Concurso TJMG: Processo de escolha da banca | Nova Concursos

Concurso TJMG: Processo de escolha da banca iniciado!

icone calendario 28 Maio 2021

O concurso TJ MG pode ter banca definida em breve. Isso porque, a Escola Judicial Edésio Fernandes (EJEF) toma providências para abertura de processo licitatório para contratação da banca.

No mês de março, foram constituídas as comissões organizadoras da seleção. Os membros serão responsáveis pelos preparativos internos, como a elaboração do edital e contratação da banca organizadora.

Novidades sobre o concurso TJ MG

Atenção concurseiros! O Tribunal de Justiça de Minas Geraiscontinuidade aos preparativos do novo concurso TJ MG para área de apoio e magistratura.

A Escola Judicial Edésio Fernandes (EJEF) toma providências para solicitação de abertura de processo licitatório para contratação da banca organizadora.

De acordo com a Assessoria de Imprensa do Tribuanl, a licitação será realizada pela Diretoria Executiva da Gestão de Bens, Serviços e Patrimônio (Dirsep). 

Logo após a contratação da banca, o tribunal poderá estabelecer o cronograma da seleção. A estimativa é que os editais possam ser divulgados ainda em 2021. No entanto, a definição das datas depende do cenário da pandemia da Covid-19.

Isso porque a situação sanitária afeta diretamente na aplicação das provas e na conclusão do processo seletivo.

“Espera-se que os editais possam ser publicados ainda este ano, mas dependerá do cenário da pandemia de COVID-19 que impacta na aplicação das provas dos concursos”, consta em nota enviada pelo tribunal.

O concurso TJ MG será para ingresso de Juízes Substitutos e servidores da área de apoio (nos cargos de Oficial e Analista judiciário). De acordo com o tribunal, o número de vagas ainda está em estudo e constará nos editais a serem publicados.

Além disso, vale ressaltar que as comissões organizadoras do processo seletivo já foram formadas. Os membros serão responsáveis pelos preparativos internos, como a elaboração do edital e contratação da banca organizadora.

A instituição contratada deverá receber as inscrições do concurso e aplicar as etapas, como provas objetivas. 

Requisitos e remunerações do concurso TJ MG

Os processos para abertura da seleção foram iniciados em janeiro, quando o presidente do TJ de Minas Gerais, desembargador Gilson Soares Lemes, deliberou sobre a realização de dois novos concursos: um para Juízes Substitutos e outro para Área de Apoio.

Veja a seguir os requisitos e as remunerações iniciais de cada cargo do concurso TJ MG:

  • Oficial judiciário: nível médio completo. Salário inicial de R$2.986,57;
  • Analista judiciário: nível superior completo em áreas descritas no edital. Salário inicial de R$4.677,09;
  • Juiz substituto: Bacharelado em Direito e três anos completos de atividade jurídica. Salário inicial de R$30.404,42.

No entanto, a partir das progressões na carreira, os valores podem ser ainda maiores. Essas quantias são referentes aos vencimentos básicos e estão disponíveis para consulta pelo Portal da Transparência do tribunal.

Além disso, os servidores do Tribunal de Justiça de Minas Gerais também têm contam com benefícios como: auxílio-alimentação de R$ 1.100; auxílio-transporte de R$ 150.

O órgão ainda oferece um auxílio saúde de R$ 200 para servidores de até 40 anos; R$ 250 para profissionais de 41 a 50 anos; e R$ 300 para funcionários a partir de 51 anos.

Sendo assim, um aprovado no concurso TJ MG receberia R$ 4.236,57 para Oficial Judiciário (nível médio) e R$ 5.917,09 para Analista Judiciário (nível superior).

Saiba mais sobre o Concurso TJMG: Comissão organizadora definida!

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais