Concurso CRF-PR: Edital com salários de até R$ 4,5 mil!

Foi publicado o edital do novo concurso CRF-PR (Conselho Regional de Farmácia do Estado do Paraná). Oportunidades para nível superior, com salários de até R$ 4,5 mil! Como fazer a inscrição do concurso CRF-PR? As inscrições ficarão abertas até às 23h59min do dia 11 de novembro de 2019. Para realizar sua inscrição, o candidato deverá ...

Status do concurso: Encerrado

Última Notícia

Imagem Concurso CRF-PR: Edital do certame é retificado e altera requisitos!

Concurso CRF-PR: Edital do certame é retificado e altera requisitos!

O edital do concurso CRF-PR (Conselho Regional de Farmácia do Estado do Paraná) sofreu uma retificação alterando os requisitos dos cargos.

Continuar Lendo

Foi publicado o edital do novo concurso CRF-PR (Conselho Regional de Farmácia do Estado do Paraná). Oportunidades para nível superior, com salários de até R$ 4,5 mil!

Como fazer a inscrição do concurso CRF-PR?

As inscrições ficarão abertas até às 23h59min do dia 11 de novembro de 2019.

Para realizar sua inscrição, o candidato deverá acessar o site da banca organizadora, Instituto Quadrix.

A taxa de inscrição tem o valor fixo de R$ 65,00.

O pagamento da taxa de inscrição deverá se efetuado até o dia 12 de novembro de 2019.

Vagas e salários do concurso CRF-PR

O certame oferta 90 vagas, sendo 03 vagas de caráter imediato, mais 87 vagas para formação de cadastro reserva, no nível superior. As oportunidades são para os seguintes cargos:

Nível Superior: Advogado (1+ 29CR), Analista de RH (1+ 29CR), Contador (1+ 29CR).

Os salários variam de R$ 2.700,00 a R$ 4.585,56, com jornadas de trabalho de 44 horas semanais.

Os candidatos aprovados serão lotados na cidade de Curitiba/PR.

Benefícios

O CRF-PR oferecerá aos candidatos admitidos por meio do concurso público, desde que preenchidos os requisitos legais, os benefícios previstos no Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) vigente à época, e que atualmente são os seguintes:

a) Vale Refeição/Vale Alimentação;

b) Auxílio Educacional;

c) Auxílio Creche/Pré-Escola Infantil/Babá;

d) Plano de Saúde com coparticipação de acordo com a utilização;

e) Plano de Cargos e Salários;

f) Vale Transporte, conforme legislação.

Como será a prova do concurso CRF-PR?

A avaliação dos candidatos será por meio de prova objetiva (para todos os cargos) realizada na data prevista de 08 de dezembro de 2019, com duração de 4 horas e 30 minutos.

Os locais e horários da prova serão informados no site da banca organizadora, Instituto Quadrix, a partir do dia 03 de dezembro de 2019.

A prova objetiva será composta de 50 questões de múltipla escolha, com 5 (cinco) alternativas para escolha de uma única resposta; com pontuação total máxima de 100,00 pontos, e terá caráter eliminatório e classificatório.

Será considerado habilitado na prova objetiva o candidato que, cumulativamente:

a) obtiver nota igual ou superior a 10,00 pontos em Conhecimentos Gerais;

b) obtiver nota igual ou superior a 50,00 pontos em Conhecimentos Específicos;

c) estiver classificado para a correção da prova discursiva dentro do, incluindo-se os candidatos empatados na última posição.

Haverá ainda uma prova discursiva e uma avaliação de títulos, como critério de avaliação dos candidatos.

O conteúdo programático da prova consistirá nas seguintes disciplinas:

Conhecimentos Gerais

– Língua Portuguesa: 05 questões;

– Noções de Informática: 05 questões.

Conhecimentos Específicos

– Legislação: 10 questões;

– Conhecimentos Técnicos: 30 questões.

O prazo de validade do concurso público é de 2 (dois) anos, contados a partir da data de publicação da homologação do resultado final no Diário Oficial da União, podendo ser prorrogado, 1 (uma) única vez, por igual período, por conveniência administrativa.

Requisitos necessários para investidura nos cargos do concurso CRF-PR

O candidato com interesse em pleitear a uma das vagas ofertadas no concurso CRF-PR, deverá atender aos seguintes requisitos necessários para a posse dos cargos:

– Conhecer e cumprir as determinações deste edital e ter sido aprovado e classificado no Concurso Público, dentro do número de vagas;

– Ter nacionalidade brasileira ou portuguesa e, em caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo estatuto de igualdade entre brasileiros e portugueses, com reconhecimento de gozo de direitos políticos, nos termos do parágrafo 1º, artigo 12, da Constituição da República Federativa do Brasil;

– Ter idade mínima de 18(dezoito) anos completos, na data da contratação;

– Apresentar, quando da convocação, os documentos comprobatórios dos requisitos exigidos para o exercício do cargo, bem como outros documentos que se fizerem necessários à época da contratação;

– Estar em dia com as obrigações eleitorais e em pleno gozo dos direitos políticos;

– Apresentar certificado de reservista ou de dispensa de incorporação, em caso de candidato do sexo masculino;

– Apresentar declaração de que não acumula cargo ou função pública, ou proventos de inatividade, ressalvadas as possibilidades de acumulação lícita previstas no inciso XVI do artigo 37 da Constituição Federal;

– Ter aptidão física e mental para o exercício das atribuições correspondentes ao cargo;

– Não estar cumprindo sanção por inidoneidade, aplicada por qualquer órgão público ou entidade das esferas federal, estadual, municipal ou do Distrito Federal.

Sobre o CRF-PR

“Fiscalizar a ética no exercício da profissão farmacêutica” este foi o propósito de todos os profissionais farmacêuticos, quando na década de 30 iniciaram tímidas discussões para a criação de um órgão que resgatasse valores da profissão e a organizasse como classe, na ocasião cogitou-se a ideia de formar a Ordem dos Farmacêuticos do Brasil – OFB, seguindo os moldes da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil).

Mas criar um órgão para fiscalizar uma categoria e dar as diretrizes à profissão não é algo simples, requer, principalmente, união, esforço conjunto e abnegação de hábitos bastantes arraigados. Ou seja, seria necessário rever a conduta profissional dos farmacêuticos e formatar as leis que garantiriam o futuro da profissão.

Passado mais de duas décadas, após as primeiras ideias lançadas, finalmente em 1953, foi aprovado o anteprojeto que daria origem a OFB durante a XI Convenção Brasileira de Farmacêuticos, realizada em Curitiba. A partir daí, durante os eventos profissionais, a classe farmacêutica passou a se articular e organizar comissões para a realização de audiências com alguns políticos, abaixo-assinados e moções foram entregues até a aprovação e criação da Ordem. Foi o primeiro e decisivo passo para a promulgação, em 1960, da Lei 3.820, que criou o Conselho Federal de Farmácia – CFF. Após 06 meses, no dia 05 de julho de 1961, o plenário do CFF editava as duas primeiras resoluções, a primeira aprovava o seu Regimento Interno e a segunda criava dez Conselhos Regionais, entre eles o CRF-9, que abrigava os Estados do Paraná e Santa Catarina.

Desde a sua fundação em 14 de outubro de 1961, a valorização da profissão farmacêutica é uma das principais bandeiras levantadas pelo CRF-PR. Ao fazer uma retrospectiva dos mais de 50 anos de atuação do Conselho, entre outros aspectos, não resta dúvida de que o fato de, atualmente, 98% das farmácias do Estado contarem com a presença de um farmacêutico é a mais importante vitória conquistada pela categoria.

Ao fazer um resgate da história do CRF-PR, não é difícil constatar que muitas das reivindicações feitas no passado ainda são atuais. Mas o balanço da mobilização de toda a categoria juntamente com outras entidades, durante todos estes anos, em volta à “Moralização da Profissão”, o resultado é positivo, tendo em vista que o farmacêutico conquistou estabilidade no mercado de trabalho, respeito e o reconhecimento da sociedade.

Missão

Zelar pela fiel observância dos princípios da ética e da disciplina da classe dos que exercem atividades farmacêuticas no Paraná.

Visão

Garantir a presença de Farmacêutico ético, habilitado e capacitado nas diferentes áreas de atuação da profissão.

Valores

Transparência, Eficiência, Impessoalidade, Ética, Inovação, Qualidade, Integridade, Profissionalismo, Comprometimento e Sustentabilidade.

Acompanhe nossas

redes sociais