Concurso MP MT: Novo edital está em estudo | Nova Concursos

Concurso MP MT: Processo para abertura de novo edital é iniciado!

Novo concurso MP MT para a área de apoio entra no radar. O Ministério Público do Mato Grosso iniciou os estudos para realização da seleção e de acordo com o procurador-geral de Justiça, José Antônio Borges Pereira, a intenção é que o processo seletivo seja aberto em 2022. A promotora de Justiça e coordenadora do programa de qualidade d...

Status do concurso: Previsto
BAIXE GRÁTIS: e-Book Oportunidades para Mudar de Vida em 2021
Cadastre-se e receba: e-Book Concursos 2021 + Guia Definitivo para montar um Plano de Estudos + Bônus Especiais!

Novo concurso MP MT para a área de apoio entra no radar. O Ministério Público do Mato Grosso iniciou os estudos para realização da seleção e de acordo com o procurador-geral de Justiça, José Antônio Borges Pereira, a intenção é que o processo seletivo seja aberto em 2022.

A promotora de Justiça e coordenadora do programa de qualidade de vida no trabalho, Claire Vogel Dutra, reforçou que o concurso deve ser regionalizado. Dessa maneira, irá efetivamente beneficiar os moradores locais e evitar possível evasão dos efetivos para Cuiabá, por exemplo.

Ainda não há informações sobre quais carreiras devem ser contempladas no novo concurso para o Ministério Público. Todos os detalhes devem ser estabelecidos no estudo prévio para o processo seletivo.

 

 

 

Concurso MP MT: situação atual

Novo concurso MP MT para servidores está em estudos. A expectativa é que o edital seja publicado no próximo ano.

De acordo com o procurador-geral de Justiça do Mato Grosso, José Antônio Borges Pereira, a seleção está em fase de estudo e a realização do concurso está condicionada à manutenção dos índices de arrecadação do estado.

A promotora de Justiça coordenadora do programa de qualidade de vida no trabalho, Claire Vogel Dutra, reforçou que o concurso deve ser regionalizado para efetivamente beneficiar os moradores locais e evitar possível evasão dos efetivos para Cuiabá.

Concurso MP MT: carreiras

Cargos e vagas

Conforme dados de abril do Portal da Transparência , o órgão dispõe de 96 cargos vagos na área de apoio. Desse total, 72 são apenas para Técnico Administrativo, que exige nível médio completo para ingresso.

Há ainda vacâncias para Administrador, Agente de Serviços Gerais, Analista de Sistema, Analista Pedagógico, Assistente Social, Economista, Engenheiro Sanitarista, Jornalista, Letras, Motorista e Psicólogo. As remunerações atualizadas não foram informadas.

Remuneração e benefícios

Confira na tabela a seguir a remuneração inicial dos cargos do Ministério Público do Mato Grosso:

Cargos de nível superior

  • 40h: R$ 8.948,22
  • 35h: R$ 7.830,08
  • 30h: R$ 6.711,33

 

Cargos de nível médio

  • 40h: R$ 4.474,10
  • 35h: R$ 3.915,03
  • 30h: R$ 3.355,66

 

Cargos de nível fundamental

  • 40h: R$ 3.430,18
  • 35h: R$ 3.001,56
  • 30h: R$ 2.572,70

Último concurso MP MT para servidores 

O último concurso para ingresso na área de apoio do Ministério Público de Mato Grosso ocorreu em 2012. O edital ofertou 64 vagas em carreiras dos níveis fundamental, médio e superior.

Quem tinha ensino fundamental completo pôde se candidatar a Auxiliar-Motorista. Já no nível médio, todas as oportunidades foram para Técnico Administrativo.

Foram disponibilizadas vagas ainda para Analista, de nível superior, nas áreas de: Assistente Social, Bibliotecário, Contador, Analista de Sistemas, Engenheiro Civil, Engenheiro Florestal e Geólogo.

Na ocasião, as remunerações eram de R$ 2.300 (nível fundamental), R$ 3 mil (nível médio) e R$ 6 mil (nível superior). A seleção foi organizada pela Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT).

Etapas da última seleção

Os concorrentes foram avaliados por provas objetivas, de caráter eliminatório e classificatório. A depender da escolaridade, os exames foram compostos por 40 ou 50 questões. Confira a seguir como foram distribuídas as questões da avaliação:

O prazo de validade do concurso foi de dois anos, com possibilidade de prorrogação por igual período. Enquanto o edital ficou válido, o órgão pôde convocar aprovados para suprir a necessidade de novos servidores.

Acompanhe nossas

redes sociais