Qual foi a nota de corte do último concurso PF? | Nova Concursos

Qual foi a nota de corte do último concurso PF?

icone calendario 17 Maio 2021

Em meio à polêmica que envolve as provas objetivas do concurso PRF, a realização dos exames do concurso PF  segue confirmada para o dia 23 de maio de 2021. E uma boa forma de analisar o nível exigido nas provas objetivas é saber a nota de corte do último concurso.

Concurso PF: nota de corte do último concurso

Com a organização do Cebraspe, o último concurso da Polícia Federal contou com diversas etapas de seleção. As primeiras foram as provas objetivas e discursivas. Mas, você sabe a nota de corte das avaliações? Confira abaixo.

Agente

O certame ofereceu 135 oportunidades em ampla concorrência para o cargo de Agente. Entretanto, a nota de corte foi calculada em cima da quantidade de candidatos chamados para as próximas etapas.

A próxima etapa era o Exame de Aptidão Física, onde seriam chamados Agentes até o 540º colocado aprovado na etapa objetiva e discursiva.

Sendo assim, a nota de corte correspondeu a 56,6% de aproveitamento – 68 pontos, uma vez que a avaliação tinha um valor total de 120 pontos.

Escrivão

Por outro lado, entre os inscritos no cargo de Escrivão, seriam convocados os aprovados na etapa objetiva e discursiva até a 240ª colocação. Foram ofertadas 60 oportunidades imediatas também para ampla concorrência.

Sendo assim, a nota de corte correspondeu a 40,8% de aproveitamento – 49 pontos, para a avaliação que teve valor total de 120 pontos.

Papiloscopista

Com a oferta de 22 vagas imediatas e de ampla concorrência para o cargo de Papiloscopista, seriam corrigidas 88 redações na etapa discursiva. A prova objetiva valia 120 pontos e a discursiva 13 pontos.

Assim, quem tirou 56,4 pontos, ou seja, aproveitamento de 42%, pôde se classificar para a próxima etapa.

Resumo notas de corte

Resumindo os detalhes apontados acima, mostramos que as notas de corte na etapa objetiva para passar para as próximas etapas são:

  • Escrivão: 40,8% de aproveitamento (49 pontos)
  • Agente: 56,6% de aproveitamento (68 pontos)
  • Papiloscopista: 42% de aproveitamento (56,4 pontos)

Importante ressaltar que para o cálculo foi desconsiderado o valor da prova discursiva. As provas objetivas e discursivas somavam 133 pontos (120 objetiva + 13 na discursiva).

Concurso PF: provas serão mantidas?

Um pedido de suspensão, elaborado pelo advogado José Moura, foi enviado para análise da Justiça Federal do DF (TRF 1) por meio de ação civil pública.

Ele usou a suspensão das provas da PRF como exemplo, afirmando que diversos candidatos relataram o desrespeito às normas sanitárias e aglomerações antes e depois da aplicação, que aconteceu no último dia 9 de maio.

Além disso, os defensores nacionais dos direitos humanos da Defensoria Pública da União (DPU) ainda analisam a possibilidade de solicitarem a suspensão das provas à justiça federal. O que aumentaria a pressão pelo cancelamento.

Por outro lado, o presidente da Federação Nacional dos Policiais Federal (Fenapef), afirmou que a PF resolveu montar uma “operação de guerra” contra liminares e tentar manter o calendário.

Ao todo, 321.014 candidatos se inscreveram no certame e vão disputar uma das 1.500 imediatas nos cargos de Agente, Escrivão, Papiloscopista e Delegado. Haverá ainda outras 500 vagas excedentes.

Saiba mais sobre o Concurso Polícia Federal: 557 vagas para área Administrativa!

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais