Concurso Prefeitura de Jaciara – MT: SAIU EDITAL com vagas para todos os níveis de escolaridade!

Foi publicado o edital do novo concurso Prefeitura de Jaciara, no estado de Mato Grosso. As oportunidades são destinadas para cargos de níveis fundamental, médio e superior, com salários de até R$ 5,6 mil. Os interessados podem se inscrever até o mês de outubro, no site do Método Soluções Educacionais. Os candidatos serão avaliados por...

Status do concurso: Aberto

Edital disponível

e-Book Grátis para Você!

Guia Plano de Estudos Passo a Passo. Receba Agora!

Número de vagas 78
Salário De R$ 1.125,80 até R$ 5.610,23
Data de inscrição 08/09/2020 a 07/10/2020
Escolaridade Nível Fundamental, Nível Médio, Nível Superior, Nível Técnico
Estado Mato Grosso
Organizadora Método Soluções Educacionais
Valor da inscrição De R$ 50,00 a R$ 120,00
Data da prova 29/11/2020
Edital Arquivos

Foi publicado o edital do novo concurso Prefeitura de Jaciara, no estado de Mato Grosso. As oportunidades são destinadas para cargos de níveis fundamental, médio e superior, com salários de até R$ 5,6 mil.

Os interessados podem se inscrever até o mês de outubro, no site do Método Soluções Educacionais. Os candidatos serão avaliados por meio de uma prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, prevista para o mês de novembro!

Como fazer a inscrição no concurso Prefeitura de Jaciara – MT?

As inscrições estão abertas das 00h do dia 08 de setembro até às 23h59min do dia 07 de outubro de 2020.

Para se inscrever, o candidato deverá acessar o site da banca organizadora, Método Soluções Educacionais .

A taxa de inscrição varia nos seguintes valores:

Nível Fundamental: R$ 50,00;

Nível Médio: R$ 80,00;

Nível Superior: R$ 120,00.

O pagamento da taxa de inscrição deverá ser efetuado até o dia 08 de outubro de 2020.

Vagas e salários do concurso Prefeitura de Jaciara – MT

O certame oferta 78 vagas de caráter imediato, mais formação de cadastro reserva, nos níveis fundamental, médio e superior. As oportunidades são para os seguintes cargos:

Nível Fundamental: Coveiro (1+CR), Operador de Veículos e Máquinas (1+CR);

Nível Médio: Agente de Fiscalização Tributária (3+CR), Almoxarife (1+CR), Atendente de Consultório Dentário (2+CR), Auxiliar de Desenvolvimento Infantil (4+CR), Fiscal de Trânsito (1+CR), Oficial Administrativo (5+CR), Técnico Administrativo Educacional (CR), Técnico Agrícola (CR), Técnico de Laboratório (2+CR), Técnico em Enfermagem (2+ 4CR), Técnico em Radiologia (1+CR), Técnico em Higiene Dentária (1+CR);

Nível Superior: Assistente Hospitalar (1+CR), Assistente Social (1+CR), Bioquímico (CR), Enfermeiro (3+CR), Engenheiro Civil (1+CR), Farmacêutico (1+CR), Fonoaudiólogo (1+CR), Médico (4+CR), Odontólogo (3+CR), Professor (34+CR), Psicólogo (1+CR), Professor de Geografia (1+CR), Professor de História (1+CR), Professor de Matemática (1+CR), Professor de Língua Portuguesa/Inglesa (1+CR).

Os salários variam de R$ 1.125,80 a R$ 5.610,23, com jornadas de trabalho de 20 a 44 horas semanais.

Como será a prova do concurso Prefeitura de Jaciara – MT?

A avaliação dos candidatos será por meio de prova objetiva (para todos os cargos) aplicada na data provável de 29 de novembro de 2020, com duração de 04 horas.

Os locais e horários da prova serão informados no site da banca organizadora, Método Soluções Educacionais, a partir do dia 09 de novembro de 2020.

As provas objetivas irão desenvolver-se em forma de testes, através de questões de múltipla escolha, com 04 (quatro) alternativas cada uma (A, B, C e D). Cada questão terá apenas 01 (uma) alternativa correta. Será atribuída pontuação 0,0 (zero), às questões com mais de uma opção assinalada, questões sem opção, com rasuras ou preenchidas a lápis.

O candidato deverá comparecer ao local designado, com antecedência mínima de 30 (trinta minutos), usando máscara, munido de um dos seguintes documentos originais: Cédula de identidade- RG; Carteira de Ordem ou Conselho de Classe; Carteira de Trabalho e Previdência Social; Certificado Militar; Carteira Nacional de Habilitação, emitida de acordo com a Lei Federal nº 9.5031997 (com foto); Passaporte.

Ocorrerá ainda uma prova de títulos para os cargos de nível superior.

O conteúdo programático da prova irá constar as seguintes disciplinas:

Nível Fundamental

– Língua Portuguesa: 10 questões;

– Matemática e Lógica: 10 questões;

– Conhecimentos Gerais: 10 questões.

Nível Médio

– Língua Portuguesa: 10 questões;

– Matemática: 05 questões;

– Conhecimentos Gerais: 05 questões;

– Informática: 10 questões.

Nível Técnico

– Língua Portuguesa: 10 questões;

– Matemática: 05 questões;

– Conhecimentos Gerais: 05 questões;

– Conhecimentos Específicos: 20 questões.

Nível Superior

– Língua Portuguesa: 10 questões;

– Matemática: 05 questões;

– Conhecimentos Gerais: 05 questões;

– Conhecimentos Específicos: 20 questões.

O período de validade do concurso público será de 02 (dois) anos, a contar da data da publicação da homologação do seu resultado, prorrogável, 1 (uma) vez, por igual período, a critério da autoridade competente.

Requisitos necessários para investidura nos cargos do concurso Prefeitura de Jaciara – MT

O candidato Aprovado e Classificado no concurso público de que trata o edital, só poderá ser admitido no cargo se atendidas às seguintes exigências:

– Ser brasileiro nato ou naturalizado, ou português amparado pelo Estatuto de Igualdade entre brasileiros e portugueses, com reconhecimento de gozo de direitos políticos, nos termos do artigo 12, §1º da Constituição Federal;

– Estar em gozo de direitos políticos;

– Estar em dia com as obrigações eleitorais, documentado com os últimos comprovantes de votação ou certidão da Justiça Eleitoral;

– Apresentar Certificado de Reservista ou Certificado de Dispensa de Incorporação, em caso de candidato do sexo masculino;

– Ter idade mínima de 18 anos, à época da posse;

– Ter aptidão física e mental para o exercício das atribuições do cargo, avaliada por médico ou Junta Médica do Município de Jaciara – SUS.

– Não estar afastado junto ao INSS, na data limite para admissão, por motivo de doença ou acidente de trabalho;

– Apresentar documentação comprobatória dos requisitos mínimos exigidos;

– Apresentar outros documentos que se fizerem necessários, a época da posse, de acordo com a legislação em vigor;

– Não registrar antecedentes criminais por sentença judicial transitada em julgado;

– Não receber remuneração de cargo ou função pública, ressalvados os casos de acúmulo previstos na Constituição Federal.

Sobre o município de Jaciara – MT

A raiz histórica da colonização de Jaciara, em Mato Grosso, teve seu início em 1944, quando Milton da Costa Ferreira, um jovem representante comercial, fez sua primeira visita ao Estado para vender Máquinas de Costura, dentre outros equipamentos. Nesta época, vislumbrou um estado cheio de oportunidades e riquezas. Retornando ao Estado de São Paulo, conversou com seu pai Antônio Ferreira Sobrinho e seu irmão mais velho e cartorário, Paulo da Costa Ferreira, sobre os negócios que poderiam realizar no estado de Mato Grosso. Em outra viajem (1945) à cidade de Cuiabá, havia uma propaganda do Governo oferecendo terras com proposta de compra e venda de 10 mil hectares por pessoa, Milton nesta época fez bons negócios como representante comercial, adquiriu clientes e construiu boas amizades. Retornando a São Paulo com o anúncio em mãos do Governo, convenceu sua família a investir e a adquirir terras para o plantio agrícola e implantar uma colonização.

Após vários estudos e muitos dias de troca de informações, para a definição da escolha da área a ser comprada para a colonização, entre as três áreas disponíveis naquela época, foi escolhida esta região do Vale do São Lourenço, municípios de São Pedro da Cipa, Dom Aquino, Juscimeira e Jaciara – era um paraíso que poderia render muito em termos econômicos. Após a escolha, a família decide que o melhor a fazer seria entrar em contato com o Governador do Estado, Arnaldo Figueiredo, para as transações iniciais da compra das terras e demonstrar ao governo o interesse em colonizar toda a região. Assim feito, entra como mediador o senhor Milton da Costa Ferreira. Em 1947, em nome da empresa CIPA, adquiriram 70 mil hectares, sendo os sócios, Milton da Costa Ferreira, Paulo da Costa Ferreira, Osvaldo da Costa Ferreira, Navarro da costa Ferreira, Coriolano de Assunção, Antônio Ferreira Sobrinho e Joana da Costa Ferreira.

Adquirida a área, deu-se início a demarcação das terras e a localização da sede do município, nesta região existiam outros moradores que faziam divisa com as terras adquiridas pela CIPA, os brilhantenses que contribuíram com a demarcação das terras. Nesta época o acesso à região de Jaciara era efetuado por avião. Logo após a demarcação das terras veio para Jaciara o Patriarca da família, Sr. Antônio Ferreira Sobrinho e seus filhos, Paulo da Costa Ferreira e Osvaldo da Costa Ferreira, que possuíam larga experiência como comerciantes e no trato com fazendas. Em 1949, chegam os primeiros colonos. As primeiras lavouras são plantadas, cujo comércio era feito em Cuiabá. Nesta época, o caminho até Cuiabá era realizado por meio de estrada boiadeira, demorava sete dias para chegar à capital, os colonos que ficavam doentes também eram transportados para Cuiabá, causando grandes transtornos. Com isso a CIPA iniciou alguns investimentos na melhoria das estradas e construção de pontes.

Em 1950, é elaborado o projeto de urbanização da futura cidade e surge o primeiro colégio, com o nome de São Francisco de Assis, protetor do padroeiro da cidade.

É demarcada e aberta com foice e machados a avenida principal batizada de Tamoyos, hoje, Avenida Antônio Ferreira Sobrinho em homenagem ao diretor presidente da CIPA por ser o Patriarca da família e fundador de Jaciara. Após, foi realizado um almoço entre os trabalhadores e suas famílias na casa da dona Santa. A CIPA então constrói a primeira casa de alvenaria, de propriedade do senhor Mariano José Delmondes.

Nos anos que se seguiram a cidade evoluiu consideravelmente. A CIPA lança campanhas publicitárias de vendas de pequenas áreas rurais em São Paulo, Minas Gerais e Paraná, mostrando que a cidade já era uma realidade um local para se estabelecer e ter seus sonhos realizados, com incentivo de pagamento da propriedade rural com a própria produção.

As campanhas têm excelentes resultados atraindo enorme contingente de brasileiros oriundos de vários rincões, e a cidade começa a prosperar. A tarefa de colonização é coroada com êxito, quando em 20 de dezembro de 1958, o então governador do Estado, João Ponce de Arruda, sanciona a Lei Estadual n.º 1.188, criando o município de Jaciara.

Ainda em 1958, tem início à abertura da rodovia MT-15, hoje, BR-364, que trouxe novos impulsos à agricultura, pois viria permitir o escoamento da produção aos centros de consumo nacional. Já em 1959, é nomeado pelo governador do Estado, o primeiro prefeito municipal, senhor Alberto Tavares, que governou até 1963.

Em 31 de janeiro de 1963, tomou posse o primeiro prefeito eleito, senhor Antônio Bastos Pereira, e em sua gestão é instalada a primeira agência bancária que era o Banco do Povo, atualmente HSBC, e também, o primeiro posto de gasolina, Posto Shell, de propriedade de José Cassiano da Silva.

A partir de 1975, migram para as terras de Jaciara famílias oriundas do sul do País, notadamente do Rio Grande do Sul. Os gaúchos importaram para a região, tecnologia de ponta e se deu início a plantação da soja no cerrado, cujo resultado, foi de pleno êxito e muito animador, fazendo uma brusca transformação na economia. Dessa forma, a soja transforma-se na principal fonte de riqueza de Jaciara.

Em 30 de junho de 1978, através da Lei nº 4.004, é criada a Comarca de Jaciara, composta, além do município sede, pelos distritos de São Pedro da Cipa (hoje município) e Selma (antigo Jatobá).

Acompanhe nossas

redes sociais