Qual a idade máxima para ser Policial Penal MG? | Nova Concursos

Qual a idade máxima para ser Policial Penal MG?

icone calendario 30 abr 2021

O concurso Polícia Penal MG está previsto para acontecer ainda em 2021. Serão 2.420 vagas anunciadas no concurso. O ex-secretário de Justiça e Segurança Pública, general Mário Araújo já tinha feito uma declaração no ano passado afirmando concursos para esse ano, entre eles o da Polícia Penal.

“Continuamos planejando concursos para o ano 2021, pois é de grande interesse da população.” disse o secretário.

Além disso, na última terça-feira (27) surgiram boatos em relação o edital de remoção interna relacionado ao concurso da Polícia Penal MG.

Entretanto, a Assessoria de Comunicação da Sejusp MG (Secretaria do Estado de Justiça e Segurança Pública de Minas Gerais ) deu uma declaração dizendo que a informação não procede e nenhum documento foi publicado.

Ademais, o novo secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, Rogério Greco, fez declarações sobre o novo concurso, ainda há a previsão de realizar três certames neste ano.

“Estamos agilizando ao máximo para que ocorra os certames. É de muito interesse da Administração Pública.” afirmou Greco.

Existe uma idade máxima para ser Policial Penal?

Até agora, não há uma idade máxima definida para ser Policial Penal, isso porque não é considerada uma carreira militar.

Apesar disso, há muitas controvérsias quanto a valorização da carreira, visto que os Policiais Penais lutam na justiça para ter esse direito.

O objetivo, inicialmente, é conseguir os mesmos direitos e benefícios que um Policial, como salário e poder de investigação.

O Policial Penal é conhecido por Agente/Inspetor Penitenciário/Carcereiro. É responsável pelas apreensões de drogas e celulares, revistas pessoais nos internos, familiares e visitantes, revista em veículos que adentram as unidades prisionais e controle de rebeliões, além de ronda externa na área do perímetro de segurança ao redor da unidade prisional.

São mais de 100 mil profissionais nessa carreira no Brasil. Ademais, os requisitos para ser Polícia Penal MG são os seguintes:

  • Ser brasileiro nato ou naturalizado;
  • Ensino médio ou curso profissionalizante de ensino médio;
  • Mínimo de 18 anos completos na data de posse;
  • Estar em gozo dos direitos políticos;
  • Estar em dia com as obrigações militares;
  • Idoneidade e conduta ilibada;
  • Aptidão física e mental.

O candidato ao concurso ainda precisa ser considerado apto mediante laudo médico. Entretanto, apesar de não existir limite máximo para atuar na carreira, há um limite constitucional de aposentadoria compulsória aos 75 anos.

Quais são as vagas para o concurso Polícia Penal MG

Conforme informa o Sejusp MG, o concurso distribuído em diversas áreas, divulgou 2.711 vagas.

É importante ressaltar que os cargos são para diferentes áreas, mas a Polícia Penal que antes era Agepen, passa a fazer parte da repartição da Sejusp MG. Veja outras vagas divulgadas além do concurso Polícia Penal MG:

  • Polícia Penal: 2.420 vagas
  • Agente de Segurança Socioeducativo: 80 vagas
  • Auxiliar Educacional do Socioeducativo: 211 vagas.

O último levantamento feito pelo Departamento Penitenciário, alega que são 2.200 colaboradores contratados que não são do quadro de efetivos.

Isso porque o último certame realizado em 2018, divulgou 4000 oportunidades temporárias, além de formação de cadastro reserva.

A remuneração continua de R$ 4.098,45 e a jornada de trabalho é de 40 horas semanais, com dedicação exclusiva, sendo válido regime de plantão, incluindo período noturno, sábados, domingo e feriados.

Etapas do concurso Polícia Penal MG

Os candidatos do último concurso realizado, passaram por 4 etapas sendo: Prova objetiva e Análise de Títulos (1ª etapa), Avaliação Psicológica (2ª etapa), Investigação Social (3ª etapa) e Curso Introdutório (4ª etapa).

O último concurso teve prazo de validade de 1 ano, a contar da data de homologação, podendo ter sido prorrogado por mais um ano, conforme vontade da Administração.

Prova objetiva do concurso

As provas objetivas dos candidatos contaram com 50 questões e foi uma avaliação de múltipla escolha com duração de 4 horas.

As disciplinas cobradas em geral foram:

  • Língua Portuguesa;
  • Direitos Humanos;
  • Código de Ética e Estatuto do Servidor; Público do Estado de Minas Gerais;
  • Conhecimentos Específicos.

Avaliação de Títulos Polícia Penal MG

A avaliação de títulos, de caráter classificatório ocorreu para os aprovados na prova objetiva.

O exame contou o tempo de serviço prestado na função pública, o tempo de serviço prestado na função de Agente de Segurança Socioeducativo ou Penitenciário. Além disso cursos complementares também contavam.

Os cursos complementares foram: Curso de Formação nas Forças Armadas; Conclusão de curso de Extensão de Vigilantes; Conclusão de cursos complementares na área de segurança.

Avaliação Psicológica

Essa etapa, consiste na análise objetiva e padronizada de características cognitivas, emocionais, de personalidade e motivações dos candidatos.

Nessa parte geralmente podem ser aplicados teste, questionários ou inventários aprovados pelo Conselho Federal de Psicologia e aplicados por psicólogos registrados no Conselho Regional de Psicologia.

O Curso de Formação

No curso de formação do concurso Polícia Penal MG, são exigidas carga horária mínima de 62 horas, e são divididas em disciplinas teóricas e práticas. Essa é a última etapa para tomar posse do cargo.

A carreira de Policial Penal é seu desejo? O edital do concurso Polícia Penal MG pode sair a qualquer momento, comece a estudar agora mesmo para as provas do concurso e garanta mais chances de aprovação e de posse do cargo!

Saiba mais sobre o Concurso Polícia Penal MG (AGEPEN MG): Edital irá ofertar vagas para o nível médio!

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais