Concursos Policiais: Moro pode aumentar efetivo da PF e PRF!

icone calendario 28 nov 2018

Atenção concurseiros que aguardam oportunidades na área da segurança pública! Cresce a expectativa em torno das mudanças anunciadas pelo novo presidente eleito, Jair Bolsonaro, que pretende reorganizar dos Ministérios da Justiça e da Segurança Pública tornando-se uma única Pasta.

⇒ Saiu o edital do concurso PRF 2018! Confira todos os detalhes!

Bolsonaro nomeou a fusão de “Superministério” da Justiça e indicou o juiz federal Sergio Moro para assumir a Pasta.

Após aceitar o convite, durante sua primeira entrevista coletiva, Moro afirmou que seus principais desafios serão o combate à corrupção e crime organizado.

Previsão de novos concursos

Os novos planos são benéficos aos concurseiros, uma vez que as mudanças podem reforçar o efetivo da Polícia Federal (PF) e Polícia Rodoviária Federal (PRF), corporações bastante visadas devido às excelentes carreiras, salários e benefícios.

Sem mencionar que atualmente a Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal passam por graves déficits funcionais, comprometendo o desempenho de ambas.

Concursos PF e PRF

No início de 2018, a PF e a PRF receberam autorização para criação de 500 novas vagas.

O concurso da Polícia Federal (PF) 2018 teve o edital publicado no primeiro semestre e ainda está em andamento. Saiba mais aqui !

Já o concurso da Polícia Rodoviária Federal (PRF) 2018 segue em fase de elaboração do cronograma. O documento estava previsto para os dias 05 e 06 de novembro, porém, acabou não acontecendo. O motivo do atraso da publicação do edital da PRF é a falta de definição de um cronograma específico com as datas de todas as etapas do concurso, pois, fora esse detalhe, não há nenhum outro entrave para a publicação. A liberação do edital é iminente.

Déficit das corporações

O quantitativo liberado (500 vagas) não é suficiente para cobrir o déficit das corporações.

Segundo Rogério Galloro, diretor geral da Polícia Federal do Brasil, para prestação de um serviço em consonância com o número de brasileiros, seriam necessários ao menos 14 mil servidores na PF, número de hoje é de aproximadamente 11 mil.

Na Polícia Rodoviária Federal a situação não é diferente. Mesmo com déficit semelhante ao da PF, e mesma quantidade de vagas autorizadas, o preenchimentos de cargos vagos na PRF vai demorar mais um tempo.

De acordo com o diretor-geral da PRF, Renato Dias, além do déficit de 3 mil servidores, é necessário, ainda, lidar com o alto número de aposentadorias, aproximadamente 2.500 até o final do ano.

Desta forma, uma das possibilidades para amenizar a vacância de postos é convocar os excedentes de ambos.

Nova Concursos  tem ajudado há mais de 10 anos quem quer vencer a batalha do concurso público. Se você quer aumentar as suas chances de passar, conheça os nossos materiais, acessando o nosso site!

 

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais