo/área de atuação.

Como serão as provas do concurso SEE MG 2023?

A seleção dos candidatos será realizada mediante a aplicação de três etapas, são elas:

  • Prova objetiva (comum para todos os cargos);
  • Prova de redação (comum para todos os cargos);
  • Avaliação de títulos (somente para os cargos de nível superior).

A prova objetiva será aplicada em turnos e dias distintos. Veja:

22/10/2023

  • 8h às 12h: Professor de Educação Básica
  • 15h às 19h: Especialista e Analista Educacional – Inspetor

29/10/2023

  • 14h às 18h: Técnico, Assistente, Analista Educacional e Analista da Educação Básica

Além disso, consistirá em 50 questões de múltipla escolha, com quatro alternativas cada e apenas uma resposta correta, acerca das seguintes disciplinas:

  • Língua Portuguesa: 10 questões
  • Raciocínio Lógico Matemático: 5 questões
  • Direitos Humanos: 5 questões
  • Legislação Educacional: 10 questões
  • Conhecimentos Específicos: 20 questões

Acesse aqui todos os nossos materiais para o concurso SEE MG

Será considerado aprovado o candidato que obtiver no mínimo 60% de aproveitamento do total de pontos da prova e acertar no mínimo, uma questão de cada disciplina.

Por outro lado, a prova discursiva consistirá na elaboração de texto dissertativo-argumentativo sobre tema inédito e atual, com extensão mínima de 15 e máxima de 30 linhas.

Por fim, os aprovados terão seus títulos analisados. Veja os critérios de pontuação:

Os demais detalhes da seleção, como número de vagas por cidade, atribuições e conteúdo programático você pode conferir no edital. Para acessar, basta clicar aqui! 💚

Para mais dicas, dá o play no vídeo do professor Heitor Ferreira com a análise completa do edital!

Saiba mais sobre o Concurso SEE MG: Comissão formada. Vagas de nível médio e superior!

Materiais Relacionados

Notícias relacionadas

Acompanhe nossas

redes sociais